sexta-feira, 24 de novembro de 2017

PERNAMBUCO SERÁ SEDE DO BRASILEIRO DE JUDÔ E GARANHUNS PARTICIPA COM DELEGAÇÃO RECORDE


E, pela primeira vez Pernambuco sediará o campeonato brasileiro de judô. O grandioso evento será realizado na Arena Pernambuco em São Lourenço da Mata, a partir desta sexta-feira,24, que terá entrada gratuita e se estenderá até o domingo dia, 26. A ACT - Associação Carlos Tevano de Judô formadora de campeões para o Brasil a para o mundo, não poderia deixar de participar desse grande e importante evento. 

E, mesmo sem apoio de nenhum órgão público, a delegação de Garanhuns viajou e já se encontra em Recife.Ela é formada por 81 atletas das cidades de:  Bom Conselho, Saloá, Jupi, Arcoverde, Iati, São José do Egito, Tabira e Pesqueira, sendo 18 atletas de Garanhuns que são : Mestre Carlos Tevano Amaral filho,(coordenador da delegação), Júlia Maria Araújo, Marcos Vinicius Costa, Marina Bonifácio Queiroz, Rafael D’Lucca Amaral, Miguel Arcanjo Amaral, Pedro Henrique Watanabe, Marcilio Emanuel Santos, Emerson Eduardo Villa Nova, Dilermando Brasileiro, Júlio César Vilela, Brenna Carolina, Mayanne Vitória, Larissa Araújo, Charles Gabriel Carvalho, Carlos Magno Donato, Maria Fernanda Melo e Carlos Tevano Amaral.

O campeonato brasileiro é o mais aguardado entre os judocas pois durante todo o ano os atletas se preparam participando de torneios e copas interestaduais visando índices que possam qualifica-los para o nacional que acontece todos os anos em alguma cidade brasileira. E, é , neste campeonato que eles têm visibilidade em nível nacional, pois são os melhores de cada estado e a televisão fará cobertura para todo país.

O GRAMADO VAI VIRAR TATAME


Uma grande novidade a ser destacada este ano - , é que pela primeira vez no mundo um campeonato de judô acontecerá dentro de um estádio de futebol, ou seja, no gramado da Arena Pernambuco. E, óbvio que isso será notícia mundo afora. Segundo o Mestre Carlos Tevano : “ a expectativa é a melhor possível, pois a grande maioria dos atletas que estão indo competir foram atletas campeões de Pernambuco e regionais e estão muito focados e entusiasmados em representar o estado muito bem com grandes chances de ganharam medalhas”.




SORTE AOS ATLETAS DE GARANHUNS E REGIÃO


Diferentemente do ano passado, quando o campeonato brasileiro aconteceu no Rio Grande do Sul, e infelizmente por falta de apoio da prefeitura e de empresas privadas, Garanhuns só pôde mandar dois atletas. Este ano por ser em nosso estado, a delegação será a maior de todos os tempos, 81 atletas, e a expectativa é de uma boa participação. E, não só Garanhuns como toda região do agreste e consequentemente todo estado torce pelos atletas que levarão a bandeira do estado nesta competição que será vista pelo mundo. Sorte a todos atletas da delegação de Garanhuns e Região e que medalhas possam vir, pois isso será sinônimo de muita dedicação, determinação, trabalho sério e muita transpiração.

Por Jornalista Marcos Antônio

CAMPANHA DO NOVEMBRO AZUL É REALIZADA NA CEAGA, EM GARANHUNS

Foto: Plantão da Cidade
O Sesc Garanhuns promove neste sábado (25) uma campanha em alusão ao Novembro Azul, movimento de conscientização sobre a segunda doença mais comum entre os homens no Brasil, o câncer de próstata. O evento vai acontecer no pátio da feira da Central de Abastecimento de Garanhuns (CEAGA), onde profissionais estarão orientando sobre a prevenção do câncer de próstata e encaminhando para exames de Antígeno Prostático Específico (PSA),

Além disso, quem for à CEAGA será beneficiado com exame de glicose, aferição de pressão arterial, orientações sobre o câncer de boca, além de vacinação contra difteria, tétano e hepatite, prevenção às DSTs e avaliação física.

Sobre os exames, o indicado é que os homens passem a monitorar a próstata a partir dos 50 anos. Nas fases iniciais, a doença não dá sinais de seu surgimento, porém, com o tempo, o tumor cresce e pode provocar sangramento, obstrução do jato urinário e dor pélvica. A Campanha Novembro Azul surgiu em 2003, aproveitando as comemorações do Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata que é celebrado no dia 17 de novembro.


Os serviços a partir das 7h, com entrada gratuita.

TERCEIRO FINAL DE SEMANA DA MAGIA DO NATAL TRAZ LEONARDO SULLIVAN À GARANHUNS

Leonardo Sullivan / Foto: V e C Garanhuns
Neste final de semana, a programação da Magia do Natal de Garanhuns trará performances que contemplam desde a cultura popular do município, até shows com cantores conhecidos nacionalmente.

Nesta sexta-feira (24), a partir das 19h, no palco em frente ao Palácio Celso Galvão, o público vai prestigiar shows do Reisado Mirim da Massaranduba, da banda Grupo 4 e Saxofone – do Erem Garanhuns, Dennis Bennicio e banda e encerrando a noite o cantor Marcelo Francisco.

Marcelo Francisco / Foto: V e C Garanhuns
Já no sábado (25) e domingo (26) acontecem além dos shows no Palco Prefeitura, o desfile do Papai Noel, a partir das 18h.  Shows do grupo Nossa Arte, Leonardo Sullivan, Bebeto Ramalho, banda Anjo dourado, entre outras encerram o terceiro final de semana de festa na cidade.

Lembrando que no distrito de Iratama, no domingo, a partir das 17h30 também terão apresentações.


Abaixo você confere a programação:


 






BRASÍLIA: ENTRE O AMOR E O ÓDIO, A POLÍTICA E A POESIA

Capital Federal: Uma cidade que não pára. Foto: Marcelo Jorge
* Por Marcelo Jorge

Brasília é uma cidade cosmopolita. Sua origem, gerada a partir dos sonhos de Juscelino Kubitscheck, tornada realidade através da mente e dos traços criativos de Oscar Niemayer e consolidada por milhares de mãos brasileiras que, distante de suas terras, deram forma ao que era apenas desolação no planalto central do país. 

Foram na verdade consumidas as forças, os recursos,  a dedicação e o suor de milhares de imigrantes, em sua maioria nordestinos, os "candangos" além do sacrifício de centenas de vidas, sepultados sob o frio concreto que hoje envolve o Distrito Federal, mas que preserva também o verde, dando uma atmosfera bucólica à quase todos os logradouros. 

Assim, a cidade tomou forma e o lugar, distante das alegrias e cores dos litorais, tornou-se o coração das decisões políticas do país, originado a partir daí um estranho paradoxo de amor e ódio por parte da sociedade brasileira. 

Alvo da critica mordaz do cidadão comum ou da indiferença explícita dos que sentem-se injustiçados, Brasília é o palco principal da cena política que se desenrola nos gabinetes do Congresso, nos Palácios e na Esplanada, praças e demais ambientes nos quais  os três poderes decidem os destinos  - e por vezes até as vidas - de mais de 200 milhões de  brasileiros. Escolas, hospitais, segurança é demais políticas públicas, que podem gerar mais desenvolvimento para a população, são pautas discutidas nesses ambientes.

Mas é aqui que também se desenrola o lixo da corrupção,  os 'grampos telefônicos', a má e suja política dos bastidores, os milhões de reais e dólares que viajam em malas, o dinheiro na cueca, a visita do lobista inescrupuloso, as negociações escusas que por vezes - e na maioria dos casos - permitem os escândalos e a promessa eleitoral e vazia de "dias melhores". 

* Marcelo Jorge é âncora do 'Falando
com o Agreste', Radiojornalista,
Consultor Político e Graduando em
Ciência política pela UNINTER
Mas o lado "romântico" de Brasília, também é perceptível aos visitantes: Os 'traços do arquiteto' traduzem a forma harmônica desenvolvida carinhosamente por Deus ao criar o 'Céu de Brasilia' cantado pelo poeta alagoano Djavan, em 'Linha do Equador', e arquitetado pelas habilidosas mãos e mente de sua criatura, Niemeyer.  

Em cada Quadra, em cada quarteirão, prevalece um milimétrico planejamento arquitetônico. Ainda há muito verde, apesar da constante ausência de chuvas e falta de água nas torneiras brasilienses. 
Do condutor de UBER ao taxista; do motorista de ônibus ao burocrata; dos sindicalistas aos parlamentares, todos são unânimes na magia que envolve esse pedaço do Planalto Central.  

E é dentro desse redemoinho de movimentos sociais, culturais e políticos, estes últimos bem ou mal intencionados, que é abruptamente interrompido nas quintas feiras com a evasão dos parlamentares para seus estados de origem e com a volta à aparente normalidade na vida do cidadão brasiliense e dos dezenas de milhares que povoam as cidades satélites que nós, do "Falando com o Agreste" , nos integramos inúmeras atividades que movem a capital federal, para levar frequentemente aos ouvintes/internautas de Pernambuco e do país que nos acompanham pelo Rádio ou aqui pelo Blog, as notícias de uma Brasília que aparenta frieza, porém apresenta-se em constante ebulição. 

E quando nos despedimos desse 'Éden Babilônico', a sensação vem nos versos de outro poeta, dessa vez o pernambucano Alceu Valença: Adeus Brasilia, vou morrer de saudade