.

.

domingo, 23 de abril de 2017

SARDINHA EM LATA JÁ NÃO É MAIS ALIMENTO DE POBRE

Alguns anos atrás quando se falava em sardinha havia uma associação pejorativa que ligava os consumidores desse peixe a pessoas extremamente pobres devido ao seu custo  muito baixo.

Já há alguns anos que esse produto vem tendo altas de preços  impressionantes, chegando a mesa dos mais abastados devido à pesquisas que o colocam como um dos alimentos com mais Ômega 3, a sua sofisticação seja na embalagem e até no sabor, com varias opções a escolher.

Desta vez, o peixe marinho mais capturado do Brasil está em falta na costa brasileira por questões ambientais - um aquecimento atípico no mar observado em 2015. 
O fenômeno é conhecido como El Niño, um superaquecimento cujas causas ainda não são bem conhecidas por especialistas.
Com a escassez da sardinha causada pelo fenômeno, as empresas têm importado o peixe de países como Marrocos, a preços até 35% mais altos que os do mercado interno. 
Esse custo deverá ser sentido pelo consumidor.

E agora um dos peixes mais consumidos no país, a sardinha em lata, deve ficar até 35 % mais cara a partir de maio. O preço da lata de 125 gramas, segundo indústrias do setor, deverá chegar a R$ 4,00. 


EXPECTATIVA MUNDIAL: COREIA DO NORTE DIZ ESTAR PRONTA PARA ATACAR PORTA-AVIÕES DOS EUA

A Coreia do Norte disse neste domingo (23) que estava pronta para atacar um porta-aviões dos Estados Unidos para demonstrar seu poderio militar, em um momento em que dois navios da marinha japonesa se juntaram a um grupo norte-americanos para realizar exercícios no Pacífico Ocidental.
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ordenou ao porta-aviões USS Carl Vinson que navegue para as águas da península coreana em resposta à crescente tensão sobre os testes nucleares e de mísseis do Norte e as ameaças de atacar os Estados Unidos e seus aliados asiáticos.
Os Estados Unidos não especificaram onde está o porta-aviões. O vice-presidente americano Mike Pence disse no sábado (23) que ele chegaria na região da Coreia "dentro de dias", mas não deu mais detalhes.

"Nossas forças revolucionárias estão prontas para combater o porta-aviões nuclear com um único ataque", disse um artigo no jornal "Rodong Sinmun", do Partido dos Trabalhadores, que comanda o país.
O jornal comparou o porta-aviões a um "animal grosseiro" e disse que um ataque seria "um exemplo real para mostrar a força de nossos militares".

O comentário foi realizado na página três do jornal, depois de um artigo de duas páginas sobre a inspeção do líder Kim Jong em uma fazenda de porcos.
Na sexta (21), a Coreia do Norte prendeu um homem coreano-americano de cerca de 50 anos, o que elevou para três o total de cidadãos dos EUA detidos no país.
O homem, Tony Lim, esteve na Coreia do Norte por um mês ensinando contabilidade na Universidade de Ciência e Tecnologia de Pyongyang. Ele foi preso no aeroporto ao tentar deixar o país.

A Coreia do Norte celebrará o 85º aniversário da criação do Exército do Povo Coreano na terça (25). O país costuma marcar aniversários como esses com testes de armas.
O país conduziu ao menos cinco testes nucleares, dois deles no ano passado, e trabalha para desenvolver mísseis capazes de alcançar os Estados Unidos.O avanço nuclear norte-coreano é um dos maiores desafios de segurança internacional que confrontam o presidente dos EUA, Donald Trump.


Trump prometeu impedir que a Coreia do Norte seja capaz de atingir os EUA e afirmou que todas as opções estão na mesa, incluindo um ataque militar. Com informações da Folhapress.

JERRY ADRIANI MORRE AOS 70 ANOS NO RIO

O cantor Jerry Adriani, ídolo da Jovem Guarda, morreu às 15h30 deste domingo (23), aos 70 anos, no Rio. Ele enfrentava um câncer e estava internado no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, Zona Oeste.

A família confirmou a morte, mas ainda não deu informações sobre horário e local do velório e do enterro. Recentemente, Jerry Adrini havia sofrido uma trombose em uma das pernas.
Ícone da Jovem Guarda, Jair Alves de Souza nasceu em 29 do janeiro de 1947, no bairro do Brás, em São Paulo.
Adotou o nome artístico de Jerry Adriani quando começou sua carreira como cantor, em 1964. O primeiro disco foi "Italianíssimo", quando cantava músicas em italiano, algo que seguiu fazendo em toda a carreira.
Em 1965, o cantor passou a gravar em português, com músicas reunidas no disco "Um grande amor".

CARREIRA NA TV E NO CINEMA
Também na década de 1960, Jerry virou apresentador do programa “Excelsior a Go Go”, da TV Excelsior. O programa coapresentado por Luiz Aguiar era um musical com apresentações de artistas como Os Vips, Os Incríveis e Cidinha Santos.
Outro programa musical que ele comandou foi "A grande parada", no ar pela TV Tupi em 1967 e 1968. Ele era um dos apresentadores ao lado de Neyde Aparecida, Zélia Hoffmann, Betty Faria e Marilia Pera.

Além da TV, Jerry se aventurou pelo cinema. Ele cantou e atuou em “Essa gatinha a minha” (com Peri Ribeiro e Anik Malvil); “Jerry, A grande parada”; e “Jerry em busca do tesouro” (com Neyde Aparecida e os Pequenos Cantores da Guanabara).

DESAFIO DA BALEIA AZUL PODE TER FEITO 1ª VÍTIMA FATAL EM PERNAMBUCO

A estudante Ana Vitória Sena de oliveira, 15 anos, pode ter sido a primeira vítima fatal do “Desafio da Baleia Azul” em Pernambuco. 

A garota, que estava desaparecida desde a última segunda feira (17) foi encontrada morta por pescadores no Rio São Francisco, ns Região do Porto do jatobá, em Petrolina, Sertão pernambucano. Ana Vitória morava junto com dois irmãos e a mãe na cidade vizinha, Juazeiro da Bahia.

Segundo a delegada Adelina Araújo, a polícia chegou a  encontrar na casa da garota indícios que sugerem que a adolescente possa ter cometido suicídio.

De acordo com familiares, Ana Vitória ficava por horas na internet e recentemente estava muito calada. Antes de desaparecer, a garota deixou uma carta de despedida para a família, avisando que pularia da ponte Presidente Dutra, que liga Petrolina à Juazeiro. No bilhete, a adolescente pede desculpas e diz  que “vai voltar para onde nunca deveria ter saído”. A garoTa ainda realizou diversas postagens nas redes sociais e trocou a foto do perfil duas vezes, uma delas era a imagem de luto.

RECIFE ESTÁ ENTRE MELHORES CAPITAIS PARA SE VIVER, DIZ PESQUISA

Curitiba: 1a no Ranking

Um levantamento da consultoria Macroplan definiu o ranking das melhores e piores capitais para se viver no Brasil. A capital pernambucana aparece na 16ª posição na lista das melhores capitais. O ranking foi formado por um índice que vai de 0 a 1 - quanto mais próximo de zero, pior é a condição de vida no local.Para chegar a essa conclusão, a consultoria analisou os municípios com mais de 266 mil habitantes em 16 indicadores divididos em quatro áreas distintas: saúde, educação e cultura, segurança e saneamento e sustentabilidade.
Com pouco mais que 460 mil habitantes, a cidade de Macapá (AP) é a primeira na lista das piores capitais para se viver no Brasil.

MELHORES CAPITAS DO PAÍS

Recife ocupa a 16a posição no rankimg
No extremo oposto está  Curitiba (PR), que garantiu o primeiro lugar no ranking entre as melhores capitais do país, com índice de 0,695. Segundo o estudo, a cidade tem bons resultados nas quatro áreas analisadas pela consultoria. Por lá, segundo o levantamento da Macroplan, 100% da população é atendida com água encanada e  coleta de lixo. A título de comparação, na capital do Amapá, apenas 36,4% dos moradores têm água encanada.


CONFIRA AS 10 MELHORES

1º Curitiba (PR) - 0,696
2º Florianópolis (SC) - 0,686
3º Vitória (ES) - 0,681
4º Belo Horizonte (MG) - 0,677
5º São Paulo (SP) - 0,673
6º Palmas (TO) - 0,657
7º Campo Grande (MS) - 0,645
8º Rio de Janeiro (RJ) - 0,627
9º Goiânia (GO) - 0,622
10º Porto Alegre (RS) - 0,622

TAXA DE SUICÍDIO ENTRE JOVENS BRASILEIROS SOBE 10% DESDE 2002

A taxa de suicídios entre jovens brasileiros de 15 a 29 anos aumentou de 5,1 por 100 mil habitantes em 2002 para 5,6 em 2014 - representando um aumento de quase 10%. Os dados revelam que apesar do crescimento ser lento, é constante.
Os números são do estudo Mapa da Violência 2017, obtidos com exclusividade pela BBC Brasil. O levantamento tem como base dados do Sistema de Informações de Mortalidade (SIM) do Ministério da Saúde.

O sociólogo Julio Jacobo Waiselfisz, criador da pesquisa, destaca que o número de pessoas que tiram a própria vida cresceu em conjunto, no Brasil. De acordo com o G1, a taxa subiu 60% desde 1980.
"É como se os suicídios se tornassem invisíveis, por serem um tabu sobre o qual mantemos silêncio. Os homicídios são uma epidemia. Mas os suicídios também merecem atenção porque alertam para um sofrimento imenso, que faz o jovem tirar a própria vida", afirma Waiselfisz.

As estatísticas de suicídios aqui no Agreste pernambucano também vem crescendo, de acordo com os órgãos de segurança. 
O tema vem sendo frequentemente abordado por conta de dois fenômenos recentes, envolvendo o público mais adolescente: o lançamento da série "Os 13 porquês", que aborda a vida de uma adolescente que tira a própria vida, e a disseminação do jogo suicida "Baleia Azul". Especialistas ouvidos pela reportagem dizem que o suicídio é geralmente associado a problemas como depressão, abuso de drogas e álcool e questões interpessoais.

VÁ ENTENDER A POLÍTICA: SERRA DEFENDE CANDIDATURA DE LULA EM 2018

Cada vez que se estuda Ciência Política, mais os politicos brasileiros nos fazem não compreendê-la...

O senador José Serra (PSDB-SP) defendeu uma eventual candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva às eleições presidenciais de 2018 durante jantar promovido pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira, há alguns dias. 
De acordo com a coluna Radar On-Line, do site da revista Veja, o evento reuniu integrantes do PT, PSDB e PMDB. Os políticos defendiam abertamente a aprovação do projeto da lei sobre abuso de autoridade, que aumenta punições a procuradores e juízes.

O senador Jorge Viana (PT-AC) teria então dito que a implementação da lei não beneficia Lula, que está prestes a ser preso. Foi então que o Serra defendeu o ex-presidente petista.


"Não. Lula tem que ser candidato em 2018. Tem legitimidade", disse o tucano.

DOMINGUINHOS REVERENCIADO PELOS AMIGOS E POR SUA TERRA: VIVA A MÚSICA BRASILEIRA!

Dominguinhos deve estar feliz...

O evento que o saúda na sua terra natal Garanhuns, nascido da determinação do prefeito Izaías Régis, agora encontrou ecos em todo o nordeste. Com a divulgação de trechos da edição 2017 do ‘Viva Dominguinhos’ pela Rede Globo Nordeste, a magnitude deu ares de espetáculo de exaltação à música - e ao músico - nordestina (o), com todos os seus atores, também vislumbrou uma janela para exposição dessa arte nos lares de milhões de telespectadores do Maranhão à Bahia.

O evento nessa edição, iniciado na quinta feira (20), foi encerrado com glamour na madrugada desse domingo (23) e bateu recordes de público. Apesar da sensação de insegurança vivenciada pelos pernambucanos nesse momento, o evento não protagonizou nenhum fato específico de violência que tenha chamado à atenção.
Nos palcos, tanto na Praça cujo nome também evidencia o músico homenageado, quanto na avenida Santo Antonio, centro de Garanhuns, o que se assistiu foram apresentações ‘Made in Nordeste’ que despertaram a atenção dos milhares de visitantes e o orgulho para os garanhuenses. 
A coordenação do evento anunciou números de até 50 mil pessoas por noite na praça principal.
Nas lojas um aquecimento gerado, principalmente no sábado, animou o mercado, nesse momento de vacas magérrimas. Já boa parte dos lojistas ainda não entendeu que uma cidade com perspectivas turísticas tem que tem uma estrutura comercial atenta e abrir suas lojas em horário gigante. Os centros comerciais mais avançados já descobriram há muito tempo que os grandes eventos trazem além do entretenimento, a possibilidade de vendas em alguns setores. 
A rede hoteleira de Garanhuns, por exemplo, comemora os números de uma lotação até anos atrás incomum no período. 
Até mesmo o memorial criado pelo Governo Municipal para guardar o corpo do filho ilustre, no cemitério São Miguel, recebeu nesse período um número maior de visitantes que pode perceber o zelo com o qual se preserva respeitosamente seu último repouso.  

FICAM AS LIÇÕES:

1.    A infraestrutura de uma cidade bem cuidada, limpa e iluminada, - fatores que naturalmente ainda podem melhorar - a torna receptiva aos visitantes e reverberam, multiplicando exponencialmente as futuras visitas ;
2.    Um evento bem planejado e fundamentado, - no caso do ‘Viva Dominguinhos’ que homenageia um filho da terra de expressão nacional, -  e uma mídia abrangente que mostre o resultado de tudo isso para o restante dos brasileiros, garante a fórmula para um festival que ainda engatinha, mas que já vislumbra um futuro grandioso;
3.    O Brasil aguarda agora do poder público municipal, a concretização do  ‘Museu Dominguinhos’, com figurinos, imagens, testemunhais, reportagens, acervo de obras, instrumentos e tudo mais que remeta ao músico e gerem mais um ponto atrativo para os visitantes e de orgulho aos conterrâneos do Mestre;
4.    Quem reduz a importância cultural, econômica e turística de um evento  desse porte, o conduzindo para a micro visão política, certamente também possui uma reduzida visão de desenvolvimento;
5.    Parabéns idealizadores, patrocinadores e realizadores, desse que já é um dos eventos com peculiaridades regionais mais celebrado pelo Nordeste;

6.    Viva a Cultura nordestina! Viva Garanhuns! ‘VIVA DOMINGUINHOS’!

RÉU NA LAVA JATO, SENADOR DO PMDB, CHORA EM AUDIÊNCIA COM FACHIN

O senador Valdir Raupp (PMDB-SC), réu na Operação Lava Jato, teria chorado durante audiência com o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin. As informações são da coluna Radar On-Line, do site da revista Veja. O colunista não indica quando o incidente ocorreu.

Raupp é acusado de receber propina disfarçada como doação oficial de campanha. Ele admitiu repasse de R$ 500 mil das empreiteiras Queiroz Galvão e Vital Engenharia. De acordo com o parlamentar, as doações eram legais.

Porém, segundo a Procuradoria-Geral da República, há indícios de pagamentos de vantagens ilícitas das empreiteiras em troca de favorecimento em obras da Petrobras. A PGR se baseou nas delações premiadas do ex-diretor da Petrobas Paulo Roberto Costa, e do operador Fernando Baiano.


Para Fachin, relator da Lava Jato no STF, o senador pode ter cometido os crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.