quarta-feira, 7 de junho de 2017

AMUPE E MPPE ALERTAM GESTORES DE CIDADES EM CALAMIDADE PARA QUE FIQUEM ATENTOS À LEGISLAÇÃO

Presidente da Amupe, Josá Patriota, fala para gestores e
procuradores da Mata Sul 
E  visando evitar mais problemas além das calamidades já registradas  nas cidades recentemente atingidas pelas enchentes e que buscam de forma emergencial retomar sua rotina normal, o Ministério Público de Pernambuco – MPPE e a  Associação Municipalista de Pernambuco - AMUPE, convocaram prefeitos e procuradores dos municípios que sofrem toda essa situação, para uma série de palestras de como proceder em situação de emergência e calamidade, para evitar irregularidades.
O propósito do encontro foi exatamente alertas os gestores para situações nas quais deva ser observada e respeitada a legislação, quando da providencia do socorro aos atingidos e reconstrução do que foi danificado. Pretende-se evitar com essas recomendações, que hajam punições posteriores aos gestores que mesmo buscando agir de boa fé, na ânsia de resolver os problemas emergenciais, “atropelam” a lei e se sujeitam a futuras sanções em suas gestões.

O evento aconteceu na manhã desta quarta (07) na FAMASUL em Palmares, uma das cidades atingidas recentemente pelas enchentes e contou com a presença do Presidente da AMUPE e prefeito de Afogados, José Patriota além de representantes do MPPE. 

Imagens: Alex Brassan (AMUPE)

Nenhum comentário:

Postar um comentário