quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

DEPOIS DE FORTES CRÍTICAS DO PREFEITO IZÁIAS RÉGIS A CDL GARANHUNS, ENTIDADE EMITE NOTA SUBLIMINAR


Depois de uma entrevista ao radialista e jornalista Marcelo Jorge no programa " Falando Com o Agreste" , na rádio Marano FM de Garanhuns, nesta quinta-feira,28,o prefeito Izaías Régis, fez duras críticas a CDL( Câmara de Dirigentes de Lojistas de Garanhuns). Entre ás críticas, o prefeito falou que procurou integrantes da CDL para que a entidade pudesse participar financeiramente na Magia do Natal de Garanhuns, e segundo o gestor foi esnobado.

Nesta tarde após a entrevista do prefeito, o CDL Garanhuns emitiu nota através do presidente José Geraldo Nogueira aos empresários e aproveitou para criticar outras associações por sofrerem interferência em suas entidades, principalmente de políticos, subliminarmente se referindo a ACIG - Associação Comercial e Industrial de Garanhuns e ao prefeito Izáias Régis. A nota é mais emblemática ainda quando fala sobre a desvinculação de entidades privadas das públicas Brasil afora devido escândalos de corrupção, e encerra subjetivamente dizendo que a CDL só celebra parcerias com entidades confiáveis e transparentes quando for convidada, dando a entender que não houve por parte do prefeito uma proposta ou um projeto para ser parceiro no natal de Garanhuns.


É, bem verdade que essa briga não é boa para Garanhuns, pois a cidade precisa de unidade para seus futuros eventos e uma entidade como a CDL é parte importante com seus diversos associados e que podem ajudar a captar recursos para selarem parcerias em outras investidas festivas e campanhas. Já o prefeito Régis tem que “ amarrar” melhor seus projetos  para ir atrás desses recursos junto as empresas com propostas bem contruídas e transparentes para essa captação de recursos que viabilizará grandes eventos para a cidade que administra.

NOTA DA CDL





Por Marcos Antônio

PISO SALARIAL DO PROFESSOR TERÁ AUMENTO DE 6,81%

Piso salarial do professor será reajustado em 2018
FOTO: DIVULGAÇÃO
O governo federal anunciou um aumento de 6,81% no piso salarial dos professores para 2018. O piso nacional do magistério passará a ser de R$ 2.455,35 para jornada de 40 horas semanais.
A portaria que autoriza o aumento foi assinada pelo ministro da Educação, Mendonça Filho, nesta quinta-feira (28). O índice, anunciado pelo MEC, é 4,01% acima da inflação prevista para este ano, que é de 2,8%, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA).
Nos últimos dois anos, os professores tiveram um ganho real de 5,22%, o que corresponde a R$ 124,96, segundo o Ministério da Educação.O reajuste anunciado segue os termos do art. 5º da Lei nº 11.738, de 16 de julho de 2008, que estabelece a atualização anual do piso nacional do magistério, sempre a partir de janeiro.
O critério adotado para o reajuste, desde 2009, tem como referência o índice de crescimento do valor mínimo por aluno ao ano do Fundeb, que toma como base o último valor mínimo nacional por aluno (vigente no exercício que finda) em relação ao penúltimo exercício. No caso do reajuste deste ano, é considerado o crescimento do valor mínimo do Fundeb de 2016 em relação a 2015.

Gazetaweb

PRESIDENTE DO STF SUSPENDE PARTE DE DECRETO DE INDULTO DE NATAL

Foto: Correio da Bahia
A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, suspendeu na tarde desta quinta-feira (28) trechos do decreto assinado pelo presidente Michel Temer que concedia o indulto de Natal e a redução de pena a pessoas condenadas em todo o país sob o argumento que a edição da norma acarretou “aparente desvio de finalidade”.

Na prática, a decisão suspende os efeitos de cinco trechos do decreto até uma nova análise do relator do caso, ministro Roberto Barroso, ou do plenário do Supremo.

Dodge havia questionado o decreto assinado por Temer na última sexta-feira (22) sob a alegação de que a norma feria à Constituição ao prever, por exemplo, uma espécie de anistia a condenados que teriam de pagar multas ou foram beneficiados com a suspensão condicional de processo.

Prerrogativa do presidente da República, o decreto de indulto permite que o Estado conceda benefícios ou perdoe a pena de condenados que atendam a alguns critérios, como o cumprimento parcial da pena, por exemplo. Geralmente ele é assinado no fim do ano e, por isso, popularmente ficou conhecido como indulto natalino.

O decreto chegou a ser alvo de crítica força-tarefa do Ministério Público na operação Lava Jato, pois poderia desetimular a celebração de novos acordos de delação premiada.


A presidente do STF destacou que é “incompatível” com a extinção da punição conceder indulto para quem foi beneficiado com a suspensão condicional do processo. Ela lembrou que o eventual descumprimento das condicionantes pelo beneficiário para a transação penal acarretaria a retomada do processo.

PREFEITO DE GARANHUNS DIZ QUE CDL DE GARANHUNS FOI 'MESQUINHA' COM A MAGIA DO NATAL

Prefeito Izaías diz que CDL Garanhuns não foi parceiro
e pior que isso: Foi 'mesquinho' com o Natal. 
Em entrevista ao Programa ‘Falando com o Agreste’ nessa quinta feira (28), o prefeito de Garanhuns Izaías Régis (PTB) fez um balanço da sua gestão em 2017 e revelou suas expectativas e perspectivas para o ano de 2018.

O anúncio do desbloqueio da verba do FUNDEB, uma pauta que vinha incomodando o gestor, também foi comentado nessa conversa. O petebista comemorou o desbloqueio e disse que o recurso não é ‘carimbado’ – termo que significa que o dinheiro não precisa ser destinado a uma área específica – e que  portanto poderá ser utilizado para dar andamento a obras em diferentes áreas do município.

Um dos pontos que exaltou Régis durante a conversa foi a posição da CDL Garanhuns que, após ser segundo o gestor, visitado e convidado a participar dos investimentos na ‘Magia do Natal’, não colaborou e após o evento o clube de serviço utilizou canais de mídia para criticar o evento e declarar que o comércio não sentiu aquecimento econômico durante o período.

A entrevista com o prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, o internauta ouve na íntegra clicando no player abaixo. 

A PARTIR DE JANEIRO NOVAS VAGAS DE ESTACIONAMENTO ESTARÃO DISPONÍVEIS EM GARANHUNS

Foto: Roda Do Povo
As vagas estarão disponíveis até a próxima semana, pois a Autarquia Municipal de Segurança, Trânsito e Transportes (AMSTT) está finalizando, a implantação de sinalização vertical das ruas Ary Barroso, Dr. José Mariano e XV de Novembro, resultando assim a extensão do sistema de estacionamento rotativo Zona Azul.

De acordo com a Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Garanhuns, esta implantação visa promover mais rotatividade de veículos e evitar congestionamentos na área central da cidade. Com essa ação serão criadas mais de 100 vagas. Os trechos estão recebendo os últimos reparos, que englobam colocação de placas e pintura de meio-fio. As novas vagas estarão passando a exigir os cartões de Zona Azul no dia 02 de janeiro.


O presidente da AMSTT, Elielson Pereira, informou que os pontos de vendas estão sendo cadastrados, assim que isso acontecer serão divulgados.

GARANHUENSE É ELEITO MELHOR JOGADOR DO ESTADO


Foto: Leia Já Imagens
Mais uma vez Garanhuns vem se destacando nos esportes. Pois, atletas, paratletas e técnicos do estado foram homenageados no Prêmio "Pódio Pernambuco 2017", realizado pela secretaria de Turismo, Esportes e Lazer do estado, que premiou os principais destaques do desporto estadual durante este ano.

Entre os premiados, está o atleta de futebol de areia e garanhuense Fernando Luiz, conhecido como Fernando DDI, que é campeão da Copa do Mundo FIFA de Beach Soccer e da Copa Intercontinental Dubai, duas das principais competições da modalidade.

Foto: JC Online
Além dele, o paratleta Lucas Carvalho, do tênis de mesa, e o técnico Cristiano Rocha, do handebol também receberam o prêmio.


Todos os nomes foram indicados pelas suas federações. Depois, uma comissão de jornalistas escolhida pela Secretaria definiu os três finalistas e também os vencedores de cada categoria. Além da classe esportiva, também foram homenageados representantes de 50 empresas e instituições que apoiaram o esporte no Estado durante o ano, seja de base ou de alto rendimento.

QUEM DISSE QUE NÃO PODE FICAR PIOR : COLLOR PODE SER CANDIDATO Á PRESIDÊNCIA EM 2018

WALDEMIR BARRETO/ AGÊNCIA SENADO
Em tempos de retrospectivas de fim de ano, uma notícia parece estar relembrando os acontecimentos da década passada. Isso porque o senador Fernando Collor de Mello (PTC-AL) estaria cogitando um ‘repeteco’ da sua campanha em 1989 e pensa em se candidatar, nas eleições de 2018, ao cargo de presidente da República do Brasil.

A informação foi veiculada neste fim de semana pelo site da revista Época. De acordo com a publicação, o também ex-presidente Fernando Collor vem manifestando esse interesse político às pessoas que são próximas a ele.

O parlamentar estaria interessado em concorrer ao cargo mais alto do Poder Executivo no ano que vem, em substituição ao seu mandato no Senado Federal, que só vai terminar em 2022. O senador não chegou a confirmar tal informação.

O problema é que, assim como outros políticos de grande expressão no cenário e no histórico brasileiro, Collor responde a investigações no Supremo Tribunal Federal (STF), o que pode prejudicá-lo na eventual campanha.

RÉU NA LAVA-JATO

Não custa lembrar que Collor é réu nas investigações da operação lava-jato. A Procuradoria-geral da República  acusa o parlamentar de receber R$ 29 milhões em propina por suposta influência na BR Distribuidora empresa subsidiária da Petrobrás.Segundo o ex-Procurador Geral da Republica, Rodrigo Janot, estão envolvidos no suposto esquema, a mulher do senador Carlone Collor e seis acusados que atuavam como " operadores particulares"  e " testas de ferro" no recebimento dos valores.