segunda-feira, 31 de julho de 2017

FUNDARPE AFIRMA QUE FESTIVAL DE INVERNO CELEBROU A CRIATIVIDADE EM SUA 27 EDIÇÃO

No último sábado (29) aconteceu o encerramento do Festival de Inverno de Garanhuns, onde durante 10 dias, a cidade recebeu todo tipo de programação artística, como circo, exposições fotográficas, contações de histórias e música. Mesmo com todo o sucesso do evento e a valorização cultural, muitas pessoas ainda criticaram o FIG, afirmando ser fraco e sem boas atrações. Com isso, a FUNDARPE divulgou uma nota, destacando que o FIG recebeu um público de 250 mil pessoas na praça mestre Dominguinhos, palco principal, além de afirmar que o festival trouxe uma programação urgente, necessária e contemporânea.

Ainda na nota, eles destacam que a programação musical do evento não se ateve ao ibope, e sim a qualidade artística e a originalidade.

O coordenador geral do FIG, André Brasileiro, disse que este ano, a vocação de diversidade cultural do FIG em todas as linguagens foi reafirmada, juntamente com a importância de projetos especiais, a valorização dos artistas pernambucanos, que chegam aqui com novos trabalhos, e a importância do edital – mais de 90% das atrações foram escolhidas por meio dele. É um recorte que dá uma ideia do que está acontecendo nas artes do Brasil, com Pernambuco se sobressaindo.


O último dia de FIG contou com os shows de Andrea Amorim, Fernanda abreu, Hercinho Gouveia, Mamelungos, Marina Lima, Azulinho, e outros artistas espalhados pela cidade.

Um comentário:

  1. Olá! Sou jornalista e gostaria de saber um e-mail de contato para enviar informações e releases. Por favor, encaminhe para mandesouza@gmail.com. Obrigada!

    ResponderExcluir