segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

BLOG DENUNCIA QUE SENADOR HUMBERTO COSTA TERIA ACORDO COM PSB PARA PREJUDICAR CANDIDATURA DE MARÍLIA ARRAES

Foto: Ennio Benning/ Reprodução Instagram
O Blog do Edmar Lyra revelou, nesse domingo (04), a existência do que seria um acordo que estaria sendo costurado pelo senador Humberto Costa, com o governador Paulo Câmara, cujo propósito seria "rifar" a candidatura própria de seu próprio Partido, o PT, que tem a pré-candidatura da vereadora do Recife, Marília Arraes, empatada nas pesquisas de opinião, em segundo lugar, justamente com ninguém menos que o próprio Paulo Câmara.

Segundo o Blog do Edmar Lyra, o conchavo para rifar a candidatura de Marília Arraes teria pautado as conversas entre os políticos presentes ao tradicional Baile Municipal do Recife, que costuma reunir, nos camarotes, os aliados políticos do prefeito da Capital  pernambucana do momento e que, atualmente, é Geraldo Júlio, do PSB de Paulo Câmara.

Ainda segundo o Blogueiro Edmar Lyra, "Nos bastidores do Baile Municipal não se falava noutra coisa senão na informação de que o governador Paulo Câmara oferecerá uma vaga na chapa majoritária ao PT, que seria ocupada pelo ex-prefeito do Recife, João Paulo. A dúvida seria se ele se candidataria a vice-governador ou a senador. Além desta oferta, há a informação de que o vereador Jairo Britto assumiria uma secretaria no Recife para abrir espaço para João da Costa, e ainda seria garantida a estrutura do PSB para eleger Osmar Ricardo deputado estadual. Por fim, Humberto Costa ficaria livre para disputar um mandato de deputado federal. Nesta conta, a fatura de Marília Arraes estaria paga pelo PSB, e o PT a sacrificaria sob a tese de encurtar o caminho para chegar ao governo."


Em sua Coluna de hoje, Edmar Lyra reitera, em nota, o que afirmou ontem: "Pacote – No pacote que  visa tirar de uma vez por todas a candidatura de Marília Arraes ao governo estão a garantia do mandato a João da Costa com a indicação de Jairo Brito para o secretariado de Geraldo Julio, a ida de João Paulo para a majoritária de Paulo Câmara, e as vitórias de Osmar Ricardo para estadual e Humberto Costa para federal. Essa é a conta para “pacificar” o PT e reinseri-lo na Frente Popular." 

‘IMPACTO DE CARNAVAL’ LEVARÁ A PALAVRA DE DEUS AOS FOLIÕES

Foto: Divulgação/Missões Rio
O carnaval de 2018 ainda nem começou e já promete grandes evangelizações nos dias de folia. Uma das ações mais tradicionais, o Impacto de Carnaval é organizado pela Missões Rio e está em sua 23ª edição. A mobilização missionária acontecerá entre os dias 9 e 13 deste mês e reunirá diversas denominações evangélicas. O tema deste ano é “Pelo direito à esperança”.
De acordo com o pastor Ulisses Torres, coordenador do Impacto de Carnaval 2018, o tema deste ano tem um significado especial.
– A fé é baseada naquilo que nós esperamos do futuro. Num país tão complicado, onde parece que não existe esperança, a gente propõe uma esperança a partir da fé em Jesus Cristo. As pessoas devem ter o direito de acreditar que Deus vai intervir na nossa nação e nos conduzir a um novo momento – declarou o religioso.
O pastor Ulisses também esclarece que a evangelização deste ano vai começar na sexta-feira (9), com uma vigília, e terminar na terça (13), último dia de carnaval.
– Funcionará de duas formas: um grupo de oração se reunirá às 7h da manhã da sexta-feira e vai se revezar 24 horas por dia, até a terça-feira. Eles oram pelos que estão indo para retiros, para os crentes que ficaram no Rio de Janeiro e para as pessoas que serão alcançadas. A segunda maneira é o grupo de trabalho local, em que a gente vai abordar pessoas próximas a essas igrejas, com testemunhos pessoais – explicou o coordenador.
O líder religioso também conta que evangelizações em época de carnaval são uma oportunidade para missões internacionais.
– A gente acaba fazendo missões internacionais sem sair do nosso bairro. Além daquele grupo de pessoas que nós já abordamos, falamos com turistas também, porque o Rio de Janeiro recebe muitos visitantes nesse período – acrescentou Ulisses.
Em sua 23ª edição, Ulisses admite que ainda há desafios ao evangelizar no carnaval de rua, sobretudo por parte dos próprios voluntários.
– O maior desafio é olhar para essas pessoas que estão no carnaval com os olhos do amor cristão e não com julgamentos. Elas não são diferentes de nós, crentes, só estão na mesma condição que estávamos antes de conhecer a Jesus Cristo. A gente não está indo para brigar com as pessoas, mas para celebrar este período da nossa perspectiva, proclamando o evangelho – defendeu o pastor.

Para se inscrever no Impacto de Carnaval 2018, é preciso visitar o site da Missões Rio e preencher o  cadastro.