quinta-feira, 3 de maio de 2018

DIFICULDADES FINANCEIRAS ATINGEM O INSTITUTO LULA

Situação da Instituição piorou com a prisão do ex presidente.
Foto: reprodução do site jornaldacidadeonline.com.br 

A prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva agravou a já agonizante situação financeira do instituto que leva seu nome. Com previsão de gasto de R$ 120 mil mensais, o Instituto Lula tem pouco menos de R$ 200 mil em caixa. E esse dinheiro está bloqueado pela Justiça. 
Para pagamento de despesas obrigatórias, como benefícios previdenciários de seus funcionários, o instituto tem sido obrigado a pedir à Justiça a liberação dos recursos.

No dia 15 de março, a entidade lançou uma campanha para arrecadar R$ 720 mil, suficientes para cobrir gastos do primeiro semestre. Desses, 68% são para funcionários. Outros 14% referem-se a custos com água, luz e telefone.

Um mês e meio depois de iniciada, porém, a vaquinha só conseguiu amealhar 26,8% da meta. Foram R$ 193 mil até esta quarta-feira (2). Como as doações foram feitas via internet, esse dinheiro também está bloqueado.

Sem a presença de Lula para impulsionar a campanha de arrecadação e com aumento das despesas de viagens a Curitiba, onde o ex-presidente está preso, o instituto intensificou os cortes de custos. Uma das medidas foi a transferência do aluguel de um prédio anexo para o PT, onde funcionavam administração e diretorias da instituição. Assim pouparia R$ 10 mil mensais.

O PT instalou no endereço a comissão responsável pela elaboração do programa de governo de Lula, a cargo do ex-prefeito Fernando Haddad. O instituto também reduziu a folha de pessoal à metade. Hoje, conta com sete funcionários. Pelo menos cinco colaboradores diretos do ex-presidente, como seus assessores de imprensa, estão hoje contratados pelo PT.

As despesas com a permanência de auxiliares do ex-presidente em Curitiba correm por conta do partido. Desde o ano passado, diretores do instituto foram incorporados à estrutura partidária com direito à remuneração. É o caso do ex-ministro Luiz Dulci, hoje na vice- presidência do PT.


AMSTT ATUALIZA SINCRONIZAÇÃO DE SEMÁFOROS DA AVENIDA RUI BARBOSA

Foto: Secom Garanhuns

A Autarquia Municipal de Segurança, Trânsito e Transporte (AMSTT) de Garanhuns deu início, na última quarta-feira (02), à manutenção da sincronização dos semáforos que ficam localizados em toda a extensão da Avenida Rui Barbosa.

Os trechos assistidos pela nova sincronização são os cruzamentos entre a Rui Barbosa e as Avenidas Santa Rosa; Frei Caneca; Simoa Gomes; e Getúlio Vargas.

Equipes da AMSTT estão nos locais orientando os condutores durante a realização dos reparos.

Conforme o presidente da Autarquia, Elielson Pereira, "a nova sincronização dos equipamentos para um formato gradativo irá melhorar a trafegabilidade, favorecendo assim os condutores".


TOFFOLI NEGA PEDIDO DE LULA PARA TRANSFERIR PROCESSO DO SÍTIO DE ATIBAIA PARA SP

Foto: Veja

O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou nesta quinta-feira (03) o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para obrigar o juiz federal Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal em Curitiba (PR), a remeter o processo que o petista responde referente ao sítio de Atibaia (SP) para a Justiça Federal de São Paulo.

Os advogados de Lula haviam apresentado uma reclamação ao STF contra o fato de Moro já ter rejeitado a remessa dos autos desse processo para a Justiça Federal paulista.

Lula está preso desde o dia 7 de abril em Curitiba cumprindo pena após ser condenado por lavagem de dinheiro e corrupção passiva no processo do tríplex do Guarujá (SP), que tramitou sob Moro no Paraná.

Os defensores haviam usado como argumentado para o pedido de transferência o fato de o Supremo ter determinado na semana passada a exclusão de trechos de delações de executivos da Odebrecht desse processo e também de uma outra ação que envolve a compra de um terreno para o Instituto Lula.

CONVOCATÓRIA MUNICIPAL PARA O 28º FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS ESTÁ ABERTA

Foto: FH Studios

Após a Fundarpe divulgar a lista de habilitados do Festival de Inverno deste ano, a Secretaria Municipal de Turismo e Cultura do município divulgou detalhes do edital convocatório para artistas locais participarem do evento.  As inscrições ficam abertas até o dia 30 de maio, na área de formação cultural e nos segmentos artístico-culturais de artes visuais, audiovisual, cultura popular, dança, design e moda, fotografia, literatura, música, patrimônio cultural, teatro e gospel. O FIG 2018 vai acontecer entre os dias 19 e 28 de julho.

A grade de programação inclui oficinas, shows musicais, cortejos de cultura popular, performances, intervenções urbanas, espetáculos, palestras, exposições, mostras, encontros, ações de patrimônio e formação.

Para efetuar a inscrição, os interessados precisam levar os envelopes lacrados até à sede da Secretaria, localizada no Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti, bairro São José, de segunda a sexta-feira, sempre das 8h às 14h; ou enviar a proposta como encomenda normal ou Sedex, com Aviso de Recebimento (AR), para o endereço da secretaria responsável – lembrando que os documentos devem ser postados até o dia 30 deste mês.

Você pode encontrar o edital, encaminhado pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, no Portal do Governo Municipal