terça-feira, 22 de setembro de 2015

PRESIDENTE DA CAMARA DE PALMEIRINA INSINUA QUE PREFEITO AFASTADO DESVIOU VERBA PÚBLICA E ABRE CPI

E a política no agreste meridional já começa a dar sinais de que tem eleição chegando. Apesar da crise que afeta diretamente os municípios e dos escândalos de corrupção por todo o país, as Câmaras Municipais dão mostras de que querem dar respostas à população. 

Prefeito de Palmeirina, Renato Sarmento (PMDB)
A casa legislativa de Palmeirina, por exemplo, realizou nesta segunda feira (21) uma sessão na qual foi decidida por uma maioria composta pelos vereadores, a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que vai investigar a gestão do prefeito Renato Sarmento (PMDB), que foi recentemente afastado pelo prazo de 180 dias por ordem judicial.  

A alegação para o afastamento são os constantes atrasos de salários dos servidores, contratados, aposentados e pensionistas.  
Mas existem, de acordo com o Ministério Público (MP), indícios de irregularidades em alguns convênios estaduais e federais. 

O Presidente da Câmara de Palmeirina, Vereador Galego de Toinho (PP) concedeu entrevista ao programa FALANDO COM O AGRESTE  e você pode ouvir na íntegra essa matéria, clicando no player abaixo.