segunda-feira, 26 de novembro de 2018

GARANHUENSES VISITARAM RESIDÊNCIA DE BOLSONARO E TIVERAM AGENDA COM PRESIDENTE ELEITO

Encontro do presidente com PSL do Agreste dê Pernambuco:
Luiz Vidal, Thiago Paes (2o) e Edu Cabral com presidente eleito, Jair Bolsonaro e
Adriano Lins. (Foto: Divulgação)

E após o episódio no qual governadores do Nordeste não foram recebidos por Jair Bolsonaro (PSL), uma comitiva formada por representantes da legenda no Agreste Meridional pernambucano, mais especificamente de Garanhuns esteve na residência do recém eleito presidente, que mora na avenida Lúcio Costa, área nobre da Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro. 

Os visitantes foram aliados de primeira hora e participaram ativamente do projeto de candidatura - tida à época como inviável e improvável - e que culminou com a vitória do Capitão, eleito presidente.  

Edu Cabral detalhou ações futuras para
Pernambuco com o presidente eleito. 
O produtor cultural garanhuense Edu Cabral que durante a campanha, baseado no Recife, atuou como um dos coordenadores do PSL em Pernambuco e o candidato a deputado estadual Thiago Paes, que disputou a vaga no Agreste Meridional, encabeçaram a comitiva que conversou na tarde deste domingo (25) com Bolsonaro.

Em meio a um forte esquema de segurança, em virtude de um atentado sofrido pelo ainda candidato Bolsonaro durante passagem ação eleitoral em Juiz de Fora (MG), aproximar-se de Bolsonaro já não é tarefa tão simples e nem possível sem uma prévia e rigorosa triagem por parte da segurança formada em sua maioria por policiais federais e, óbvio, com permissão do deputado licenciado que deve assumir o governo do país a partir de 2019.

Nesta segunda feira (26), Edu Cabral deve disponibilizar com exclusividade por telefone, informações desta reunião com o presidente Bolsonaro para o programa ‘Falando com o Agreste’ que vai ao ar pela Rádio Marano FM de Garanhuns a partir do meio dia. O programa também pode ser escutado no blog www.falandocomoagreste.com.br  e no site da emissora www.radiomaranofm.com.br .

Um comentário:

  1. Pernambuco tem muito o que ganhar com esta aliança, principalmente Garanhuns, infelizmente, nosso governador paulo camera, deixou seu lado partidário, falar mas alto, e junto com alguns representantes do nordeste, tentaram boicotar a reunião marcada com o presidente eleito Jair Bolsonaro, com governadores eleitos, de cada estado nordestino, fazendo com que sua opinião política prevaleça a sua função de representante do povo Pernambucano, como viu que não deu certo, agora tenta, uma aproximação sem muito sucesso.
    Infelizmente no estado, estamos sem nenhum nome que possa representar uma oposição ao governo Paulo câmera, que vem cada dia mais e mais almentando impostos, como se o pernambucano já não pagasse pouco, na verdade, Pernambuco nescessita de uma oposição de direita, que tenha condições de disputar o governo do Estado, pois a muito tempo o governo de esquerda, manda e desmanda no estado.

    ResponderExcluir