quarta-feira, 3 de maio de 2017

VOCÊ SABE OS SEUS DIREITOS QUANDO OS CORREIOS ESTÃO EM GREVE ?

Para reduzir os transtornos causados pela greve dos funcionários dos Correios (por tempo indeterminado), é importante que o consumidor saiba quais são os seus direitos e a quem cobrar em caso de problemas com o serviço.
O consumidor que contratar os serviços dos Correios, a exemplo da entrega de encomendas e documentos, e o serviço não for prestado, tem direito ao ressarcimento ou abatimento do valor pago. Caso o atraso ou a não entrega vierem a acarretar dano moral ou material, cabe acionar a Justiça em busca de uma indenização.
Caso o consumidor adquira algum produto de empresas, cuja entrega é realizada pelos Correios, deve estar ciente de que essas são responsáveis por encontrar outra forma para que os produtos sejam entregues no prazo contratado.

Já as empresas que enviam cobrança por correspondência postal são obrigadas a oferecer outra forma de pagamento que seja viável ao consumidor, como internet, a sede da empresa ou o depósito bancário, dentre outras. Essas alternativas devem ser divulgadas amplamente e de forma clara.
Se os boletos bancários e faturas não chegarem ao endereço, por conta da greve, o cliente deverá entrar em contato com a empresa credora (antes do vencimento) e solicitar outra opção de pagamento, a fim de evitar a cobrança de encargos, negativação do nome no mercado ou ter cancelamentos de serviço. Se a empresa não disponibilizar essas formas alternativas para pagar, deve prorrogar o vencimento da conta.
É importante ressaltar que quem não receber a fatura, boleto bancário ou qualquer outra cobrança em que o consumidor saiba que precisa efetuar o pagamento, não o isenta de realizá-lo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário