quinta-feira, 20 de abril de 2017

PROVAS DA LAVAJATO FORAM DESTRUÍDAS POR ORIENTAÇÃO DE LULA, DIZ EX-PRESIDENTE DA OAS

Foto: Reprodução/GloboNews
Em mais uma etapa de oitivas dentro da Operação Lavajato, conduzida pela Força Tarefa de Curitiba, o ex presidente da Construtora OAS, Léo Pinheiro prestou seu depoimento ao juiz Sérgio Moro. A ouvida durou mais de três horas. Na oportunidade, Pinheiro detalhou um encontro que teve com o ex presidente Luís Inácio Lula da Silva no mês de maio de 2014.



De acordo com o o delator, Lula quis saber na ocasião se o executivo guardava documentos com os pagamentos ilícitos feitos pela OAS a João Vaccari Neto, ex-tesoureiro do PT. Léo Pinheiro revelou que Lula orientou a destruição de provas. 
No depoimento, ele ainda garantiu que o apartamento tríplex do Guarujá, cuja propriedade é veementemente negada pelo petista, pertencia ao ex-presidente.

PALOCCI DIZ A MORO QUE SE DISPÕE A REVELAR FATOS E NOMES À LAVA JATO

Antonio Palocci disse que se coloca à disposição do juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância, para apresentar "fatos com nomes, endereços e operações realizadas" que, de acordo com o ex-ministro, devem render mais um ano de trabalho. Palocci foi interrogado por Moro, nesta quinta (20), na ação em que é acusado de agir no governo federal em favor da Odebrecht entre 2006 e o final de 2013. A oitiva durou mais de duas horas.

VEJA OS PRINCIPAIS PONTOS DA FALA DE PALOCCI:

Ex-ministro disse não ter se lembrado de reunião com Dilma, Marcelo Odebrecht e ex-presidente do BNDES
Negou ter ampliado crédito no BNDES à Angola para favorecer a Odebrecht
Negou ter operado dinheiro de caixa 2
Negou ter pedido, interferido ou defendido interesses da Odebrecht ou da Sete Brasil
Fez elogios ao juiz Sérgio Moro e à atuação dele na Lava Jato
Segundo o ex-ministro, ele optou por não falar durante o interrogatório "por sensibilidade da informação".
Palocci foi alvo da 35ª fase da Lava Jato, deflagrada em setembro de 2016. Atualmente, ele está preso na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba.
Palocci também é réu em outro processo que apura se a Odebrecht pagou propina por meio da compra do terreno onde seria construída a nova sede do Instituto Lula e do apartamento vizinho ao do ex-presidente em São Bernardo, no ABC Paulista.
Entre os réus desta ação estão o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o ex-presidente da Odebrecht S.A Marcelo Odebrecht e Roberto Teixeira, um dos advogados de Lula.

BNDES

O ex-ministro Antonio Palocci negou que tivesse negociado no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) ampliação de linhas de crédito para a Angola que favorecesse a Odebrecht.
De acordo com Palocci, Marcelo Odebrecht provavelmente tocou nesse assunto como ele. Entretanto, o ex-ministro negou que tivesse negociado em prol da empresa. A negativa veio após Moro mencionar que Marcelo Odebrecht disse, salvo engano de interpretação do juiz, que havia negociado com Palocci a ampliação de crédito.
Palocci afirmou que discutiu créditos com o BNDES em casos de empresas de grande porte que iriam entrar em falência. “(...) cuja falência poderia significar uma fila de falências de muita repercussão”, afirmou Palocci.

O ex-assessor de Palocci, Branislav Kontic, também foi interrogado e falou por cerca de 30 minutos nesta quinta-feira. Kontic foi preso no mesmo dia que Palocci, mas deixou a cadeia em 15 de dezembro de 2016, depois de uma decisão da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), que trocou a prisão preventiva por medidas cautelares alternativas.

BASE DE OPOSITORES À PAULO CÂMARA ENCERRAM VISITA A GARANHUNS COM PLENÁRIA

Com o plenário da Câmara Municipal de Garanhuns lotado na noite dessa Quarta (19), os deputados que compõem a bancada de oposição na ALEPE encerraram as inspeções iniciadas no período da manhã no município, ação denominada ‘Pernambuco de Verdade’, que objetivou fiscalizar presencialmente obras inacabadas e mensurar o cumprimento de promessas de campanha do Governo do estado, além de ouvir funcionários e usuários do serviço público, para que a partir dos levantamentos, pudesse ser construído um documento com demandas da população à gestão socialista.
Semelhantemente ao evento realizado pelo PSB e seus aliados em Garanhuns na semana anterior, quando a artilharia foi utilizada contra o prefeito Izaías Régis (PTB) acusado de má educação por não ter recepcionado o Governador, dessa vez o alvo dos discursos inflamados foi exatamente o gestor estadual, criticado dos todos os oradores que utilizaram a tribuna daquela casa.

Fizeram parte da comitiva, os oito deputados estaduais oposicionistas. Nos discursos, os oradores fizeram questão de esmiuçar o que denominaram de ‘mazelas’ da administração Paulo Câmara no Agreste. O prefeito de Garanhuns Izaías Régis (PTB), que pela manhã recebeu em seu gabinete esses parlamentares, abriu os discursos com eloquência, criticando a ausência das contrapartidas e ações governamentais concretas no município. Régis finalizou  dizendo que o Governo do Estado desrespeitava Garanhuns e que de acordo com ele, “em 2018, Câmara desapareceria de Pernambuco”.

Para o líder das oposições, Silvio Costa filho (PRB), as inspeções nos órgãos públicos serviram para  confirmar a inaptidão governamental. O parlamentar falou que a receptividade dos agentes públicos, durante as visitas surpresa dos deputados dividia-se entre a defesa do governo, por estes terem cargos comissionados e entre os que aproveitaram para reforçar as denúncias de irregularidades. 

A deputada democrata Priscila Krause (DEM), parlamentar que ao lado do seu colega Álvaro Porto (PSD) tem maior conhecimento da região e de Garanhuns, enfatizou a necessidade de criar um contato mais forte da população com seu deputado, para que as demandas populares pudessem ‘municiar’ melhor seu parlamentar. Priscila inclusive teve agenda com os produtores de leite do Agreste, que recentemente realizaram o evento ‘A FORÇA DO LEITE’, objetivando chamar a atenção do governo para a problemática do setor.

O deputado e ex prefeito de Canhotinho, Álvaro Porto (PSD), que inclusive já fez parte da base governista por um curto período, mas hoje se opõe ao Governo, falou reiteradas vezes sobre o que apelidou de 'Pernambuco sem Ação'. Talvez por sua atividade anterior de policial civil, Porto bateu forte na questão da insegurança em todo o estado e especificamente na região agreste. Para o parlamentar existe uma ausência de prioridade nessa questão. 

Aberta pela Presidente da Câmara Municipal, vereadora Carla Patrícia (PTB), o evento que foi iniciado as 19h30, se estendeu até as 22h10. 
Estiveram presentes no plenário vereadores da casa, ex gestores, ex parlamentares e demais líderes políticos da região e contou com ampla cobertura da imprensa local, regional e do jornalista e blogueiro Magno Martins titular do Blog homônimo. 

TEMER TEME O 1° DE MAIO



Imagens de arquivo
Com índices de impopularidade batendo recorde em todo o país desde que assumiu o governo em substituição a presidente Dilma o ano passado, o presidente Michel Temer foi aconselhado por assessores a gravar um vídeo e reproduzi-lo nas redes sociais para falar à nação no dia 1º de maio, Dia do Trabalhador. O motivo é sua baixa popularidade e citações nos depoimentos dos executivos da Odebrecht. Se confirmar essa ideia, Temer agirá tal qual sua antecessora, Dilma Rousseff, há um ano. 
Temer tem receio de que um pronunciamento na TV seja objeto de vaias e panelaços. Sua estratégia, porém, já chegou aos ouvidos de movimentos sociais ligados ao PT, que garantem um tuitaço contra as declarações do peemedebista caso prefira as redes sociais.
GREVE GERAL NO DIA 28

Antes no dia 28/04, as centrais sindicais e várias entidades trabalhistas marcaram uma paralisação geral contra as reformas da previdência e o governo Temer. Movimentos farão bloqueio em avenidas e estradas por todo o país. A expectativa segundo os organizadores é realizar umas das maiores greves gerais de todos os tempos no país. Essas paralisações serão um termômetro para avaliar ainda mais a impopularidade do presidente Temer contra suas reformas, seu séquitos de ministros citados na lava-jato e uma certa pressão pela votação da chapa Dilma - Temer que deverá ser votada agora  em Maio pelo TSE.

PRIMEIROS MÁRTIRES BRASILEIROS SERÃO CANONIZADOS EM OUTUBRO


Foto: Comunidade Shalom
Em anúncio realizado nesta quinta-feira (20), durante assembleia de cardeais dirigida pelo papa o Papa Francisco, as datas das cerimônias de canonização de vários futuros santos foram definidas.

O Papa Francisco canonizará no dia 15 de outubro, na Basílica de São Pedro, no Vaticano, os primeiros mártires brasileiros, os sacerdotes André de Soveral, Ambrósio Francisco Ferro e o laico Mateus Moreira, além de outras 27 pessoas assassinadas em 1645.

Para que sejam canonizados, eles não necessitaram nenhum milagre, apenas o parecer positivo dos membros da Congregação para as Causas dos Santos, que reiterou o assassinato por "ódio à fé".

Eles são os primeiros mártires e santos brasileiros assassinados entre os dias 16 de julho e 3 de outubro de 1645 pelos protestantes calvinistas holandeses instalados em Brasil naquela época.

Muitos foram assassinados em Cunhaú e Uruacu, no Rio Grande do Norte, durante uma missa dominical celebrada por André de Soveral. Eles tinham sido beatificados pelo papa João Paulo II em março de 2000, na Basílica de São Pedro.


Os mártires brasileiros serão canonizados em uma cerimônia ao lado de dois meninos mexicanos conhecidos como Mártires de Tlaxcala; o espanhol Faustino Miguez, fundador do Instituto Calasancio Filhas da Divina Pastora e o sacerdote franciscano italiano Luca Antonio Falcone.

UPE GARANHUNS ABRE INSCRIÇÕES PARA CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO



UPE -Garanhuns
Estamos na era do Conhecimento. Não existe mais data para encerrar os estudos, como fizeram nossos pais e avós. Você será um estudante até os últimos dias de sua vida. Se fará isso através dos caminhos acadêmicos ou será um autodidata, a opção é sua, mas parar de estudar, definitivamente não é uma escolha inteligente para quem quer ter espaço nas Organizações do século 21. Neste sentido, o Campus Garanhuns da UPE - Universidade de Pernambuco – abriu inscrições para a seleção de candidatos ao Programa de Pós-Graduação Lato Sensu nas áreas de Educação, Gestão Ambiental e Saúde.


Saúde Pública;
- Computação Aplicada;
- Gestão Escolar e Coordenação Pedagógica;
- Psicologia Clínica;
- Saberes da Profissionalidade Docente da Educação Infantil;
- Ensino de Biologia;
- Ensino de Geografia;
- Ensino de Física;
- Ensino de Língua Portuguesa e suas Literaturas;
- Ensino de Matemática;
- Gestão Ambiental;
- Psicopedagogia;
- Libras

Com isso, um curso de pós-graduação pode ser uma alternativa essencial. Nos últimos anos, têm surgido no Brasil não apenas novas - e credenciadas - escolas de MBA e especialização, mas também novas alternativas e modalidades de cursos. O objetivo é atender a uma demanda de profissionais que já atuam no mercado, e não têm tempo nem tanta disposição para enfrentar as fileiras da sala de aula.

Os interessados devem procurar a secretaria da Pós-Graduação, para outras  informações. 

INSCRIÇÕES E INFORMAÇÕES

Horário: Segunda a sexta, das 08h às 12h, e 13h às 17h
Local: Secretaria da Pós- Graduação – UPE/ Campus Garanhuns.
E-mail: 
pos.garanhuns@outlook.com
facebook.com/PósGaranhuns

Telefone: (87) 3761-8220


UPE CAMPUS GARANHUNS
Diretora: Profª Rosângela Falcão
Fone: (87) 3761-8210
Endereço: Rua Cap. Pedro Rodrigues, 105 – São José, Garanhuns/PE
CEP: 55294-902


Informações da assessoria

MAIS DE MIL DETENTOS SAÍRAM DAS UNIDADES PRISIONAIS, EM PERNAMBUCO


Foto: G1
É bom a população ficar em alerta. Desde a última quarta-feira (20) até o dia 26 de abril, 1.081 reeducandos do regime semiaberto, que fazem parte do Grupo 01 (Crimes contra a vida), estarão deixando as unidades prisionais, em Pernambuco.


Os detentos serão contemplados com o Salvo Conduto Temporário do Regime Semi Aberto, coordenado pelo Comitê Gestor do Pacto Pela Vida. Vale lembrar que todos sem exceção estarão sendo monitorados eletronicamente.

TUDO PRONTO PARA A 4° EDIÇÃO DO FESTIVAL " VIVA DOMINGUINHOS "


Foto / Divulgação
E, começa nesta quinta-feira, 21, a 4° edição do festival Viva Dominguinhos em homenagem a um dos maiores músicos desse país. José Domingos de Moraes, o Dominguinhos, nasceu em Garanhuns no dia 12/02/1941, viajou pelo mundo, sempre levantando a bandeira de Garanhuns e faleceu em 23/06/2013 em São Paulo.Foi um virtuoso na arte de tocar um instrumento que foi feito para poucos, a sanfona.E foi essa sanfona aliada a sua doce voz, uma cabeça pensante na criatividade de compor, que o levou ser um dos maiores artistas que este país já produziu. 

Centenas de artistas Brasil afora, famosos ou não, deram um " up grade"  em suas carreiras cantando as composições do súdito de Luiz Gonzaga.Luiz Gonzaga por sinal que o descobriu em uma de suas viagens a Garanhuns, se encantou com a habilidade do garoto tocando sanfona em frente ao hotel Tavares Correia, e mais tarde o recebeu no Rio de Janeiro, dando-lhe apoio, guarida, introduzindo-o em seu grupo e consequentemente no mundo artístico.

Portanto nada mais justo do que a cidade que ele fazia questão de propagar em todo e quaisquer programa que era convidado, fizesse essas homenagens neste festival que começa nesta  quarta-feira, com dezenas de atrações artísticas. Logo mais na Esplanada Cultural Mestre Dominguinhos , a partir das 21 hs, a estátua do mestre Dominguinhos  simbolicamente estará dando as boas vindas aos milhares de convidados que devem prestigiar esta quarta edição do evento. 

Segundo os organizadores do festival, a expectativa de público para os 3 dias de festa é que pelo menos 100 mil pessoas prestigiem o evento nos 3 dias.Além do palco principal na praça aonde acontecerão os shows principais á noite; um outro palco foi montado na avenida Santo Antônio, no  espaço colunata , para apresentações de diversos outros artistas conforme programação abaixo.Durante a festa serão feitas interdições em algumas ruas : Coronel Antônio Vítor e da Prosperidade,além da avenida Afonso Pena, todos no entorno da Praça Mestre Dominguinhos.Outra expectativa da prefeitura é referente a lotação da rede hoteleira.Segundo a Secretaria de Turismo, a edição de 2016, teve taxa de ocupação de 95%, e esse ano espera-se lotação de 100%, devido a consolidação do evento que já faz parte do calendário festivo da cidade.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA

Praça Cultural Mestre Dominguinhos
Quinta (20)

A partir das 21h - Mourinha do Forró, Nádia Maia e Targino Gondim, Andréa Amorim, Cezzinha e Dorgival Dantas.
Sexta (21)
A partir das 21h - Genaro, Os Nonatos, Alcymar Monteiro e Fulô de Mandacaru.
Sábado (22) 
A partir das 21h - Kiara Ribeiro, Cantoria Agreste, Flávio José e Falamanssa.
Espaço Colunata
Sexta (21)

A partir das 10h - Valdir Marino, Os Coroas do Forró, Forró do Xeeh, Orquestra Sanfônica, Quero Xote, Juliano do Acordeon, Verônica, Nando Azevedo e Amanda Back.
Sábado (22)
A partir das 10h - Ivan Maceió, Mateus Cordeiro e Deivinho, Rogério e Os Cabras, Michelly dos Anjos, Forró Pesado de Garanhuns, Banda Seu Januário, André Macambira, Andrezza Formiga e Roberto Cruz.

EXOPLANETA DESCOBERTO EM ZONA HABITÁVEL PODE SER MODELO PARA A BUSCA DE VIDA FORA DA TERRA

A "super-Terra" LHS 1140b (à esquerda) rodeia a sua estrela hospedeira 
nesta concepção artística -  Foto: M. Weiss/CfA / Divulgação
 
Um planeta rochoso, um pouco maior que a Terra, localizado em uma zona habitável e que talvez ainda mantenha sua atmosfera pode ter as condições necessárias para abrigar vida fora do nosso planeta. A "super-Terra" LHS 1140b, cuja descoberta foi anunciada nesta quarta-feira, pode ser, na descrição do Observatório Europeu do Sul (ESO, na sigla em inglês), o "melhor local para procurar sinais de vida para além do Sistema Solar" encontrado até hoje.

"Trata-se do exoplaneta mais interessante que descobrimos na última década", explicou o autor principal do estudo, Jason Dittmann, do Harvard-Smithsonian Center for Astrophysics (Cambridge, EUA).


Apesar de novos candidatos a "melhor super-Terra" surgirem com frequência, o que torna a nova descoberta um alvo notável para os astrônomos é que o planeta não recebe tanta radiação quanto outros que orbitam estrelas semelhantes. Nesse cenário um pouco mais hospitaleiro, pode ser que tenham sido criadas as condições necessárias para o surgimento de água, fundamental para a existência da vida como a conhecemos. O tamanho do planeta indica que um oceano de magma possa ter existido na sua superfície durante milhões de anos, e isso teria alimentado a atmosfera com vapor, tendo assim fornecido água ao planeta.