quarta-feira, 28 de junho de 2017

EM ENTREVISTA COLETIVA, DELEGADO DIVULGA RESULTADO DA OPERAÇÃO FORÇA NO FOCO EM GARANHUNS


Foto: Falando com o Agreste
Aconteceu na última terça-feira (27) uma coletiva de imprensa, convocada pelo delegado da 18ª Delegacia Seccional de Garanhuns, Luiz Bernardo, na intenção de esclarecer e divulgar os resultados da Operação Força no Foco, que aconteceu nos dias 21 e 22 de junho, aqui em Garanhuns. Representantes das Polícias Civil e Militar, Conselho Tutelar, Corpo de Bombeiros, Vigilância Sanitária, Guarda Municipal e Receita Federal marcaram presença.

Logo de início, o delegado afirmou que a operação não era de caráter sigiloso e que tinha como objetivo prevenir as práticas de ilícitos criminais, administrativo e repressão aos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) na região, que são homicídios e latrocínios. Sobre as prisões, Dr. Luiz Bernardo destacou que 15 pessoas foram detidas.

Com relação ao trabalho da Polícia Militar, o Major Albuquerque, destacou o sucesso das ações, e que cerca de 64 policiais em cada turno das 48h realizaram diversas blitz. Além disso, foram realizadas ações integradas em bares e restaurantes que resultou em notificações e fechamento de estabelecimentos comerciais que funcionavam irregularmente. Já o Corpo de Bombeiros fiscalizou oito estabelecimentos comerciais, sendo três deles notificados e três interditados por apresentarem irregularidades.

A Dr. Catarina, representante da Vigilância Sanitária disse que fiscalizações foram realizadas para verificação de irregularidades nos bares, similares e outros estabelecimentos comercias na cidade, com objetivo de diminuir o risco de agravo a saúde da população local. Ela afirma que oito bares foram inspecionados, desses, quatro foram interditados. Os estabelecimentos apresentavam vários tipos de irregularidades que traziam agravo a saúde, inclusive com risco de morte, uma vez que fossem ingeridos por crianças e idosos por apresentarem imunidades baixas.


Foto: Falando com o Agreste
A coletiva aconteceu no auditório da CODEAM, e ao final, o delegado parabenizou pelo trabalho de todos e afirmou que outras ações do mesmo tipo podem acontecer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário