quinta-feira, 8 de junho de 2017

CANTOR JÚNIOR LIMA ADOTA DISCURSO BOLSONAROFÓBICO E FAZ DURAS CRÍTICAS AO DEPUTADO PRESIDENCIÁVEL

Imagem- Reprodução
E a moda da “bolsonarofobia” segue ganhando adeptos. Mais novo é Junior Lima, cantor que sumiu da mídia há muitos anos após o fim da dupla Sandy e Junior, mas ganhou repercussão após entrevista à Folha, divulgada no dia 05/06, em que criticou e deturpou as concepções de Jair Bolsonaro, que, para ele são pregações de ódio.
Dá medo de ver Bolsonaro querendo ser presidente, não é possível o discurso de ódio que esse cara tem. Discurso de ódio não vai me convencer nunca, porque não é por aí. A opção sexual do outro cara é diferente da minha então eu tenho que odiar ele (sic). Que coisa mais estúpida”, comentou o músico.
Está te faltando problema de verdade. Ou então você precisa olhar para você mesmo que na verdade você está com vontade de ser igual a ele (homossexual)”, continuou Junior.
O cantor ainda falou que antigamente tinha medo de desagradar as pessoas com as suas opiniões e hoje não se preocupa mais com isso. O vídeo de pouco mais de seis minutos foi publicado no site da Folha.
Além de política, Junior falou sobre sua carreira, seus relacionamentos pessoais e a depressão que se revelou para ele em crises de pânico. A publicação do vídeo na página da Folha no Facebook levou seguidores de Bolsonaro a criticar o irmão de Sandy.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário