quinta-feira, 9 de novembro de 2017

PERNAMBUCO, ALAGOAS E PARAÍBA SÃO OS ESTADOS COM MAIS CONCURSOS FRAUDADOS

Responsável pela ação policial que desbaratou uma quadrilha responsável por lucrar R$ 29 milhões fraudando 98 concursos públicos, em pelo menos 15 estados do Brasil, o delegado de Defraudações e Falsicações de João Pessoa-PB, Lucas Sá, revelou detalhes da organização criminosa caçada pela Operação Gabarito. E disse que Alagoas, Paraíba e Pernambuco são os estados com mais concursos fraudados.
Segundo Lucas Sá, os principais líderes da quadrilha que cobrava até R$ 150 mil por vaga seriam os irmãos alagoanos Flávio Nascimento Borges, de 34 anos, e Vicente Fabrício Borges, de 32 anos, que são policiais militares aprovados em um dos 29 concursos que teriam sido aprovados de maneira fraudulenta.
Em entrevista o delegado revelou ainda que um dos líderes da quadrilha era secretário-adjunto de uma cidade alagoana. “Sempre que ele ia para lá se encontrava com os outros criminosos, tanto é que Paraíba, Pernambuco e Alagoas são os estados com mais concursos fraudados”, relatou o delegado.
A investigação identificou ainda que, em Alagoas, a quadrilha conseguiu aprovar candidatos de forma fraudulenta nos seguintes concursos: Em 2012, da UFAL – Fundepes e do IFAL. Em 2013, do TRT 19ª Região, de Alagoas. Em 2016: da Universidade Federal de Alagoas (UFAL). E, em 2017, do IFAL; do Ministério Público de Alagoas; do Tribunal de Justiça de Alagoas; e da Prefeitura de Maceió.,,,
Deflagrada há seis meses, Operação Gabarito está em sua quarta fase, investiga 82 suspeitos e já prendeu 31 acusados. E o delegado Lucas Sá identificou a organização comandada pelos irmãos alagoanos como uma “empresa sólida”, com 12 anos de mercado, e que movimentou R$ 29 milhões, ao aprovar mais de 500 pessoas em concurso, blindando informações sobre os envolvido, mas obtendo o máximo de dados dos interessados.
“Eles se encontravam em locais públicos, restaurantes, praças. Pegavam os dados das pessoas sem nem sequer dizer seu nome. Eles conversavam um bom tempo com os candidatos antes de aceitá-lo na organização criminosa e só depois de sentir que a pessoa não os denunciaria”, revelou o delegado...
Os alagoanos apontados como líderes da quadrilha foram presos, em maio, em condomínio de luxo em João Pessoa, na casa com piscina ocupada pela dupla durante dois meses.

Veja a lista completa dos concursos que a quadrilha conseguiu fraudar:
  1. 2005 - CBTU João Pessoa
  2. 2006 - Câmara Municipal de João Pessoa - Funiversa
  3. 2008 - Polícia Militar da Paraíba - Comvest/UEPB
  4. 2008 - Fundac-PB - Cespe
  5. 2009 - Polícia Civil do RN - Cespe
  6. 2010 - Guarda Municipal de Cabedelo - IBFC
  7. 2010 - Detran-RN - Fundação Getúlio Vargas/FGV
  8. 2011 - Concurso da Coperve - IFPB
  9. 2012 - Guarda Municipal de Bayeux - Contemax Consultoria Ltda
  10. 2012 - Guarda Municipal de João Pessoa - IBFC
  11. 2012 - Prefeitura de Santa Rita - Asperhs
  12. 2012 - Concurso da UFAL - Fundepes
  13. 2012 - IFAL
  14. 2013 - CFO Bombeiros Paraíba - CPCon/UEPB
  15. 2013 - Concurso do IFPB - IFPB
  16. 2013 - TRT 19ª Região (Alagoas)
  17. 2013 - Departamento Penitenciário Nacional (Depen) - Cespe
  18. 2013 - ALPB - Assistente Administrativo - Fundação Carlos Chagas/FCC
  19. 2013 - Detran-PB - Funcab
  20. 2013 - Delegado da Polícia Federal
  21. 2014 - CFO PM Paraíba - Funape
  22. 2014 - Agente da Polícia Federal - Cespe
  23. 2014 - Polícia Civil do Distrito Federal
  24. 2014 - CFO Bombeiros Paraíba - IBFC
  25. 2014 - Auditor Fiscal de Olinda (PE)
  26. 2014 - UEPB - CPCon/UEPB
  27. 2014 - TRT 13ª Região - Fundação Carlos Chagas/FCC
  28. 2014 - Concurso da Conab 1
  29. 2014 - Guarda Municipal de Recife
  30. 2014 - Polícia Rodoviária Federal - Cespe
  31. 2014 - Câmara Municipal de Cabo de Santo Agostinho/PE
  32. 2014 - Agência Estadual de Regulação de Pernambuco (ARPE)
  33. 2015 - Ministério Público da Paraíba - Fundação Carlos Chagas/FCC
  34. 2015 - Concurso do IFPB - IFPB
  35. 2015 - UFPB - Coperve
  36. 2015 - Prefeitura Municipal de Campina Grande - CPCon/UEPB
  37. 2015 - TRE-SE - Fundação Carlos Chagas/FCC
  38. 2015 - Guarda Municipal de Vitória de Santo Antão/PE
  39. 2015 - Fundação de Amparo a Ciência e Tecnologia de Pernambuco (Facepe)
  40. 2015 - Prefeitura de Ipojuca/PE
  41. 2016 - Prefeitura de João Pessoa - Agente de Fiscalização - Quadrix
  42. 2016 - Universidade Federal Rural de Pernambuco UFRPE
  43. 2016 - UFPE - Covest
  44. 2016 - TRE-PB - Fundação Carlos Chagas/FCC
  45. 2016 - Concurso Contemax - Contemax
  46. 2016 - IBGE - Fundação Getúlio Vargas/FGV
  47. 2016 - Ebserh - Hospitais Universitários - Instituto AOCP
  48. 2016 - Prefeitura Municipal do Conde - Advise
  49. 2016 - Prefeitura de Alhandra - Fiscal Tributário - Educa-PB
  50. 2016 - Polícia Militar de Pernambuco
  51. 2016 - Dataprev
  52. 2016 - Universidade Federal de Alagoas (UFAL)
  53. 2016 - Guarda Municipal do Conde
  54. 2016 - Departamento Penitenciário Nacional (Depen)
  55. 2016 - HUAC
  56. 2016 - Anvisa
  57. 2016 - INSS
  58. 2016 - Enem 2016 - INEP
  59. 2016 - TRE-SP
  60. 2016 - CRM-PB
  61. 2016 - UNB - Professores
  62. 2016 - Auditor Fiscal do Piauí
  63. 2017 - Ebserh - HUAC - Instituto AOCP
  64. 2017 - Técnico Administrativo da UEPB - CPCon/UEPB
  65. 2017 - Ministério Público do Rio Grande do Norte - Comperve
  66. 2017 - Anvisa
  67. 2017 - IFAL
  68. 2017 - IFBA
  69. 2017 - Bombeiro Militar do Rio Grande do Norte
  70. 2017 - TRT-PE
  71. 2017 - Tribunal de Justiça de Pernambuco - IBFC
  72. 2017 - TRE-SP - Fundação Carlos Chagas/FCC
  73. 2017 - Polícia Civil de Pernambuco
  74. 2017 - TRE- PE
  75. 2017 - Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco
  76. 2017 - Ministério Público da Bahia
  77. 2017 - Ministério Público de Alagoas
  78. 2017 - Tribunal de Justiça de Alagoas
  79. 2017 - UFBA
  80. 2017 - TRE 11ª Região (Amazonas) - Fundação Carlos Chagas/FCC
  81. 2017 - Prefeitura de Maceió (Alagoas) - Copeve
  82. 2017 - Concurso do TRF 2ª Região - Consulplan
  83. 2017 - TRF Rio de Janeiro
  84. 2017 - Ministério Público da União
  85. 2017 - INSS
  86. 2017 - Enem 2017 - INEP
  87. (ano não identificado) Polícia Civil do Piauí
  88. (ano não identificado) Polícia Civil de Sergipe
  89. (ano não identificado) Governo do Estado do Piauí
  90. (ano não identificado) Agente Penitenciário do Ceará
  91. (ano não identificado) Bombeiro Militar do Piauí
  92. (ano não identificado) TRE - Roraima
  93. (ano não identificado) Auditor da Sefaz/AM
  94. (ano não identificado) Guarda vigilante de São José da Coroa Grande (PE)
  95. (ano não identificado) TRT 11ª Região - Amazonas
  96. (ano não identificado) TRT São Paulo
  97. (ano não identificado) TRT Mato Grosso do Sul
  98. (ano não identificado) TRF 4ª Região (Rio Grande do Sul)
Diário do Poder


Nenhum comentário:

Postar um comentário