terça-feira, 29 de março de 2016

EM MEIO AO DESCRÉDITO DA CLASSE POLITICA, CONGRESSO DISCUTE O QUE OS POLÍTICOS DEVEM FAZER NAS ELEIÇÕES 2016

A Plenarium Consultoria, que produz campanhas em Pernambuco, estará
presente no evento.
Desde o pleito de 2014, ficou acentuado o total descontentamento da população brasileira com a classe política que a representa. Diversas manifestações contra governos municipais, estaduais e, com maior ênfase, contra o Governo Federal têm efervescido os debates sobre o futuro político do país. Essa é uma questão que permeia também no pensamento dos profissionais da área política e dos próprios candidatos, que encontrarão um ambiente muito mais hostil durante o pleito deste ano. Pensando nisso, a Associação Brasileira de Consultores Políticos (ABCOP) em comemoração aos seus 25 anos de existência,  traz esse ano, como tema central de seu congresso bianual, os desafios que tanto profissionais quanto candidatos enfrentarão nas Eleições 2016.

 O Congresso Brasileiro de Estratégias Eleitorais e Marketing Político, que acontece desde 1986, entra em sua  12ª edição nos dias 29 e 30 de abril, na Universidade Presbiteriana Mackenzie, trazendo em sua programação uma variada gama de assuntos voltados às eleições, desde como atuar com as novas tecnologias, o uso do rádio, as novas regras e legislação eleitoral, pesquisas, até mesmo as técnicas de argumentação que um candidato deve ter no famoso corpo a corpo.

Nomes consagrados no meio do marketing político/eleitoral, do direito eleitoral, das pesquisas de opinião e da comunicação social comporão a grade de apresentações do congresso que teve sua última edição em Brasília, no ano de 2014. O encontro das maiores inteligências políticas e eleitorais do país estarão reunidas em um único local.

Em sua assembleia geral ordinária, a ABCOP apresentará o código de ética dos profissionais da área politica/eleitoral.

“Esta edição tem tudo para ser a maior da longa história que possui esse congresso. Conseguimos trazer grandes mestres das técnicas eleitorais, mesclando com ótimos especialistas nas novas tecnologias, que incrementam cada vez mais a rotina da comunicação política. Estou certo de que quem estiver presente sairá das palestras com novas ideias a respeito do que fazer nas próximas eleições”, destaca Carlos Manhanelli, presidente da Associação Brasileira de Consultores Políticos (ABCOP). Informações e inscrições, acesse: www.estrategiaseleitorais2016.com.br.

Vinicius Ribeiro/ MTB 75694/SP
(11) 3782-9900 | (11) 96627-0649
Departamento de Comunicação - Manhanelli Associados

domingo, 20 de março de 2016

ADVOGADA FILIADA AO DEM, QUER SER A PREFEITA DE GARANHUNS

Claudomira Andrade, Mendonça Filho e Priscila Krause
Em um evento muito concorrido, realizado na noite da última sexta feira (18), no Auditório do Garanhuns Palace Hotel, dezenas de partidários e simpatizantes do partido Democratas, ouviram atentamente as orientações do seu líder, Deputado Federal Mendonça Filho, referentes às eleições municipais próximas. 
A deputada estadual da legenda, Priscila Krause também estava presente no auditório e fazendo uso da palavra, enalteceu os pre candidatos que defenderão a agremiação no processo eleitoral e que, de acordo com ela, serão os protagonistas do fortalecimento do DEM nos seus municípios e na região Agreste.
Pre candidatos e líderes políticos, com ou sem mandato, de Bom Conselho, Correntes, Sâo João, Iati, Capoeiras, Lagoa do Ouro e de Garanhuns, entre outros municípios, levaram suas comitivas e foram ovacionados pelo público presente.

Na oportunidade, Mendonça Filho fez uma explanação do seu trabalho na Câmara e do momento que o país passa. Ele frisou sua participação como um dos membros na Comissão de Impeachment, em um processo que pretende afastar a presidente Dilma Rousseff.


Se contrapondo ao PSB do Governador Paulo Câmara, que até agora não deixou claro um nome do partido em Garanhuns que deve ser o "cabeça de chapa" na disputa local, Mendonça Filho fez questão de transparecer que o DEM terá sim candidato próprio à sucessão do prefeito Izaías Régis (PTB), apontando a Advogada Claudomira Andrade como a opção que, de acordo com o parlamentar, deve agregar apoio dentro e fora da legenda. 
Vale lembrar que Claudomira obteve nada desprezíveis 7.616 votos nas últimas eleições de 2014, concorrendo a uma vaga de Deputada Estadual ainda pelo seu partido anterior, o PSDB.

Nesta segunda feira (21), o programa "Falando com o Agreste", exibido a partir do meio dia pela Rádio Marano FM de Garanhuns, traz uma entrevista exclusiva com o Deputado Federal Mendonça Filho, Líder do Democratas na Câmara e que falará sobre o papel das oposições em meio ao caos político vivido pelo país e mais especificamente sobre sua atuação na denominada "Comissão do Impeacment" formada na Câmara, que vai analisar a denúncia apresentada contra a Presidente Dilma por crime de responsabilidade. 
A Comissão é composta por 65 deputados, dentre eles quatro pernambucanos: Tadeu Alencar e Fernando Filho (PSB), Silvio Costa (PT do B), alem de Mendonça Filho (DEM). 



sexta-feira, 18 de março de 2016

GILMAR MENDES SUSPENDE NOMEAÇÃO DE LULA COMO MINISTRO DA CASA CIVIL

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes suspendeu nesta sexta-feira (17) a nomeação para a Casa Civil do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que tomou posse nesta quinta (16). A decisão foi proferida em ação apresentada pelo PSDB e pelo PPS.
Na decisão, o ministro afirma ter visto intenção de Lula em fraudar as investigações sobre ele na Operação Lava Jato. O petista ainda pode recorrer da decisão ao plenário do Supremo.
Além de suspender a nomeação de Lula, Gilmar Mendes também determinou, na mesma decisão, que a investigação do ex-presidente seja mantida com o juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Lava Jato na primeira instância judicial.
O ex-presidente Lula tomou posse nesta quinta-feira (17), pouco antes de 10h40, como novo ministro-chefe da Casa Civil em cerimônia no Palácio do Planalto, ao lado da presidente Dilma Rousseff. Cerca de uma hora depois, o juiz federal Itagiba Catta Preta Neto, da 4ª Vara do Distrito Federal, suspendeu a posse por meio de uma decisão liminar (provisória).
Outras decisões semelhantes, em outras Varas de Justiça, também foram proferidas e cassadas por Tribunais Federais. Com a decisão de Gilmar Mendes, acaba o impasse de decisões divergentes nas instâncias inferiores da Justiça.
"O objetivo da falsidade é claro: impedir o cumprimento de ordem de prisão de juiz de primeira instância. Uma espécie de salvo conduto emitida pela Presidente da República", afirma Gilmar na decisão.
"Pairava cenário que indicava que, nos próximos desdobramentos, o ex-Presidente poderia ser implicado em ulteriores investigações, preso preventivamente e processado criminalmente. A assunção de cargo de Ministro de Estado seria uma forma concreta de obstar essas consequências. As conversas interceptadas com autorização da 13ª Vara Federal de Curitiba apontam no sentido de que foi esse o propósito da nomeação", diz o ministro em outro trecho.

Críticas de Gilmar Mendes à nomeação
O ministro Gilmar Mendes já havia criticado duramente na última quarta-feira (16) a nomeação do ex-presidente para a chefia da Casa Civil, afirmando que a iniciativa seria uma fuga do petista da investigação da Lava Jato em Curitiba.

Em meio ao julgamento do recurso da Câmara à decisão do rito de impeachment, o magistrado ressaltou que a nomeação do ex-presidente para o primeiro escalão deixa "muito mal" a Suprema Corte.

Já na quinta, o ministro do Supremo também afirmou que a conversa entre a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva interceptada pela Operação Lava Jato pode caracterizar crime de responsabilidade, o que poderia embasar um processo de impeachment.
“Se houver avaliação de que se trata de medida para descredenciar a Justiça, obstrução de Justiça certamente está nos tipos de crime de responsabilidade. Pode ter outros dispositivos aplicáveis da legislação penal”, afirmou Mendes.
A fala da presidente foi gravada numa interceptação telefônica autorizada e divulgada nesta quarta-feira pelo juiz Sérgio Moro, dentro das investigações da Lava Jato.
Segundo investigadores, o diálogo sugere que a presidente atuou para impedir a prisão de Lula, que é investigado na operação. Em diversos trechos da decisão de suspender a nomeação de Lula, Gilmar Mendes cita conversas interceptadas no telefone do ex-presidente.

Sobre a conversa entre Dilma e Lula, na qual a presidente diz ao ex-presidente para só usar o termo de posse "em caso de necessidade", o ministro afirma que "a conduta demonstra não apenas os elementos objetivos do desvio de finalidade, mas também a intenção de fraudar."

Com informações do G1

quinta-feira, 17 de março de 2016

PAULO CÂMARA REAFIRMA CANDIDATURA DO PSB EM GARANHUNS E GARANTE QUE É OPOSIÇÃO À IZAÍAS

O Governador de Pernambuco Paulo Camara (PSB), esteve na última Quarta feira (16) no Agreste Pernambucano e em Canhotinho, assinou duas ordens de serviços, beneficiando os municípios de Correntes e também o próprio Canhotinho. 
Após a Agenda de Governo, Câmara participou da Cerimonia de filiação do deputado Álvaro Porto ao PSD, antes Vice líder da oposição na ALEPE e agora base governista.

Ao programa “Falando com o Agreste”, veiculado pela Rádio Marano FM de Garanhuns, o Governador concedeu uma entrevista exclusiva, ao vivo, ao radiojornalista Marcelo Jorge sobre as conturbações políticas no país, alvo da “Lava jato”, falou sobre o Hospital regional Dom Moura e garantiu que o seu partido, vai estar dentro da disputa nas próximas eleições em Garanhuns.


Clique no player e ouça a entrevista na íntegra

segunda-feira, 14 de março de 2016

ABANDONO DE RAQUEL LYRA PELO PSB PODE LEVÁ-LA AO NINHO TUCANO

Outras informações do Blog do Magno Martins:
Rifada pelo PSB estadual, que passou o controle do partido em Caruaru para o vice-prefeito Jorge Gomes, candidato do prefeito José Queiroz (PDT), a deputada Raquel Lyra, filha do ex-governador João Lyra Neto, deve trocar o PSB pelo PSDB. O aval para entrada da parlamentar na legenda tucana já foi dado pelo presidente estadual Antônio Moraes. Mesmo assim, Lyra deve seguir para Brasília, amanhã, para acertar com a direção nacional do partido os detalhes da filiação da filha. Raquel foi comunicada, hoje, durante encontro no Palácio das Princesas, que não terá o aval do PSB para disputar a Prefeitura de Caruaru. 

DEPUTADA RAQUEL LYRA PODE NÃO SER A CANDIDATA DO PSB EM CARUARU

Nota no Blog do Magno Martins: "A direção estadual do PSB deve anunciar ainda hoje ou amanhã que resolveu o impasse do candidato a prefeito de Caruaru tirando o controle da comissão provisória municipal das mãos da deputada Raquel Lyra e entregando ao vice-prefeito do município, Jorge Gomes.
Com isso, está rifada a candidatura de Raquel Lyra a prefeita pela legenda socialista e o candidato apoiado pelo Palácio das Princesas em Caruaru será Jorge Gomes. No final desta batalha, o prefeito José Queiroz consegue dar mais uma rasteira no ex-governador João Lyra Neto, pai de Raquel, que terá que arranjar um novo partido para disputar a Prefeitura."
Em entrevista ao radiojornalista Marcelo Jorge durante o programa "Falando com o Agreste", veiculado pela Rádio Marano FM de Garanhuns, a Deputada Raquel Lyra reafirmou sua pré candidatura à prefeitura de Caruaru. Na oportunidade, ela fez questão de afirmar que Paulo Câmara estaria no seu palanque, Mas, fortalecendo a filosofia do histórico político Magalhães Pinto, "Política é como nuvem. Voce olha e ela está de um jeito. Olha de novo e ela já mudou..."

domingo, 13 de março de 2016

MANIFESTAÇÃO EM GARANHUNS PEDE DESCULPAS POR REGIÃO TER SIDO BERÇO DE LULA

Destaque no G1, matéria que mostra as manifestações Pró impeachment da Presidente Dilma e pela efetivação da prisão do Ex Presidente Lula, acusado pelo Ministério Público de São Paulo, entre outras irregularidades, na ocultação de patrimônio e envolvimento em corrupção investigada pela Operação  Lavajato da Polícia Federal. "Em Garanhuns, município a 27 quilômetros distante de Caetés, cidade natal do ex-presidente Lula, o protesto em nome dos moradores da região no Agreste de Pernambuco "pediu desculpas ao Brasil pelo filho corrupto", neste domingo (13). Segundo a Polícia Militar, 250 a 300 pessoas participaram da manifestação, que também pediu o impeachment da presidente Dilma Rousseff, a prisão de Lula e apoiou as ações do juiz Sérgio Moro. Os organizadores não informaram o número de pessoas presentes.
Ainda conforme a PM, a concentração da população aconteceu no Relógio de Flores, às 10h, e por volta das 11h30 saiu em caminhada até a prefeitura de Garanhuns. O protesto foi encerrado pouco depois das 13h.
Os manifestantes estavam a pé, em carros, motos e bicicletas. Vestidos de verde e amarelo, alguns com rostos pintados nas mesmas cores, crianças, adultos e idosos levaram às ruas de Garanhuns cartazes que continham dizeres como "Lula na cadeia", "Fora corruPTos", "Viva o juiz Sérgio Moro", "Acorda Brasil! Vem pra rua!", "Bem aventurada é a nação cujo Deus é o senhor", "Golpe é uma quadrilha travestida de partido político quebrar o Brasil", "Fora Dilma: Lula nunca mais", "A justiça engrandece a nação" e "Verás que um filho teu não foge à luta", entre outros.
Com informações do G1.

DELAÇÃO DA ANDRADE GUTIERREZ APROFUNDA CRISE NO GOVERNO DILMA

A situação do governo Dilma, não é nada confortável. E com o acordo de delação premiada da construtora Andrade Gutierrez revelado pela imprensa, que fez doações legais para campanhas do PT em 2014 como pagamento de comissões de contratos firmados com empresas estatais, a situação piora um pouco mais.
Segundo apuração da  "Folha", a segunda maior empreiteira do país contou ao Ministério Público que ganhava contratos na Petrobras e Eletronuclear e, em troca, pagava comissões ao PT na forma de doações legais.
Os recursos, segundo os depoimentos feitos por executivos da Andrade na delação, eram repassados para o tesoureiro do PT João Vacari, que nega ter recebido este tipo de recursos. Ele está preso pela Operação Lava Jato.
Como reportagem da Folha revelou, a Andrade Gutierrez já havia informado na delação que, no caso da campanha de 2010, bancou pagamentos de fornecedores da eleição da presidente Dilma Rousseff. Um exemplo foi a agência Pepper, que recebeu R$ 6,1 milhões.

quinta-feira, 10 de março de 2016

CIRURGIA ORTOGNÁTICA: VOCE CONHECE ALGUÉM QUE PRECISA DE UMA?


Os avanços na medicina atual, com utilização de alta tecnologia, vem trazendo uma série de benefícios para problemas de saúde diversos. 
Tidas como doenças "de nascença" e que por esse motivo até impossibilitavam a cura ou mesmo a reconstituição, alguns males vem - ainda hoje - sendo estigmatizados, o que leva o ser humano a conviver do ponto de vista estético e social com uma baixa auto estima, bullyng e ainda com limitações físicas.

A cirurgia ORTOGNÁTICA é um procedimento reconstrutivo realizada pelo cirurgião buco maxilo facial. Esse é um tratamento indicado para pessoas que têm alterações no crescimento dos ossos da face e mal posicionamento dos dentes e objetiva restabelecer o equilíbrio anatômico da face. Quando não for possível resolver o caso somente com o aparelho ortodôntico, uma vez que o problema está no tamanho dos ossos do esqueleto e não somente na posição dos dentes, faz-se necessário uma correção óssea. 

O intercâmbio entre o cirurgião buco maxilo facial e o ortodontista é fundamental para o sucesso do tratamento. É de vital importância os dentes estarem devidamente posicionados nas bases ósseas, para que a equipe de cirurgiões buco maxilo faciais possa reposicionar essas bases.
As indicações da Cirurgia Ortognática são pacientes que apresentam alguma alteração de crescimento dento-facial, ou seja, falta ou excesso de crescimento dos maxilares (maxila e/ou mandíbula) que podem levar a problemas na mastigação, ronco ou insatisfação com sua aparência de frente ou de perfil.
Para iniciar o tratamento você deverá procurar o auxílio de profissionais habilitados (ortodontista e/ou cirurgião buco maxilo facial) para estabelecer um plano de tratamento. Assim, quando seu cirurgião e seu ortodontista completarem a avaliação do seu caso, eles podem preparar um plano de tratamento. É possível fazer um esboço do seu novo perfil através de programas específicos de computador que realizam a cirurgia virtual antes da cirurgia real.


quarta-feira, 9 de março de 2016

PMDB E PSB SE ALIAM EM BREJÃO. APOIO BENEFICIA EX PREFEITO SANDOVAL CADENGUE

Vereador Beto Lima, Vice Governador Raul Henry e Sandoval
Cadengue, Gerente da Casa Civil do governo Paulo Câmara
O Ex prefeito de Brejão, Sandoval Candegue e atual gerente da casa civil de Pernambuco, tem se fortalecido para o pleito de 2016 com a adesão de várias lideranças. É que dessa vez repercute no município a adesão do vereador Beto Lima ao grupo do ex prefeito, o mesmo está no seu terceiro mandato de vereador e é presidente do diretório municipal do PMDB. A aliança PSB e PMDB em Brejão nada mais é, do que a reprodução da aliança vigente no estado entre as duas siglas.


QUEM É BETO LIMA?
Embora tenha apenas 34 anos, Beto sempre se destacou por ser um jovem muito ativo, tendo exercido funções como presidente de grêmio estudantil entre 2001 e 2002, logo em seguida ingressou na rádio Brejão fm, conquistando a simpatia da população Brejonense, atráves de um irreverente programa de forró. Já em 2013 com a popularidade que o rádio lhe rendeu, o então comunicador foi eleito o conselheiro tutelar mais votado naquele ano
Não demorou muito e em 2004 Beto Lima foi convidado a trabalhar na rádio Papacaça AM de Bom Conselho, ainda no mesmo ano foi eleito para o seu primeiro mandato de vereador no município de Brejão, tendo sido reeleito por duas vezes consecutivas. Lembrando que nos seus dois primeiros mandatos, Beto foi vereador de oposição e recentemente integrava a base de apoio ao atual prefeito, Ronaldo Ferreira do PTB.

Sempre bem relacionado na vida pública, Beto Lima já havia sido convidado em ocasiões anteriores a compor o grupo do ex prefeito Sandoval Cadengue, atualmente o seu nome é o mais contado a compor uma chapa como candidato a vice prefeito junto com Cadengue.
O vereador Beto Lima não descarta ser o candidato a vice, mas de forma cautelosa também não confirma, segundo ele, isso depende de alguns fatores que surgiram ao longo do tempo.

Além de exercer o terceiro mandato de vereador em Brejão, atualmente Beto é agente de trânsito na SMTT concursado na prefeitura de Maceió e está cursando administração.