quarta-feira, 26 de julho de 2017

JANOT SOLICITA NOVO INQUÉRITO PARA INVESTIGAR SENADOR PERNAMBUCANO

O senador Fernando Bezerra Coelho - Marcos Oliveira / Agência O Globo

BRASÍLIA - O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) a abertura de um inquérito para investigar o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) por suspeitas de corrupção passiva qualificada e lavagem de dinheiro. As acusações que embasam o pedido foram feitas por dois delatores da Odebrecht.

O pedido de Janot foi assinado na última segunda-feira e leva em conta o que afirmaram os delatores João Antônio Pacífico Ferreira e Carlos Fernando do Vale Angeiras. Bezerra, líder do PSB no Senado, já foi denunciado pela Procuradoria Geral da República (PGR), em outubro de 2016, por suposto recebimento de propina de pelo menos R$ 41,5 milhões em contratos da Refinaria Abreu e Lima.

Conforme o pedido de abertura de inquérito, a suposta propina foi paga a partir de contratos para obras do Cais V e do Píer Petroleiro no Porto de Suape. Além de Bezerra, que era secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado de Pernambuco, foi beneficiário da propina o então governador do Estado, Eduardo Campos, conforme os delatores. Campos morreu num acidente aéreo em agosto de 2014.

O suborno foi pago pelas empreiteiras Odebrecht, OAS e Andrade Gutierrez, segundo os delatores. O intermediário de Bezerra era Iran Padilha e o de Campos, Aldo Guedes, ex-diretor da Coopergás, conforme o pedido de abertura de inquérito. A propina equivalia a 3% do valor dos contratos – 1,5% para Bezerra e 1,5% para Campos.

No Cais V, o valor pago foi de R$ 2 milhões – 60% pagos pela Odebrecht e 40% pela OAS –, ainda segundo os delatores. O Píer Petroleiro também rendeu outros 3%. O dinheiro teria passado pelo Setor de Operações Estruturadas da Odebrecht – o departamento das propinas – e operacionalizado por uma casa de câmbio em Recife.

Janot pede ao STF que somente o caso de Bezerra, detentor de foro privilegiado por ser senador, permaneça no STF. Os demais casos devem ser remetidos à 4ª Vara Federal em Pernambuco, conforme pedido do procurador-geral.


Leia mais: https://oglobo.globo.com/brasil/janot-pede-novo-inquerito-para-investigar-lider-do-psb-no-senado-21634227#ixzz4nzLD7N5l

FOTÓGRAFA TEM EQUIPAMENTO ROUBADO EM PLENO FIG E PEDE A POPULAÇÃO QUE A AJUDE A REAVÊ-LO

A crescente onda de violência em Garanhuns e em todo o Agreste continua fazendo vítimas. E dessa vez, o alvo foi a fotógrafa garanhuense Ayane Larissa, que teve seu equipamento de trabalho roubado na tarde dessa quarta feira (26), nas proximidades do Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcante.

De acordo com testemunhas, a profissional estava em plena atividade por volta das 16 horas, produzindo um registro fotográfico do festival de Inverno de Garanhuns, em plena luz do dia, quando o bandido se aproximou por trás e arrancou violentamente da vítima uma câmera profissional da marca Nikon, modelo D5200, (idêntica a da foto acima), que estava pendurada por uma alça no seu pescoço.

Ainda segundo as testemunhas, o bandido, que portava uma arma de fogo, ainda efetuou um disparo direcionado ao chão para intimidar a vítima e a ameaçou caso houvesse reação ou perseguição ao mesmo.

Abalada, Ayane foi acolhida por pessoas que passavam no local e se dirigiu a Delegacia de Polícia, onde prestou queixa dando informações acerca do equipamento.

Quem souber, avistar ou desconfiar de alguém que esteja tentando repassar  por um preço irrisório uma câmera com as características acima, deve entrar em contato com as Polícias Militar ou Civil, qualquer órgão de imprensa e denunciar. 

MICHEL TEMER CONSEGUE SE SUPERAR EM REPROVAÇÃO, 94%


Foto : Beto Barata
Pesquisa Ipsos realizada entre os dias 1º e 14 de julho aponta recorde no nível de reprovação ao governo do presidente Michel Temer e soma 94% de insatisfeitos. O levantamento mostrou aumento de 1% na rejeição ao presidente em comparação com a pesquisa de junho.
Além de Temer, a pesquisa questionou os entrevistados sobre diversos políticos com alto nível de reprovação. Ex-deputado cassado e preso, Eduardo Cunha teve 93% de reprovação e o senador Aécio Neves (PSDB-MG) foi rejeitado por 90% dos entrevistados.
Na sessão de “Avaliação de líderes” o ex-presidente condenado Lula recebeu reprovação de 68%, enquanto o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, obteve 67%. O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) ficou com 53%, o prefeito de São Paulo, João Doria, obteve 45% e o juiz federal Sérgio Moro teve apenas 28%.
O levantamento acontece mensalmente desde 2005. Para o mês de julho, a Ipsos ouviu 1.200 pessoas de 72 municípios brasileiros em todas as regiões. A margem de erro é de 3% para mais ou para menos.

Diário de Poder

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DO FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS EM TODOS OS PÓLOS DESTA QUARTA-FEIRA(26)

Pinduca é uma das atrações desta quarta-feira no Fig
A quarta-feira é dedicada aos ritmos do Pará no palco Mestre Dominguinhos do 27º Festival de Inverno de Garanhuns. Compositor, intérprete, multi-instrumentista e produtor, Arthur Espíndola faz parte da nova geração de artistas paraenses e sobe ao palco a partir das 21h. O trabalho dele dialoga com o samba e a música amazônica, promovendo encontros com o carimbó, o lundu, o marabaixo e outros ritmos regionais.

Em seguida, Lia Sophia e Pinduca convidam o público do FIG a uma viagem pela musicalidade do Norte do País no show Carimbó no Brasil. Recentemente o carimbó foi oficializado como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil. 

Com a voz e o carisma que já são patrimônios do povo brasileiro, Fafá de Belém encerra a noite dedicada à sonoridade paraense interpretando grandes sucessos e as canções do álbum Do tamanho certo para o meu sorriso, que celebra seus 40 anos de carreira. O show está marcado para começar às 23h30. Abrindo a programação da noite no palco principal, às 20h, está a cantora garanhuense Belinha Lisboa. 

Palco Pop – Cantora, compositora e cineasta, Ava Rocha vem pela primeira vez ao FIG, com o repertório de seus dois discos lançados: Diurno (2011) e Ava Patrya Yndia Yracema (2015). O show começa às 19h. Fechando a programação, tem o espetáculo Não recomendados (SP), que questiona os padrões comportamentais e viciados da sociedade.

Palco Instrumental – O destaque na programação desta quarta-feira é o show de Betto de Bandolim com a participação muito especial do mestre Chocho, Patrimônio Vivo do Choro e do estado de Pernambuco. O encontro, às 20h, mistura o ecletismo e a contemporaneidade de Betto do Bandolim com a tradição do clássico choro do mestre Chocho. 

Palco forró – A primeira atração é o jovem sanfoneiro Mateus Cordeiro, que volta a Garanhuns para mostrar seu talento que vem sendo refinado desde quando tinha 11 anos. Fiel representante do forró da sanfona de oito baixos, Truvinca se apresenta em seguida, a partir das 23h. À meia-noite, o tocador Agostinho do Acordeon, que aprendeu os primeiros acordes com o próprio Luiz Gonzaga, faz um apanhado da sua carreira de 38 anos.

Plataforma FIG – O evento, que acontece hoje e amanhã no auditório do hotel Garanhuns Palace, é uma oportunidade para artistas locais participarem de debates sobre a cadeia produtiva da música e apresentar seus trabalho para grandes produtores de festivais do Brasil. Para participar da Plataforma FIG é preciso se inscrever pelo e-mail plataformafig@gmail.com. O evento também aceita inscrições na hora.

O Festival de Inverno de Garanhuns é realizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cultura e da Fundarpe, e conta também com a parceria da Prefeitura de Garanhuns e apoio da CEPE Editora, Sesc e Sebrae, além do Virtuosi e do Conservatório Pernambucano de Música. Confira a programação completa e atualizada no site oficial: www.cultura.pe.gov.br/fig2017.
Confira abaixo a programação completa desta quarta-feira

MÚSICA
Palco Mestre Dominguinhos
20h – Belinha Lisboa
21h - Arthur Espíndola (PA)
22h – Lia Sophia e Pinduca (PA)
23h30 – Fafá de Belém (PA)
Palco de Cultura Popular Ariano Suassuna
12h às 14h – Roda de Sanfona I
13h - Cortejo Quadrilhas
14h - Quadrilha Junina Luminar (Garanhuns)
14h30 - Quadrilha Junina Os Filhos de Lampião (Correntes)
15h - Quadrilha Junina Xamego na Roça (Canhotinho)
16h – Bloco C. M. Lira da Noite
17h – Coco de Pneu
18h – Maracatu de Baque Solto Leão Misterioso
19h – Afoxé Filhos de Dandalunda
20h – Benedito da Macuca
Palco Pop
17h – Milena Rimer
18h – João Fênix
19h – Ava Rocha (SP)
20h20 – Não Recomendados (SP)

Som na Rural
Parque Euclides Dourado
21h20 – Edmilson do Pífano

Palco Instrumental
Parque Ruben Van der Linden
17h – Roberto Lima e Banda
18h – Danda e seu regional de ouro
19h – Rafael Marques
20h – Betto do Bandolim, com participação de Mestre Chocho

Palco Forró Parque Euclides Dourado
22h – Mateus Cordeiro
23h – Truvinca
0h – Agostinho do Acordeon

Palco Mamulengos e Pontos de Cultura
Parque Euclides Dourado

15h – Mamulengo Nova Geração
16h – O Grão Circo Mamulengo
17h - Coco de Roda do Cabo de Santo Agostinho (Ponto de Cultura Farol da Vila – Coco de Pontezinha)
Programa do Conservatório Pernambucano de Música (Catedral)
16h30 – SaGRAMA e Yamandu Costa
21h – Libertango – ‘Tangos Hermanos’ Estela Caldi (Piano), Alexandre Caldi (Saxofones e Flautas), Marcelo Caldi (Acordeon)

Artes cênicas

CIRCO
16h – Circo Mambembe – Arte do Povo
Circo Alves (PE)

TEATRO ADULTO
18h – A Descoberta de Um
Grupo Claricena (Garanhuns)
Local: Teatro Luiz Souto Dourado

2ª MOSTRA DE TEATRO ALTERNATIVO
22h – Que muito amou
Cênicas Cia de Repertório (PE)
Local: Galeria Galpão

AUDIOVISUAL
14h – Exibição de Longa-metragem com Acessibilidade Comunicacional
Parceria com o Festival VerOuvindo

Amigos de Risco (Ficção, 88 minutos, 2007, Brasil), de Daniel Bandeira
Após a exibição do filme haverá uma conversa sobre Acessibilidade Comunicacional
Classificação: 16 anos
18h20 - Longa-metragem Nacional

Divinas Divas (Documentário, 110 minutos, 2017, Brasil), de Leandra Leal
Classificação: 14 anos

DIÁLOGOS (SESC)
Galeria Galpão
16h - "Conversas para adiar o fim do mundo" - Bené Fonteles
“Urgências e poéticas na questão indígena”, com Vincent Carelli, Raonny Fulniô, Guilherme Marinho Xucuru e Zé Carlos do Castainho

LITERATURA
Praça da Palavra Hermilo Borba Filho

9h – Alma Pelada, poesia abstrata com Luiz Gonzaga de Melo Neto (UBE)
10h – Escuta e Labirinto – Vivência da Escuta da Música Contemporânea como entrada em um Labirinto, com Leonardo Aldrovandi (SP)
11h – Embarcando no Universo da Imaginação |Cia. Fisa D’arte (Secretaria Municipal de Educação e Editora IMEPH)
11h40 – Histórias para Contar a Vovó | Verônica Costa e Sheylla Feitos (Secretaria Municipal de Educação e Editora IMEPH)
14h – Outras Palavras: Conversa com Paulo Gervais (vencedor do IV Prêmio Pernambuco de Literatura) e apresentação do grupo Chorões da Aurora
16h – Palestra | Declamação, Prosa, Versos e Poesia em Relação ao que o progresso nos trouxe (UBE)
17h – Prosa e Cordel: Em cena a poesia popular, com Edilene Soares e Sandoval (UBE)
18h – Palestra | Quem matou Delmiro Gouveia, com Edsom Mendes (UBE)
19h – Palestra | Lançamento de Livro: À Espera de Tio Alois, com Homero Fonseca,mediação de Dorvalina Maciel (PE)
20h – Recital | Da Lua Não Vejo Minha Casa, com Leonardo Aldrovandi (SP)

PLATAFORMA FIG
Garanhuns Palace Hotel

14h às 15h30 - Mesa “A importância dos festivais Pernambucanos na cena independente da música nacional”
Mediação: Melina Hickson (Porto Musical)
Paulo André (Abril Pro Rock)
Gutie (Rec Beat)
Jarmeson Lima (Coquetel Molotov)
16h às 17h30 - Apresentação da startup Musicle (parceria com o Portomídia)

PROJETO OUTRAS PALAVRAS
14h às 17h – Conversa com o escritor Paulo Gervais, vencedor do 4º Prêmio Pernambuco de Literatura (Paulatim) + Apresentação da Banda de MPC Animalize (estudantes e professores da EREM N. S. Perpétuo Socorro) e participação especial de Fafá de Belém
Local: Praça da Palavra Hermilo Borba Filho
Envolvidos: Comunidade escolar de Garanhuns e público geral


-- 
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Cultura de Pernambuco
Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco - Fundarpe
(81) 3184.3118 / 3107

EM ANDAMENTO, CONGRESSO DA AMUPE REÚNE PREFEITOS PERNAMBUCANOS ATÉ ESSA QUINTA FEIRA (27) NO CENTRO DE CONVENÇÕES EM OLINDA

A abertura do Congresso da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe) reuniu na sua abertura na manhã de ontem Terça feira (25) no Centro de Convenções, em Olinda, duas das principais lideranças cogitadas para a eleição de 2018 - o governador Paulo Câmara (PSB) e o ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB).

Os gestores disputaram a atenção de uma plateia formada por prefeitos pernambucanos, considerados os principais eleitores em seus municípios. Apesar da presença de lideranças de relevo, não há previsão de nenhum grande anúncio para o evento, ao contrário das edições anteriores. O único previsto versa sobre edição do novo Plano Safra.

No entanto, o ministro Bruno Araújo aproveitou o evento para divulgar as ações da sua pasta, em um estande para os programas nas áreas de habitação, saneamento e mobilidade. Uma das principais atividades será o Cartão Reforma, principal aposta na área social do governo Temer. "Já tem muita coisa em curso, programas e projetos. O FEM, por exemplo, não parou. É um programa que tem vida própria", avaliou o presidente da AMUPE e prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota (PSB).

O Congresso da Amupe já foi utilizado como palco para divulgar novas ações do Executivo. Foi no evento que o ex-governador Eduardo Campos anunciou a criação do Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal (FEM), que destina investimentos aos município. Atualmente, o Governo do Estado tenta finalizar a execução da edição de 2015 do programa.

SOLUÇÕES

Diante da crise, uma das saídas que está sendo discutida pelos prefeitos é a criação de consórcios. "Os municípios devem utilizar isso como ferramenta de baixo custo para conseguir investir. Todos os prefeitos estão participando de um evento para debater consórcios do Nordeste hoje, dia 26. Este é um caminho. Vamos mostrar experiências e oportunidades. Vamos ter gente de todo Nordeste e consórcios de outros estados em todas áreas. É uma área que está chamando bastante a atenção dos prefeitos", disse Patriota.
Segundo o gestor, a crise aumentou a pressão aos gestores municipais. "A crise piora as cobranças porque cresce desemprego, as pessoas ficam sem renda ou subempregadas. Isso tudo vai para a porta da prefeitura. A crise fica na prefeitura e é pressão muito grande no poder público municipal. Nós acabamos precisando de mais recursos no momento que menos dispomos", lamentou o presidente da Amupe.


Diversos gestores do Agreste pernambucano, como os prefeitos de Jupi, Marcos Patriota (DEM); de Brejão, Beta Cadengue (PSB); de Lajedo, Rossine Blésmany (PSD); de Palmeirina, Marcelo Neves (PSD); prefeito em exercício de Capoeiras Júlio Valença – Juju (PSB) ;  de Caetés, Armando Duarte (PTB); de Calçado, Expedito Nogueira (PP); de São Bento do Una, Débora Almeida (PSB); da Pedra, Osório Filho (PSB); de Águas Belas, Luiz Aroldo (PT) entre outros, estão participando do evento.