terça-feira, 16 de outubro de 2018

BOLSONARO COMPARA VIOLÊNCIA DO RIO DE JANEIRO COM A DA VENEZUELA

Foto: Metropoles.com

O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, visitou nesta segunda-feira o quartel do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da Polícia Militar do Rio de Janeiro e disse que a violência na cidade só se compara com a de países em decadência como a Venezuela, e foi aplaudido por agentes da corporação após prometer ser um deles no poder, se eleito.

O ex-capitão do Exército, que ainda está sob restrição dos médicos para atos de campanha em consequência de facada sofrida no mês passado em Juiz de Fora (MG), fez um breve discurso a membros do Bope no quartel do batalhão na zona sul do Rio de Janeiro, que teve um vídeo divulgado na conta oficial do candidato no Twitter.

Bolsonaro disse ainda que vai trabalhar para mudar a legislação de forma a garantir que os agentes das forças de segurança tenham “paz para trabalhar” por meio de um excludente de ilicitude. O candidato entrou e saiu do quartel do Bope sem conceder entrevistas aos jornalistas que o aguardavam do lado de fora.

A primeira pesquisa do instituto Datafolha para o segundo turno mostrou o presidenciável do PSL com 58 por cento dos votos válidos, contra 42 por cento de Haddad. A votação decisiva ocorrerá em 28 de outubro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário