domingo, 17 de junho de 2018

PONTO PARA O GOVERNO: SAÚDE DE SÃO BENTO UNA GANHA 03 AMBULÂNCIAS E 02 ÔNIBUS. POPULAÇÃO COMEMORA

Fotos: Instagram Bruno Araújo
Em um país cuja população sofre com a má qualidade, insuficiência e mais que isso, deficiência nos serviços de saúde, assistir a investimentos no setor em seus municípios transforma-se em um alívio. A sensação de segurança proporcionada pelo olhar atento dos gestores para uma área prioritária em tempos de desgastes políticos, inclusive, melhora os índices de aprovação popular dos prefeitos que elegem estas prioridades.  

No município de São Bento do Una, Agreste Pernambucano por exemplo, a prefeita Débora Almeida, realizou de forma festiva na manhã deste sábado (16),  a entrega de três ambulâncias e dois ônibus para uso da Secretaria Municipal de Saúde. O evento faz parte do programa “Prefeitura em Ação”.

Os veículos específicos para a saúde, devem ser utilizados no transporte dos pacientes do Hospital Municipal. Os dois ônibus, por sua vez, atenderão pacientes do TFD -  Tratamento Fora do Domicílio -, possibilitando o deslocamento destes para a capital Recife e outros centros de saúde do estado em busca de tratamentos adequados.

O veículos – todos zero quilômetros - foram viabilizadas através de emendas parlamentares dos deputados federais Bruno Araújo e João Fernando Coutinho, que se fizeram presentes à cerimônia em São Bento do Una participando da cerimônia. Já a terceira ambulância foi adquirida com recursos próprios.

Para a Prefeita Débora, “Esse era um sonho antigo que nasceu desde o início do nosso primeiro mandato e que apenas agora foi possível realizar.”  A gestora agradeceu aos parlamentares presentes pelo benefício.

ESTUDO DIVULGADO PELA CNM EVIDENCIA QUE 52 MUNICÍPIOS DO NORDESTE TEM MAIS ELEITORES QUE HABITANTES


Com a proximidade das eleições, a CNM – Confederação Nacional de Municípios -, disponibilizou em seu portal, o número de eleitores de 2018, os Municípios com o maior eleitorado e o número de cidades que possuem mais eleitores que habitantes.

O levantamento mostrou que em 348 cidades brasileiras apresentam esta distorção. Os dados são do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e da estimativa populacional para 2017 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Nesta comparação, ficou evidente que em 52 Municípios da Região Nordeste há mais eleitores que habitantes.

Um dos casos que chamam maior a atenção, por exemplo, é o da cidade de Severiano Melo, que tem uma diferença de 2.999 pessoas, entre o número de eleitores disponibilizado pelo sistema do Tribunal Superior Eleitoral no início deste mês e a estimativa do IBGE para a população do município em 2017. São 6.149 eleitores contra 3.150 habitantes.

Os interessados em ver este estudo com mais detalhes, podem acessar o link: https://www.cnm.org.br/biblioteca/exibe/3483