sexta-feira, 4 de agosto de 2017

DEFENSORIA PÚBLICA DE ALAGOAS LANÇA CONCURSO COM SALÁRIO DE R$ 26 MIL

Crédito - Defensoria
A Defensoria Pública do Estado de Alagoas publicou, na manhã desta sexta-feira (4), no Diário Oficial do Estado, o edital do III Concurso Público para Provimento de Vagas no Cargo de Defensor Público de 1ª Classe do Estado de Alagoas. O Certame será executado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) e pela Comissão do Concurso da DPE/AL, com a participação da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Alagoas.
De acordo com o edital, serão disponibilizadas 15 vagas para o cargo de defensor público, sendo 14 vagas para ampla concorrência e uma vaga reservada para candidatos com deficiência. Os aprovados serão lotados nas coordenadorias regionais do interior do estado.
As inscrições estarão abertas entre as 10h do dia 07 de agosto até as 18h do dia 06 de setembro via internet, no site da Cebraspe. A taxa de inscrição é de R$ 265,00.
As provas objetiva e discursiva, que serão aplicadas nas datas prováveis de 18 e 19 de novembro de 2017, utilizarão o método Cespe de seleção. O concurso compreenderá quatro fases: a)prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, para todos os cargos, de responsabilidade do Cebraspe; b)provas discursivas, de caráter eliminatório e classificatório,de responsabilidade do Cebraspe; c) prova oral, de caráter eliminatório e classificatório, de responsabilidade do Cebraspe; d) inscrição definitiva, de caráter eliminatório, de responsabilidade da Comissão do Concurso do DPE/AL, com apoio logístico do Cebraspe, e) avaliação de títulos, de caráter classificatório, de responsabilidade do Cebraspe.
Entre os requisitos para participação no concurso, estão o porte do diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) e, no mínimo, três anos de atividade jurídica.
Para mais detalhes confira o edital no Diário Oficial ou na na página da Cebraspe

Fonte: AScom Defensoria Pública

Nenhum comentário:

Postar um comentário