sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

EDITAL PARA CONCURSO DE PROFESSOR EM ALAGOAS COM 850 VAGAS É PUBLICADO

O governo do Estado, por meio da Secretaria do Planejamento, Gestão e Patrimônio do estado de Alagoas (Seplag), publicou edital do concurso público para o cargo de professor da Secretaria de Educação. As inscrições têm início no dia 2 de janeiro e as provas acontecem no dia 1º de abril. Ao todo, são ofertadas 850 vagas para várias especialidades. O salário inicial é de R$ 2.195,13.
De acordo com a publicação, o concurso será realizado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). A seleção compreende as provas objetivas (50 questões de conhecimentos básicos e 70 de conhecimentos específicos), de caráter eliminatório e classificatório, e avaliação de títulos, de caráter classificatório. 
As provas objetivas, a avaliação de títulos e a perícia médica dos candidatos que se declararam com deficiência serão realizadas nas cidades de Arapiraca/AL e de Maceió/AL. Havendo indisponibilidade de locais suficientes ou adequados na localidade de realização das provas, estas poderão ser realizadas em outras localidades. 
Pelo edital, as inscrições acontecem entre as 20 horas do dia 2 de janeiro de 2018 e 18 horas do dia 1º de fevereiro de 2018 (horário oficial de Brasília/DF). O valor custa R$ 95,00. As provas objetivas acontecem no dia 1º de abril de 2018. Já o resultado final e a convocação para a avaliação de títulos e para a perícia médica dos candidatos que se declararam com deficiência devem ser divulgados no dia 30 de abril. 
ÁREAS
No total, o Estado oferta 850 vagas para professor das disciplinas de Artes, Biologia, Ciências, Educação Física, Filosofia, Física, Geografia, História, Inglês, Matemática, Português, Química e Sociologia. 
Todas as regras estão previstas no edital, publicado Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (29).
Gazetaweb

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

DEPOIS DE FORTES CRÍTICAS DO PREFEITO IZÁIAS RÉGIS A CDL GARANHUNS, ENTIDADE EMITE NOTA SUBLIMINAR


Depois de uma entrevista ao radialista e jornalista Marcelo Jorge no programa " Falando Com o Agreste" , na rádio Marano FM de Garanhuns, nesta quinta-feira,28,o prefeito Izaías Régis, fez duras críticas a CDL( Câmara de Dirigentes de Lojistas de Garanhuns). Entre ás críticas, o prefeito falou que procurou integrantes da CDL para que a entidade pudesse participar financeiramente na Magia do Natal de Garanhuns, e segundo o gestor foi esnobado.

Nesta tarde após a entrevista do prefeito, o CDL Garanhuns emitiu nota através do presidente José Geraldo Nogueira aos empresários e aproveitou para criticar outras associações por sofrerem interferência em suas entidades, principalmente de políticos, subliminarmente se referindo a ACIG - Associação Comercial e Industrial de Garanhuns e ao prefeito Izáias Régis. A nota é mais emblemática ainda quando fala sobre a desvinculação de entidades privadas das públicas Brasil afora devido escândalos de corrupção, e encerra subjetivamente dizendo que a CDL só celebra parcerias com entidades confiáveis e transparentes quando for convidada, dando a entender que não houve por parte do prefeito uma proposta ou um projeto para ser parceiro no natal de Garanhuns.


É, bem verdade que essa briga não é boa para Garanhuns, pois a cidade precisa de unidade para seus futuros eventos e uma entidade como a CDL é parte importante com seus diversos associados e que podem ajudar a captar recursos para selarem parcerias em outras investidas festivas e campanhas. Já o prefeito Régis tem que “ amarrar” melhor seus projetos  para ir atrás desses recursos junto as empresas com propostas bem contruídas e transparentes para essa captação de recursos que viabilizará grandes eventos para a cidade que administra.

NOTA DA CDL





Por Marcos Antônio

PISO SALARIAL DO PROFESSOR TERÁ AUMENTO DE 6,81%

Piso salarial do professor será reajustado em 2018
FOTO: DIVULGAÇÃO
O governo federal anunciou um aumento de 6,81% no piso salarial dos professores para 2018. O piso nacional do magistério passará a ser de R$ 2.455,35 para jornada de 40 horas semanais.
A portaria que autoriza o aumento foi assinada pelo ministro da Educação, Mendonça Filho, nesta quinta-feira (28). O índice, anunciado pelo MEC, é 4,01% acima da inflação prevista para este ano, que é de 2,8%, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA).
Nos últimos dois anos, os professores tiveram um ganho real de 5,22%, o que corresponde a R$ 124,96, segundo o Ministério da Educação.O reajuste anunciado segue os termos do art. 5º da Lei nº 11.738, de 16 de julho de 2008, que estabelece a atualização anual do piso nacional do magistério, sempre a partir de janeiro.
O critério adotado para o reajuste, desde 2009, tem como referência o índice de crescimento do valor mínimo por aluno ao ano do Fundeb, que toma como base o último valor mínimo nacional por aluno (vigente no exercício que finda) em relação ao penúltimo exercício. No caso do reajuste deste ano, é considerado o crescimento do valor mínimo do Fundeb de 2016 em relação a 2015.

Gazetaweb

PRESIDENTE DO STF SUSPENDE PARTE DE DECRETO DE INDULTO DE NATAL

Foto: Correio da Bahia
A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, suspendeu na tarde desta quinta-feira (28) trechos do decreto assinado pelo presidente Michel Temer que concedia o indulto de Natal e a redução de pena a pessoas condenadas em todo o país sob o argumento que a edição da norma acarretou “aparente desvio de finalidade”.

Na prática, a decisão suspende os efeitos de cinco trechos do decreto até uma nova análise do relator do caso, ministro Roberto Barroso, ou do plenário do Supremo.

Dodge havia questionado o decreto assinado por Temer na última sexta-feira (22) sob a alegação de que a norma feria à Constituição ao prever, por exemplo, uma espécie de anistia a condenados que teriam de pagar multas ou foram beneficiados com a suspensão condicional de processo.

Prerrogativa do presidente da República, o decreto de indulto permite que o Estado conceda benefícios ou perdoe a pena de condenados que atendam a alguns critérios, como o cumprimento parcial da pena, por exemplo. Geralmente ele é assinado no fim do ano e, por isso, popularmente ficou conhecido como indulto natalino.

O decreto chegou a ser alvo de crítica força-tarefa do Ministério Público na operação Lava Jato, pois poderia desetimular a celebração de novos acordos de delação premiada.


A presidente do STF destacou que é “incompatível” com a extinção da punição conceder indulto para quem foi beneficiado com a suspensão condicional do processo. Ela lembrou que o eventual descumprimento das condicionantes pelo beneficiário para a transação penal acarretaria a retomada do processo.

PREFEITO DE GARANHUNS DIZ QUE CDL DE GARANHUNS FOI 'MESQUINHA' COM A MAGIA DO NATAL

Prefeito Izaías diz que CDL Garanhuns não foi parceiro
e pior que isso: Foi 'mesquinho' com o Natal. 
Em entrevista ao Programa ‘Falando com o Agreste’ nessa quinta feira (28), o prefeito de Garanhuns Izaías Régis (PTB) fez um balanço da sua gestão em 2017 e revelou suas expectativas e perspectivas para o ano de 2018.

O anúncio do desbloqueio da verba do FUNDEB, uma pauta que vinha incomodando o gestor, também foi comentado nessa conversa. O petebista comemorou o desbloqueio e disse que o recurso não é ‘carimbado’ – termo que significa que o dinheiro não precisa ser destinado a uma área específica – e que  portanto poderá ser utilizado para dar andamento a obras em diferentes áreas do município.

Um dos pontos que exaltou Régis durante a conversa foi a posição da CDL Garanhuns que, após ser segundo o gestor, visitado e convidado a participar dos investimentos na ‘Magia do Natal’, não colaborou e após o evento o clube de serviço utilizou canais de mídia para criticar o evento e declarar que o comércio não sentiu aquecimento econômico durante o período.

A entrevista com o prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, o internauta ouve na íntegra clicando no player abaixo. 

A PARTIR DE JANEIRO NOVAS VAGAS DE ESTACIONAMENTO ESTARÃO DISPONÍVEIS EM GARANHUNS

Foto: Roda Do Povo
As vagas estarão disponíveis até a próxima semana, pois a Autarquia Municipal de Segurança, Trânsito e Transportes (AMSTT) está finalizando, a implantação de sinalização vertical das ruas Ary Barroso, Dr. José Mariano e XV de Novembro, resultando assim a extensão do sistema de estacionamento rotativo Zona Azul.

De acordo com a Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Garanhuns, esta implantação visa promover mais rotatividade de veículos e evitar congestionamentos na área central da cidade. Com essa ação serão criadas mais de 100 vagas. Os trechos estão recebendo os últimos reparos, que englobam colocação de placas e pintura de meio-fio. As novas vagas estarão passando a exigir os cartões de Zona Azul no dia 02 de janeiro.


O presidente da AMSTT, Elielson Pereira, informou que os pontos de vendas estão sendo cadastrados, assim que isso acontecer serão divulgados.

GARANHUENSE É ELEITO MELHOR JOGADOR DO ESTADO


Foto: Leia Já Imagens
Mais uma vez Garanhuns vem se destacando nos esportes. Pois, atletas, paratletas e técnicos do estado foram homenageados no Prêmio "Pódio Pernambuco 2017", realizado pela secretaria de Turismo, Esportes e Lazer do estado, que premiou os principais destaques do desporto estadual durante este ano.

Entre os premiados, está o atleta de futebol de areia e garanhuense Fernando Luiz, conhecido como Fernando DDI, que é campeão da Copa do Mundo FIFA de Beach Soccer e da Copa Intercontinental Dubai, duas das principais competições da modalidade.

Foto: JC Online
Além dele, o paratleta Lucas Carvalho, do tênis de mesa, e o técnico Cristiano Rocha, do handebol também receberam o prêmio.


Todos os nomes foram indicados pelas suas federações. Depois, uma comissão de jornalistas escolhida pela Secretaria definiu os três finalistas e também os vencedores de cada categoria. Além da classe esportiva, também foram homenageados representantes de 50 empresas e instituições que apoiaram o esporte no Estado durante o ano, seja de base ou de alto rendimento.

QUEM DISSE QUE NÃO PODE FICAR PIOR : COLLOR PODE SER CANDIDATO Á PRESIDÊNCIA EM 2018

WALDEMIR BARRETO/ AGÊNCIA SENADO
Em tempos de retrospectivas de fim de ano, uma notícia parece estar relembrando os acontecimentos da década passada. Isso porque o senador Fernando Collor de Mello (PTC-AL) estaria cogitando um ‘repeteco’ da sua campanha em 1989 e pensa em se candidatar, nas eleições de 2018, ao cargo de presidente da República do Brasil.

A informação foi veiculada neste fim de semana pelo site da revista Época. De acordo com a publicação, o também ex-presidente Fernando Collor vem manifestando esse interesse político às pessoas que são próximas a ele.

O parlamentar estaria interessado em concorrer ao cargo mais alto do Poder Executivo no ano que vem, em substituição ao seu mandato no Senado Federal, que só vai terminar em 2022. O senador não chegou a confirmar tal informação.

O problema é que, assim como outros políticos de grande expressão no cenário e no histórico brasileiro, Collor responde a investigações no Supremo Tribunal Federal (STF), o que pode prejudicá-lo na eventual campanha.

RÉU NA LAVA-JATO

Não custa lembrar que Collor é réu nas investigações da operação lava-jato. A Procuradoria-geral da República  acusa o parlamentar de receber R$ 29 milhões em propina por suposta influência na BR Distribuidora empresa subsidiária da Petrobrás.Segundo o ex-Procurador Geral da Republica, Rodrigo Janot, estão envolvidos no suposto esquema, a mulher do senador Carlone Collor e seis acusados que atuavam como " operadores particulares"  e " testas de ferro" no recebimento dos valores.



quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

SENADOR ARMANDO MONTEIRO VEM À GARANHUNS NESTA QUARTA-FEIRA (27)

Foto: Blog do Carlos Eugênio
A assessoria do Senador Armando Monteiro (PTB) informou que o parlamentar vem à Garanhuns nesta quarta-feira (27), a partir das 15h. Primeiro, O Senador será recebido pela prefeita Raquel Lyra, em Caruaru. Em seguida vem ao nosso município se encontrar com o prefeito Izaías Régis, para visitar o comércio da Avenida Santo Antônio. Às 17h, Armando Monteiro vai ainda para a ACIG, onde estará disponível para entrevistas.

Izaías afirmou que além do Senador Armando Monteiro ter um compromisso político com Garanhuns, nutre um sentimento de gratidão a cidade.


Armando é responsável pela destinação de recursos, através de Emendas Parlamentares, para a realização de diversas obras em Garanhuns.

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

ATRIZ DA GLOBO MORRE AOS 80 ANOS


Aracy Cardoso tinha vários problemas no coração 


A atriz Aracy Cardoso morreu aos 80 anos nesta terça-feira (26/12). A artista estava internada no Hospital São Lucas, no Rio de Janeiro (RJ), por causa de vários problemas no coração e nos rins. Ela é conhecida por trabalhar em vários papéis de grandes novelas da Rede Globo.

Seu último trabalho na televisão foi na novela “Sol Nascente”, exibida em 2016. A atriz sofria de hidrocefalia e distúrbios do equilíbrio. O velório da atriz será nesta quinta-feira (28), no Memorial Do Carmo, no Rio de Janeiro. As informações são do jornal Extra.

Carreira
Nascida no Rio de Janeiro, Aracy começou a carreira no teatro e ainda nos anos 1960 migrou para a TV. Seu primeiro trabalho em uma novela ocorreu em 1965 para a Rede Excelsior, quando ela fez o papel da mocinha Catarina em “A Indomável”.
Ela também trabalhou em novelas da TV Tupi, como “As Bruxas” (1970) e “A Revolta dos Anjos” (1972). Na Globo, emissora em que começou a atuar em 1974, a artista participou de novelas como  “A Gata Comeu” (1985), “Selva de Pedra” (1986), “Mandala” (1987), “Pecado Capital” (1998), “Agora é Que São Elas” (2003) e “Senhora do Destino” (2004).
Em 2005, Aracy teve um infarto no miocárdio, que a deixou afastada da televisão até 2009, quando começou a trabalhar na Record. Nesta emissora, ela atuou em “Bela, a Feia” (2009) e “Dona Xepa” (2013). Em 2016, foi convidada para uma participação especial na novela “Sol Nascente” (2016) – seu último trabalho na televisão.
Metropólis

CONTA DE LUZ PODE VIR MAIS CARA EM 2018

Foto: Rsim
O ano de 2018 nem começou e já vem aumento na conta de luz.

De acordo com a TR Soluções, empresa de desenvolvimento de sistemas, especializada em tarifas de energia elétrica, a conta pode ficar 9,4% mais cara, no próximo ano.

Ainda de acordo com a TR, para este final de ano as tarifas devem fechar em cerca de 14%, sendo este o índice mais alto que o da inflação.

Vale destacar que, o aumento está relacionado a encargos sociais e o clima. Com isso, as regiões mais afetadas serão o Sul e Sudeste, já que o baixo índice de chuvas influência de forma direta no preço da conta.

Além da conta de luz, outra previsão pode prejudicar o consumidor. O aumento da conta pública pode sair de R$ 9,3 para R$ 12,6 bilhões, em 2018.

TRAGÉDIA EM GARANHUNS : MENINO DE 12 ANOS MATA IRMÃO DE 6 COM TIRO DE ESPINGARDA

Tragédia aconteceu no bairro de Manoel Chéu, Foto: Reprodução/Google Maps/JC

Uma criança de seis anos morreu após levar um tiro de espingarda disparado pelo irmão de 12 anos na tarde desta segunda-feira (25), em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco. O acidente aconteceu dentro de uma creche. As crianças brincavam dentro dessa creche, localizada no bairro de Manoel Chéu, quando encontraram uma espingarda escondida atrás de um sofá. O irmão mais velho pegou a arma e apontou para o irmãozinho mais novo, quando a arma disparou acidentalmente no rosto da criança, que ainda foi socorrida no hospital D.Moura, mas, não resistiu e faleceu.

Pais e filho foram levados a delegacia onde prestaram depoimento. Ainda de acordo com a PM, a arma pertencia ao pai dos irmãos que pode responder por negligência por ter deixado arma em um lugar de fácil acesso. A Polícia Civil vai investigar se o tiro foi acidental. O corpo da criança foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

Com informações do G1 









U



PRAZO PARA SACAR PIS/PASEP 2015 TERMINA NESTA QUINTA-FEIRA

Mais de 1,4 milhão de trabalhadores ainda não sacaram o beneficio
Termina nesta quinta-feira, 28 de dezembro, o prazo para que os trabalhadores que têm direito ao abono salarial ano-base 2015 saquem o beneficio nas agências bancárias. Cerca de 5,80% de inscritos no PIS e no Pasep, 1,4 milhão de pessoas, não haviam sacado o dinheiro até o fim de novembro.

O abono é pago para inscritos no PIS/Pasep há cinco anos ou mais e que trabalharam com carteira assinada por pelo menos 30 dias naquele ano, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos. Também é preciso que seus dados tenham sido informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, faz um alerta aos trabalhadores: “O dinheiro do Abono Salarial é do trabalhador e pode ajudar muito neste fim de ano. Então, se você trabalhou formalmente em 2015, não deixe de ver se têm direito ao benefício, e procure uma agência bancária para sacá-lo.”

Para conferir se tem direito ao benefício, o trabalhador pode acessar o portal do Ministério do Trabalho (http://trabalho.gov.br/abono-salarial/consulta-abono-salarial). Basta inserir o CPF ou número do PIS/Pasep e a data de nascimento para fazer a consulta. Outra opção é a Central de Atendimento Alô Trabalho, que atende pelo número 158.

O valor que cada trabalhador tem para receber é proporcional à quantidade de meses trabalhados formalmente em 2015. Quem trabalhou o ano todo recebe o valor na íntegra. Quem trabalhou um mês, por exemplo, recebe 1/12 do valor, e assim sucessivamente. Os pagamentos variam de R$ 79 a R$ 937.

Os trabalhadores da iniciativa privada, que são vinculados ao PIS, sacam o dinheiro nas agências da Caixa ou lotéricas de todo o país. Já os servidores públicos, com vínculo no Pasep, retiram o benefício no Banco do Brasil.
Ministério do Trabalho

BRASIL GASTA R$10 BILHÕES POR ANO COM VEREADORES

O Brasil é dos poucos países que paga salários a vereadores e cargos similares. E paga muito bem. São cerca de R$10 bilhões por ano com salários, auxílios, verba indenizatória e outras regalias pagas aos 57.736 vereadores eleitos no ano passado, segundo dados do Tesouro Nacional. E esse valor pode ser muito maior, já que só cerca de 80% dos municípios sequer disponibilizam informações contábeis e fiscais. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.
Proposta de 2012 extinguia salários de vereadores dos municípios de até 50 mil habitantes (88% dos 5.570 existentes). Foi “assassinada”.
Na maioria dos países, os vereadores não têm Câmara. Se reúnem em locais gratuitos e debatem melhorias para a comunidade. De graça.
No Brasil, vereador ganha dois terços dos salários de deputado estadual, que recebem dois terços dos ganhos de deputado federal.
Protagonista no maior escândalo de corrupção da História, o PT viu o número de vereadores cair quase pela metade, de 5.067 para 2.795.

segunda-feira, 25 de dezembro de 2017

ESTUDIOSO DIZ QUE SABE A DATA EXATA DO NASCIMENTO DE JESUS

Foto: losw / iStock
A maioria dos cristãos talvez não saiba que a data tradicional do Natal, comemorado em 25 de dezembro, marcava o solstício de inverno. Era originalmente a Saturnália, celebração que comemorava o nascimento de Saturno, um deus pagão, da “semente de uma mulher”. As festividades duravam quatro dias. Nesse período ninguém trabalhava, ofereciam-se presentes e visitavam-se os amigos. Em 273 o Imperador Aureliano estabeleceu o dia do nascimento do Sol em 25 de Dezembro: Natalis Solis Invicti (nascimento do Sol invencível).
Com a cristianização do Império Romano, muitas celebrações pagãs foram “ressignificadas” e associadas com temas cristãos. Somente durante o século IV que o nascimento de Cristo começou a ser celebrado pelos cristãos (até aí a sua principal festa era a Páscoa). Essa tradição se mantém até hoje.

Contudo, segundo o teólogo Ron Allen, um estudo cuidadoso das Escrituras, da história e da astronomia comprovam que Jesus não poderia ter nascido dia 25 de dezembro. Embora a Bíblia não diga claramente quando Jesus nasceu, existem evidências bíblicas sobre o ano de Seu nascimento.

Allen, fundador do ministério Star Bible Society lembra que Deus deixou muitos sinais nos céus e que os cristãos muitas vezes ignoram isso por confundir astronomia (estudos dos astros) com astrologia (estudo dos zodíaco), coisas completamente diferentes. Destaca também que muitas datas foram determinadas por achados arqueológicos muito tempo após o estabelecimento do calendário que usamos, o Gregoriano, adotado pelos países do Ocidente em 1582, após uma bula do papa Gregório XIII.

“Sabemos por Lucas 3:23 que Jesus tinha cerca de 30 anos quando começou Seu ministério. O profeta Daniel nos diz em seu Livro (capítulo 9, versículo 25) que o ano da revelação do Cristo ocorreria “7 mais 62 semanas proféticas” – 69 X 7 ou 483 anos – após o decreto que enviou Esdras a Jerusalém, em 458 a.C.”, argumenta.

Um cálculo matemático precisa levar em conta que não há “ano 0”, logo a profecia de Daniel aponta que Jesus iria começar seu ministério no ano 26 d.C. Ainda segundo o erudito, “Este ano é apoiado por duas datas das Escrituras. Historicamente, João Batista iniciou seu ministério no 15º ano do reinado de Tibério (Lc 3: 1), ou seja, no ano 25 d.C. Além disso, Jesus limpou o Templo (cf. Jo 2:20) 46 anos depois que Herodes começou a reformá-lo, no ano 20 a. C. – segundo registrou o historiador judeu-romano Flávio Josefo, o que nos leva ao ano 27 d.C. Muitos estudiosos da Bíblia acreditam que Jesus começou seu ministério no ano 26 d.C. Se ele tinha 30 anos, lembrando novamente que não há ano 0, na verdade nasceu 5 anos antes da data estabelecida pelo calendário de Gregório”.

Ron Allen aponta ainda para outras evidências. “Jesus teria nascido na primavera ou no outono do ano, segundo os detalhes da Escritura sobre o nascimento de João Batista. O pai de João, Zacarias, era membro do grupo sacerdotal de Abias (Lc 1: 5) que, segundo fontes rabínicas, ministrava no templo em maio e novembro. Como o anjo Gabriel apareceu a Zacarias no templo, mandando-o para casa, quando provavelmente concebeu o filho. Logo, isso seria em junho ou dezembro, portanto João nasceu nove meses depois, sendo as possibilidades março ou setembro do ano seguinte. Sabemos, pelas Escrituras, que João Batista era seis meses mais velho que Jesus (Lc 1:26), portanto Jesus teria nascido em setembro ou março do ano 5 a. C.”

O argumento do teólogo, que escreveu o livro The Stars of His Coming sobre o tema, utiliza registros da astronomia e da história que colaboram para o estabelecimento em que época do ano o Messias nasceu. “Sabemos que uma estrela especial apareceu quando Jesus nasceu e que os Magos vindos do Oriente, que possivelmente seguiam os ensinamentos proféticos de Daniel (Dn 2:48), vieram buscá-Lo (Mt 2:1,2). Há registros de astrônomos chineses que viram essa estrela, identificando-a como uma nova, que teria ficou visível por um longo período na primavera do ano 5 a. C.”, aponta Allen em seu estudo. “Tomando como base a aparição dessa estrela de Belém, registrada em fontes seculares, no ano 5 a.C., e que João Batista foi concebido em dezembro de 7 a.C., então Jesus teria sido concebido em junho de 6 a. C. Presumindo que João Batista nasceu em setembro de 6 a.C. então Jesus nasceu em março do ano 5 a.C.”, conclui.

Conforme o estudo de Allen, ocorreram sinais no sol, na lua e nas estrelas que apontavam para o nascimento de Jesus, começando com o anúncio a Zacarias em 7 a. C. “Josefo nos diz que houve um eclipse lunar na Páscoa e que Herodes morreu mais tarde naquele mesmo ano. Este eclipse lunar, ou lua de sangue, ocorreu em 23 de março de 5 a. C. Isso teria ocorrido em simultâneo com a aparição da estrela de Belém, durante a primavera”, revela.


Embora admita que há críticas sobre a tentativa de estabelecer uma data precisa por este método, o estudioso diz que uma pesquisa astronômica mostra registros que os “sinais no céu” apontam para 23 de março de 5 a.C. como o dia do nascimento de Jesus. Também não espera que as pessoas comecem a celebrar essa data, apenas considera que é importante os cristãos saberem que é possível saber quando o Salvador realmente nasceu. “Sabemos que o mundo inteiro continuará com a tradição, comemorando o ‘aniversário’ de Jesus em 25 de dezembro. Mas esse é só o antigo solstício de inverno romano”. 

Publicado originalmente na revista Charisma

domingo, 24 de dezembro de 2017

BOAS NOTÍCIAS PARA 2018: SUPREMO DETERMINA DESBLOQUEIO DOS 10 MILHÕES DE REAIS PARA GARANHUNS.

E uma notícia positiva para a administração do prefeio Izaías Régis (PTB) e para Garanhuns, foi dado pela presidência do Supremo Tribunal Federal (STF), essa semana que passou. É que a ministra Cármen Lúcia, suspendeu o efeito de decisões proferidas por desembargadores do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5) e do Tribunal Justiça de Pernambuco (TJ-PE) que haviam determinado o bloqueio de verbas nas contas do Município  de Garanhuns que recebe transferências realizadas pela União por meio do Fundo de Desenvolvimento da Educação Fundamental (Fundef), atual Fundeb. As decisões da ministra Cármen Lúcia foram tomadas nas Suspensões de Liminar (SLs) 1113 e 1119, respectivamente.

Na Suspensão de Liminar 1119, o Município de Garanhuns pediu a suspensão dos efeitos de bloqueio determinado por desembargador do TJ-PE (superior a R$ 10 milhões), como forma de restituição de quantia penhorada em ação de execução fiscal contra o Unibanco, que foi convertida em renda em favor do município antes do trânsito em julgado e indevidamente levantada.

De acordo  com a Procuradoria de Garanhuns, o bloqueio incidiu sobre valores depositados em contas de convênios e programas federais titularizadas pelo município, a exemplo do Programa de Alimentação Escolar (Pnae) e o Fundeb, evidenciando risco de lesão à ordem e à economia públicas. Representantes do jurídico municipal estiveram inclusive por várias vezes pessoalmente no STF em Brasília, buscando através de recursos, a liberação desse montante.   

Em sua decisão, a Ministra Cármen Lúcia verificou que o bloqueios alcançou  recursos oriundos de repasses constitucionais ou com destinação vinculada, sem que tenha havido qualquer cuidado ou ressalva em contrário.  Aministra declarou que “Nesse exame preliminar e precário, próprio deste momento processual, não parece consentâneo com o princípio da supremacia do interesse público sobre o interesse particular admitir a persistência da ordem de bloqueio a incidir sobre contas bancárias destinatárias de recursos vinculados, sob pena de frustrar a execução de políticas públicas educacionais em prejuízo da população local”.

Prefeito Izaías mostrava preocupação em relação ao bloqueio.
Com essa ação, o Governo de Garanhuns aguardará agora o recesso da justiça que deve acontecer no próximo mês de Fevereiro de 2018, para saber quais os procedimentos que devem ser adotados para reincorporação do montante aos cofres municipais.


Régis inclusive havia dito em entrevista recente ao programa ‘Falando com o Agreste’ que sem estes recursos o governo municipal temia que não houvesse dinheiro suficiente para cumprir as folhas salariais de Dezembro e o décimo terceiro dos servidores. Porém, ainda segundo o gestor, um planejamento eficiente possibilitou o cumprimento integral dessas obrigações junto ao funcionalismo. 

sábado, 23 de dezembro de 2017

OS QUE OS NOSSOS PREFEITOS FAZEM E FIZERAM EM 2017?

Imagem: Internet
O Brasil possui cerca de 5.570 municípios – e cada um deles tem seu próprio prefeito. Para fazer qualquer avaliação da qualidade da gestão dos prefeitos brasileiros, é preciso entender o que essas pessoas são encarregadas de fazer pelos nossos municípios, não é mesmo? 

Em alguns municípios, principalmente os de pequeno porte, como no caso do Agreste e Sertão pernambucano, as atividades dos prefeitos  também se estendem e as relações com a população já que em razão das limitações territoriais, os mesmos estão em permanente contato com o povo, resolvendo demandas de forma até mais rápida. 

Então, vamos conferir, então, quais são as principais funções de um prefeito:



O GESTOR MUNICIPAL

Em todas as esferas da nossa federação, encontramos a mesma divisão de poderes do Estado: Executivo, Legislativo e Judiciário (exceção para os municípios, que não possuem Judiciário).
O prefeito é o Chefe do Poder Executivo de um município. Isso significa que está nas mãos dele o poder de administrar a cidade em que vive. Ele  cobra impostos e taxas que, por sua vez, devem custear obras, serviços e políticas essenciais para a vida nas cidades.
Alguns exemplos de serviços mantidos pelas prefeituras brasileiras são:
  • A limpeza e a iluminação públicas; 
  • O sistema de transporte urbano;
  • As ambulâncias e serviços de saúde municipais; 
  • A educação infantil (creches, pré-escolas) e o ensino fundamental; 
  • E a formação da guarda municipal.

ACORDOS COM OS GOVERNOS ESTADUAL E FEDERAL
Os prefeitos precisam buscar apoio político em outras esferas de governo, como governador, deputados estaduais, federais e senadores de seu estado. Muitos recursos importantes para os municípios são negociados junto aos governos estaduais e governo federal, possibilitando o financiamento de projetos importantes e a melhoria da qualidade de vida da população. O prefeito também deve colocar em prática um plano de desenvolvimento para o município, buscando atrair e/ou fomentar a criação de  novas empresas, a fim de que elas gerem emprego e renda para os seus habitantes.

RELAÇÃO COM OS VEREADORES

Dentro do município, o apoio da câmara municipal também é importante. Em relação à Câmara Municipal, o prefeito possui a mesma função que o presidente em relação ao Congresso Nacional: a sanção ou veto de leis. O processo legislativo municipal segue rito semelhante ao encontrado nos outros níveis da federação. Mas além disso, ele mesmo pode propor novas leis, que são submetidas à análise da Câmara e da sociedade.
Por outro lado, o prefeito deve cumprir as leis aprovadas pela Câmara, além de submeter suas contas à sua fiscalização, que ocorre com auxílio do Tribunal de Contas estadual – ou municipal, se houver.
Além disso, o prefeito deve elaborar a lei orçamentária anual e submetê-la à Câmara, que pode alterá-la, se julgar necessário.

OS SECRETÁRIOS

Evidentemente, o prefeito não está à frente de uma cidade inteira por conta própria: ele conta com a ajuda de funcionários públicos, secretários e assessores, cada um incumbido de cuidar de alguma coisa: recursos municipais, sistema público de saúde, sistema educacional, e assim por diante. Muitos desses secretários também são indicados a partir de barganhas políticas, da mesma forma como acontece no âmbito federal.
No fim das contas, os secretários e suas equipes realizam a maior parte do trabalho da máquina pública municipal. O prefeito coordena todo esse trabalho e estabelece as metas e prioridades da prefeitura.

Por isso, lembre-se que você elege não apenas um prefeito, mas também um grupo específico, que estará junto com ele no dia a dia da administração do município (em que pese, é bem verdade, que boa parte dos funcionários públicos devem ser concursados).
E é claro que o cargo de prefeito não garante poder absoluto a ninguém: a pessoa que o ocupa precisa seguir uma série de leis municipais e – em teoria – tem seu trabalho fiscalizado constantemente pela Câmara Municipal.
Por fim, o prefeito tem o dever de implementar as políticas públicas que se comprometeu a fazer durante a campanha. Essas políticas devem ser discutidas com a população.

COM QUAIS RECURSOS O PREFEITO CONTA PARA ADMINISTRAR O MUNICÍPIO?

Para colocar em prática seus planos, o prefeito na maioria dos municípios conta com recursos de diversas fontes. A primeira delas é o próprio município, que cobra seus próprios impostos, taxas e outros tributos. O Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana, mais conhecido como IPTU, é o mais conhecido imposto municipal.
Mas os prefeitos não contam apenas com os impostos coletados no município: a Constituição de 1988 prevê mecanismos de transferência de recursos dos estados e da União para os municípios. Alguns exemplos são:

  • 22,5% dos recursos arrecadados pela União com Imposto de Renda e Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) são repassados aos municípios;
  • 50% do imposto sobre propriedade rural situada no território do município; 
  • 25% do ICMS, imposto estadual, também para nas prefeituras 
  • E, no caso específico de Pernambuco, ainda existe o FEM que é o  Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal, criado na gestão do já falecido Governador Eduardo Campos e que tem como objetivo apoiar os municípios pernambucanos na implantação de projetos que contribuam para o desenvolvimento municipal.
Em muitos casos, os recursos que chegam às prefeituras possuem destinos obrigatórios, como aqueles provenientes de fundos para a saúde e a educação. Essas e outras verbas a que municípios têm direito podem ser encontradas nos artigos 158 e 159 da Constituição.

Com informações do Site Politize

CÂMARA CONCEDE APOSENTADORIA DE QUASE R$10 MIL A JOSÉ DIRCEU QUE FOI CASSADO E CONDENADO PELA JUSTIÇA

A Câmara dos Deputados concedeu a aposentadoria ao ex-deputado federal José Dirceu (PT-SP). Em publicação no Diário da Câmara, o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), autorizou nesta quinta (21) a concessão do benefício de dez trinta e cinco avos do salário de R$ 33.763,00 de um parlamentar. A partir de agora, o petista passa a receber mensalmente R$ 9.646,00 de benefício como ex-parlamentar.
Em novembro, Dirceu pleiteou a aposentadoria à Câmara e, na ocasião, Maia disse que se ficasse claro o direito adquirido do petista, o benefício seria autorizado.
Os técnicos da Casa consideraram os 11 anos do período da ditadura que foram anistiados para calcular os 35 anos de contribuição, mas não levaram em conta esse período para definir o valor do benefício. Na somatória, também entraram o tempo de contribuição ao INSS e na Assembleia Legislativa de São Paulo, onde foi funcionário. Se o período da anistia tivesse sido incluído na conta, ele poderia receber até R$ 17 mil mensais.
Dirceu se soma agora ao grupo dos nove ex-deputados federais cassados nas últimas décadas que recebem de R$ 8.775,38 a 23.344,70 por mês de aposentadoria da Câmara. Juntos, os benefícios dos deputados somam R$ 126.960,94 provenientes de um plano de previdência custeado, em parte, com recursos públicos. A informação foi divulgada em primeira mão pelo Broadcast/Estado, notícia em tempo real do jornal O Estado de S.Paulo, há pouco mais de um mês.
O ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ), cassado em 2005 por envolvimento no mensalão, ganha R$ 23.344,70, a maior aposentadoria entre os deputados cassados. Pedro Corrêa (PP-PE), hoje preso na Operação Lava Jato e cassado em 2006 também por participação no mensalão, tem uma aposentadoria de R$ 22.380,05. (AE).
Diário do Poder

MALUF DIVIDE CELA COM TRAFICANTE E CHEFE DA MÁFIA

Reuters Maluf se entregou à Polícia Federal em São Paulo na quarta-feira (20) 
O deputado federal Paulo Maluf (PP-SP) ficará preso na cela 10, ala B, bloco 5 do Centro de Detenção Provisória (CDP) do Complexo Penitenciário da Papuda, no Distrito Federal (DF).
Como revelado pelo site 'Metrópoles', o parlamentar vai dividir a cela com o chefe da Máfia dos Concursos no DF, Hélio Ortiz, além do holandês Frank Andy Edgar Uden, preso preventivamente por tráfico de drogas, e o farmacêutico Maikow Luiz de Araújo, acusado de associação com o tráfico.
Maluf se entregou à Polícia Federal em São Paulo nesta quarta-feira (20) e foi transferido para a Papuda na sexta (22).