sexta-feira, 9 de junho de 2017

PROJETO APOIADO PELO FUNCULTURA PRETENDE CRIAR ESPAÇO CULTURAL EM SÃO BENTO DO UNA


Com o objetivo de restaurar e adaptar o prédio da antiga Cooperativa dos Produtores Rurais de São Bento do Una, de propriedade do Estado de Pernambuco, o Instituto Lívio Valença – ILV criou o projeto Renascendo das Cinzas que vai criar o Espaço Cultural Escritor Gilvan Lemos, de acordo com a Lei nº 14.816, de 31 de outubro de 2012, para atender à grande demanda cultural do município de São Bento do Una.

O Espaço Cultural Escritor Gilvan Lemos será um grande complexo cultural, autossustentável e multiuso e funcionará, em sua área total de quase dois hectares, com: um Museu, uma Pinacoteca, uma Oficina de Artes e Contação de Histórias, uma Biblioteca Infantil, uma Biblioteca para Adultos (as bibliotecas de Lívio Valença e de Gilvan Lemos), uma Oficina de Artesanato, um Salão para Jogos (pingue-pongue, xadrez, Judô, karatê e Capoeira), um Salão para Exposição de Pinturas, Fotografias e Lançamento de Livros, um Espaço para a realização de Feiras de Livros e de Artesanato, um Café Cultural, uma Sementeira, um Estacionamento, um Teatro e um Parque, disponibilizando, assim, um espaço para a fruição das diversas linguagens culturais da região e de outras localidades.
O imóvel possui quase 80 anos e teve seu valor cultural reconhecido pela Diretoria de Preservação Cultural da FUNDARPE, uma vez que sua história se confunde com a história da economia do município de São Bento do Una e, porque não dizer, do próprio Estado, por ter sido de 1940 até 1995, a Cooperativa dos Produtores da Agropecuária e da Avicultura, respectivamente, haja vista São Bento do Una ser uma importante bacia leiteira no Estado de Pernambuco e o berço da avicultura do Nordeste.

Entretanto, o prédio está absolutamente depredado em virtude de ter sofrido dois incêndios, uma invasão e diversos saques de vândalos, necessitando de uma recuperação que dê ao mesmo uma função voltada à cultura e suprindo a enorme carência de espaços dessa natureza, no interior de Pernambuco.


Diante do imenso volume de verba necessário para realizar toda a recuperação da área, o projeto “Renascendo das Cinzas”, criado pela Presidente do Instituto Lívia Valença – ILV, Lívia Valença, foi subdividido em oito etapas e, desde 2015, o FUNCULTURA - FUNDO DE INCENTIVO À CULTURA - FUNDARPE busca renascer das cinzas um local de relevante valor histórico para a cidade e para o Estado de Pernambuco.
Transformar, ou melhor, readequar esse espaço irá valorizar a cultura local, promoverá uma qualificação de mão-de-obra voltada para o fazer cultural, trará entretenimento para a população e ajudará a fixar o homem no seu lugar de origem, preservando a memória do município.

Em suma, o INSTITUTO LÍVIO VALENÇA / ESPAÇO CULTURAL ESCRITOR GILVAN LEMOS beneficiará toda a população de São Bento do Una, além da população dos municípios vizinhos, gerando empregos diretos e indiretos e preservando uma edificação que representou um marco divisório na economia, na vida social, na história e na identidade do município.

CURSO PARA CRIANÇAS E ADOLESCENTES – Em uma das etapas do Projeto Renascendo das Cinzas, foi criado um curso de educação patrimonial para jovens estudantes da rede pública estadual e para crianças do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de São Bento do Una. Nesse curso as crianças aprenderam como cuidar dos patrimônios históricos, sobre a história dos bens culturais, sobre como a Cooperativa dos Produtores Rurais irá se tornar o maior polo cultural do interior de Pernambuco e como isso trará benefícios para jovens como eles. O curso foi ministrado pela Presidente do Instituto Lívio Valença, Lívia Valença e pela produtora cultural, Dora Dimenstein.


Outras Informações: Daniel Melo – Imprensa – (81) 9 9521-5731 / 9 8207-9560; 
Lívia Valença – Presidente do Instituto Lívio Valença – (81) 9 9193-9995.
Imagens:  Daniel Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário