quarta-feira, 17 de maio de 2017

PAULO CÂMARA COBRA DA UNIÃO EQUILÍBRIO NA DIVISÃO DE CUSTOS DOS MUNICÍPIOS

Imagem: Blog do Magno
O governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), foi um dos preletores na tarde dessa quarta (17) na XX Marcha dos Prefeitos, que vem acontecendo em Brasília.
Na sua fala, o socialista citou a experiência pernambucana do FEM, que vem colaborando com a gestão do prefeitos aliados ou não, um fundo criado ainda na época do Governador Eduardo Campos.

Câmara enfatizou que a Constituição de 88 foi importante mas deixou brechas que hoje prejudicam os 5570 municípios brasileiros e para os estados, por não ser equitativo na distribuição de recursos da União. Paulo Câmara, à exemplo do seu antecessor Eduardo Campos, ainda defendeu enfaticamente um pacto federativo


O governador pernambucano colocou a saúde como um dos exemplos, quando lembrou à plateia de gestores municipais como os  Estados e municípios pagam uma conta na manutenção do SUS, ainda mais pesada do que a União.

*Por Marcelo Jorge, Correspondente em Brasília/DF

Nenhum comentário:

Postar um comentário