sábado, 24 de março de 2018

LOJA ARROMBADA EM PLENA LUZ DO DIA EM GARANHUNS. VEJA AS IMAGENS.

Imagens do Sistema de Segurança da Loja

E a criminalidade há muito já não escolhe horário e local para atuar. Na tarde deste sábado (24) em Garanhuns, uma loja de roupas e artigos infantis foi arrombada  e furtada por volta das 14h40, com a presença de trânsito e transeuntes no local. 

O crime aconteceu na Avenida Júlio Brasileiro, à cerca de 50 metros do Fórum Eraldo Gueiros Leite, local portanto improvável para tal ato e que mereceria no mínimo um reforço maior no policiamento.

Nas imagens captadas nas câmeras de segurança (assista no vídeo anexo) posteriormente acessadas pela proprietária da loja, percebe-se claramente a atuação de  04 pessoas, sendo 03 mulheres e um homem. Enquanto uma aparentemente mais jovem, vestida com roupas pretas permanece na porta da loja, observando provavelmente a aproximação de algum curioso ou da polícia, os demais estão no interior da loja de onde roubam tranquilamente diversas peças de roupa que são colocadas em grandes sacos plásticos. Logo após todos saem calmamente com os sacos nas mãos, sem despertar suspeita dos transeuntes.

Segundo a empresária responsável, durante todo o período do roubo, o alarme da loja, contratado de uma empresa de segurança privada, apesar de acionado pela proprietária ao final do expediente daquele dia, não disparou os sensores de presença, o que geraria o alarme sonoro. 
Ainda de acordo com essa pessoa, ao procurar a Polícia Civil para produção do Boletim de Ocorrência, foi informada que o único agente apto para o serviço, estava doente e não se encontrava na Delegacia.

Assista abaixo trecho das imagens captadas pelo sistema de segurança da empresa, disponibilizada pelos proprietários. Se conseguir identificar alguem nestas imagens, denuncie à Delegacia de Polícia Civil mais próxima.   




DONO DA RIACHUELO DEVE MESMO SER PRÉ CANDIDATO À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

Flávio Rocha: Mais um 'outside' na corrida presidencial?

A justificativa de alguns eleitores de que a ausência de opções para as eleições presidenciais vindouras seria fator preponderante para a abstenção ou mesmo escolha aleatória de um nome para o Palácio do Planalto, parece que está com os dias contados.

É que com a proximidade do pleito, e quase que diariamente, nomes começam a surgir na mídia e algumas especulações anteriores também começam a tomar forma, como é o caso do ex Ministro do Supremo, Joaquim Barbosa, que vem conversando com o PSB com mais intensidade nos últimos dias. E os candidatos denominados 'outside' - ou, 'de fora' - não param de aparecer.     

Agora, um outro nome especulado, do bem sucedido empresário Flávio Rocha, vice-presidente e diretor de relações com investidores da Guararapes, dona da rede de lojas de vestuário Riachuelo, voltou a ocupar os noticiários com a nota publicada por sua empresa que que o mesmo deixará a companhia para ser candidato à Presidência da República neste ano.

Segundo a empresa, Rocha continuará a exercer suas funções nos cargos que ocupa até o término do mandato, em 26 de abril.

No entanto em razão do tempo a ser depreendido no exercício das atividades de candidato à Presidência da República, a companhia informa aos seus acionistas e ao mercado em geral que Flavio Rocha não será indicado para reeleição”, diz trecho do comunicado.

O próprio Flávio Rocha, disse na última quarta-feira (21), que vai ser candidato à Presidência da República e que conversa com seis partidos para definir a sua filiação.

'SERIA COVARDIA NÃO DISPUTAR ELEIÇÃO PRESIDENCIAL’ DIZ TEMER

Temer: "Seria covardia não disputar eleição presidencial!". Arte: FCA
O presidente Michel Temer (MDB) avalia que seria uma "covardia" não disputar a eleição para a presidência do Brasil em outubro deste ano, diante da necessidade de se "mostrar o que está sendo feito" pelo governo. Em entrevista à revista "IstoÉ" publicada nessa sexta-feira (23), Temer afirmou que tem "orgulho" da sua administração e estimou que "seria uma covardia não ser candidato, porque se eu tivesse feito um governo destrutivo para o país eu mesmo refletiria que não dá para continuar".

Segundo Temer, que assumiu após o impeachment de Dilma Rousseff, seu governo recuperou "um país que estava quebrado, literalmente quebrado, e me orgulho do que fiz". O presidente revelou que a ideia de se candidatar surgiu há "um mês e meio", pelo medo de não haver candidatos que defendam seu governo.

"Esperávamos no início que alguém fosse o candidato do governo com essa missão de defender o governo. Mas se ninguém vai defender o governo, dar continuidade ao que fizemos no governo, eu mesmo faço", declarou. O presidente, que tem apenas 6% de aprovação (segundo pesquisa Datafolha), avalia que sua popularidade vai aumentar quando a população relacionar as realizações do governo à sua pessoa.

"É preciso divulgar mais o que tem sido feito. A população reconhece o que está sendo feito, mas ainda não há uma conexão com a minha figura. Preciso conectar o que foi feito, o que foi aplaudido, o que foi elogiado, à minha figura. Em todas as áreas, o que foi feito depende da minha atuação".


MAIS INVESTIMENTOS PARA A EDUCAÇÃO VEM TRANSFORMANDO SÃO BENTO DO UNA EM REFERÊNCIA NA REGIÃO

Visita de Ministro da Educação e Deputado Bruno Araújo, 
deixou saldo positivo para São Bento do Una. Fotos: TVSBUna
A educação vem tendo um bom destaque nas últimas semanas no estado com a presença mais constante do Ministro pernambucano Mendonça Filho (DEM), titular da pasta.

No último sábado (17), acompanhado do deputado federal e ex-ministro das cidades, Bruno Araújo (PSDB), Mendonça esteve em São Bento do Una, onde apresentou um mpainel positivo da educação municipal, enaltecendo os  excelentes números que o município vem obtendo citando o IDEPE, que atesta elevados números. 

Já o Deputado Bruno Araujo, majoritário naquele  município destacou seu empenho na liberação de verbas endereçadas à São Bento, utilizadas entre outras ações, nas reformas das principais praças da cidade, na construção de quase três dezenas de casas populares e 300 cisternas na zona rural.
Prefeita Débora Almeida, acompanhada do Ministro Mendonça Filho e do 
Deputado Bruno Araújo (ao fundo), visitam obra em São Bento do Una.
Para a Prefeita Débora Almeida (PSB), foi momento de agradecimento ao Ministro e ao parlamentar pela atenção com seus munícipes. Ela aproveitou a oportunidade para também destacar os avanços da educação no município nos últimos anos.

De saldo da visita do Ministro e Deputado à São bento do Uma, ficaram cerca de R$ 4,2 milhões a serem investidos na construção de uma escola no Bairro Alto Santiago, uma creche na Vila do Espirito Santo e aquisição de três ônibus para reforçar o transporte dos alunos locais.

GUERREOU: DIRETÓRIO DO MDB DE PERNAMBUCO GANHA PRIMEIRA BATALHA CONTRA FBC

Senador Fernando Bezerra Coelho (E), havia ganho o direito de dirigir o MDB
em Pernambuco, mas vem recebendo 'chumbo grosso' do atual diretório,
AINDA comandado pelo Vice Governador Raul Henry.

E como previsto pelo Vice Governador Raul henry, em entrevista concedida no início desta semana na imprensa da capital, está instaurada a guerra entre o atual diretório do MDB pernambucano e o Senador Fernando Bezerra Coelho, recém chegado à legenda.
E mais uma batalha foi vencida pelo Vice governador e pelo Deputado Jarbas Vasconcelos. É que em decisão emitida na noite desta sexta-feira (23), o ministro do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, suspendeu a dissolução do diretório estadual do MDB e determinou: "fica recomposto o status quo ante à decisão proferida pelo Ministro Admar Gonzaga no referido MS, voltando, em consequência, a funcionar o Diretório Estadual do MDB/PE com a sua composição anterior à reunião da Comissão Executiva Nacional, ocorrida em 20/3/2018 e preservadas as suas atribuições estatutárias".
Em outras palavras, o vice-governador Raul Henry volta ao comando do diretório estadual, que havia passado às mãos do senador Fernando Bezerra Coelho no último dia 20.

ABAIXO, TRECHO DA DECISÃO E O DOCUMENTO ASSINADO POR LEWANDOWSKI:
"Por isso, afigura-se de todo conveniente conceder a cautela pleiteada para suspender a dissolução do Diretório Estadual, retornando-se ao status quo ante, de modo a evitar uma indesejável interferência exógena no processo eleitoral que em breve se iniciará, sob os auspícios do diretório local, sobretudo considerando que o ato atacado só se concretizou em virtude da concessão da liminar pelo TSE, a qual, a partir de agora, deixa de surtir efeitos".


E prossegue: "Isso posto, com base no poder geral de cautela e com arrimo, ainda, no art. 955 do Código de Processo Civil, suspendo, liminarmente, a eficácia da decisão do Tribunal Superior Eleitoral no MS 0600249-63.2018.6.00.0000, determinando, também, o sobrestamento dos processos em trâmite nas instâncias ordinárias do Poder Judiciário do Estado de Pernambuco".

O ministro, então, concluiu: "Determino, mais, a suspensão de qualquer procedimento administrativo cujo objeto seja a dissolução do Diretório Estadual do MDB/PE, até o julgamento do mérito do presente conflito de
competência. Destarte, fica recomposto o status quo ante à decisão proferida pelo Ministro Admar Gonzaga no referido MS, voltando, em consequência, a funcionar o Diretório Estadual do MDB/PE com a sua composição anterior à reunião da Comissão Executiva Nacional, ocorrida em 20/3/2018 e preservadas as suas atribuições estatutárias
".