sábado, 27 de janeiro de 2018

OPOSIÇÃO À PAULO CÂMARA QUER DEMONSTRAR FORÇA NESTE SÁBADO NO SERTÃO

E com os resultados da recente pesquisa realizada pelo Instituto Múltipla, cujos números apontam o crescimento e liderança do Senador Armando Monteiro (PTB) na corrida para conquista do governo de Pernambuco nas próximas eleições,  um novo fôlego ganhou as oposições ao governador Paulo Câmara (PSB).
Com o slogan ‘Pernambuco quer mudar’, o bloco de oposição se reúne hoje, sábado (27), no município de Petrolina, no Sertão do São Francisco, para realizar o segundo ato político com o objetivo de “debater os problemas do Estado”. O evento conta com o apoio oficial de sete partidos e alguns dissidentes do MDB, como o próprio senador Fernando Bezerra Coelho, que trava uma disputa jurídica contra o grupo de Jarbas Vasconcelos (MDB) para comandar a legenda emedebista.
A estimativa de público, segundo o prefeito petrolinense, Miguel Coelho (PSB), é de quatro mil pessoas, o dobro do que esteve presente em evento realizado no Recife, no mês passado. “Cerca de 20 prefeitos da região vão participar”, garantiu.
O ato político contará com a presença do ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM), e do ministro de Minas e Energia, Fernando Filho (sem partido), além do senador Armando Monteiro Neto (PTB). Mas o protagonista deve mesmo ser FBC, que está no seu principal reduto eleitoral.

Para rebater o argumento usado pelo PSB, de que o grupo está colado ao desgaste do presidente Michel Temer (MDB), o prefeito de Petrolina reage. Diz que, na aliança de Paulo Câmara, há lideranças, como o próprio ministro da Defesa, Raul Jungmann (PPS), que fazem parte da gestão Temer.
Com informações do Blog do Magno