.

.

segunda-feira, 29 de junho de 2015

PREFEITO PEDE QUE POPULAÇÃO ACREDITE NO SHOPPING E INVISTA EM GARANHUNS

Em entrevista ao Programa de Rádio "Falando com o Agreste", após anunciar a data do lançamento da pedra fundamental e início das obras do Garanhuns Garden Shopping, mais um mall sob a responsabilidade da Tenco Shopping Centers em parceria com investidores locais da empresa 3JC, o Prefeito de Garanhuns Izaías Régis (PTB), pediu que a população tenha mais crença na sua cidade no seu potencial.

Ouça a íntegra da entrevista, clicando no player abaixo:


sexta-feira, 26 de junho de 2015

CONFIRMADA A DATA DO LANÇAMENTO DA PEDRA FUNDAMENTAL E INICIO DAS OBRAS DO GARANHUNS GARDEN SHOPPING

Após quase cinco anos de espera, desde o inicio das informações dobre a implantação do primeiro centro de compras do Agreste Meridional, o Garanhuns Garden Shopping, a data do lançamento da sua pedra fundamental e inicio das tão aguardadas obras foi definido pelo Grupo Penco Shopping Centers, de Belo Horizonte e os sócios locais do empreendimento, a empresa 3JC. 

Inicialmente prevista para este mês de Junho, como anunciada nesse blog e no Programa de rádio homônimo, uma reunião com o Prefeito de Garanhuns Izaías Régis (PTB), definiu uma data emblemática, que pudesse agregar um público maior e hipervalorizar o mais importante evento artístico cultural do Nordeste nessa estação, o Festival de Inverno de Garanhuns.

Assim, ficou definido pelo Diretor Presidente da TENCO, Eduardo Gribel, pelos empresários locais e pelo prefeito Izaías Régis, o dia 16 de Julho, como a data para o evento.

Convites estarão sendo enviados para uma média de 100 convidados.
O Governo Municipal de Garanhuns promete colaborar com a infra estrutura do evento, em virtude da importância sócio econômica do empreendimento.


O Shopping
Com área construída de 35.236 m² dentro da principal confluência rodoviária, sem nenhuma restrição de acessibilidade, estacionamento para mais de 900 veículos.
Com aproximadamente 190 operações comerciais, será um grande complexo com vistas a atender todas as necessidades de um consumidor comum e exigente.
Situado na Rodovia BR-423 km 94, o terreno, que possui 55.100 m2 de área total, catalisando o fluxo da população que deslocam-se das cidades vizinhas. Além disso, está situado na zona de crescimento de Garanhuns, no entorno do ponto tem escolas, universidades, hospitais e clubes sociais. O Garanhuns Garden Shopping é o maior empreendimento imobiliário atualmente em construção no interior de Pernambuco, voltado às classes A e B.

JUSTIÇA NEGA HABEAS CORPUS QUE PEDIA QUE LULA NÃO FOSSE PRESO

A Justiça Federal negou nesta quinta-feira (25) o habeas corpus preventivo que pedia que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não fosse preso na Operação Lava Jato. O pedido havia sido ajuizado pelo consultor Maurício Ramos Thomaz, de Campinas (SP), com o objetivo de proteger o ex-presidente. Conforme o autor, Lula estaria na iminência de ser preso preventivamente, o que seria, conforme a petição, “coação ilegal”.
O habeas corpus – uma ação judicial que assegura a liberdade do favorecido e impede a prisão – foi indeferido pelo desembargador federal João Pedro Gebran Neto, do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), responsável por julgar processos da Operação Lava Jato.
Segundo o magistrado, “não existe qualquer fundamento legal para a pretensão”. Além disso, “autor popular não traz qualquer informação concreta sobre aquilo que imagina ser uma ameaça ao direito de ir e vir do paciente [Lula]“.
O desembargador também negou seguimento ao habeas corpus. Gebran disse que o autor usou em sua petição notícias de jornais, revistas e portais de informação, que “não servem como fundamento”. Gebran ainda decretou segredo de Justiça por 48 horas, devido ao excesso de consultas ao Portal do TRF4 relativas a esse habeas, o que está prejudicando o sistema processual eletrônico do tribunal.
O magistrado finalizou a decisão declarando que a petição será enviada ao Ministério Público Federal “para adoção de providências cabíveis”, porque o autor usou linguagem “imprópria, vulgar e chula, inclusive ofendendo a honra de várias pessoas nominadas na inicial”.
Segundo o TRF-4, no pedido, Thomaz se referiu ao juiz Sérgio Moro, que é responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância, com expressões como “hitleriano”, definindo o magistrado como “moralmente deficiente”. Disse ainda que Moro teria “fraudado a sentença de Nestor Cerveró [ex-diretor da Petrobras]“.
O habeas corpus se tornou de conhecimento público nesta quinta, depois que o senador Ronaldo Caiado (DEM-GO), que faz oposição ao PT e ao governo da presidente Dilma Rousseff, divulgou a informação em sua conta no Twitter.
A defesa de Lula encaminhou ao TRF4 um pedido para que o pedido de habeas corpus não fosse apreciado. “O ex-presidente Lula não autoriza qualquer forma de representação judicial ou extrajudicial em seu nome, que não seja através de seus advogados legalmente constituídos para representá-lo e defender seus interesses”, ressaltou a defesa.
O autor do pedido de habeas corpus, Mauricio Ramos Thomaz, de 50 anos que não é advogado, mas tem fixação por processos jurídicos. Segundo ele, um amigo perguntou se Lula tinha chances de ser preso e ele decidiu tomar providências para tentar evitar que isso aconteça.
“Fico acompanhando processos que acho ‘aberrantes’. Não tem prova nenhuma contra ele [Lula]. Fiz esse habeas corpus pedindo que não seja preso, simples. Não tenho restrição ética, não tenho OAB”, afirma.
Ele disse que é “de esquerda”, é paranaense e já se envolveu em outros casos no estado e também em SP e MG. Morador de Campinas desde 1997, Thomaz não tem curso de graduação. Também não tem esposa ou filhos. Se diz consultor jurídico, apesar da falta de diploma, porque amigos o procuram para debater sobre processos.
O que disse o instituto do ex-presidente
O Instituto Lula, do ex-presidente, negou que o HC – uma ação judicial que assegura a liberdade do favorecido e impede a prisão – tenha sido impetrado por ele ou por qualquer advogado ou entidade que o represente (veja ao final desta reportagem nota publicada pelo instituto). Qualquer cidadão tem o direito de acionar a Justiça para obter um habeas corpus em favor de qualquer pessoa.
De acordo com o Instituto Lula, a pessoa que tomou a atitude pode até estar tentando prejudicar o ex-presidente.
O Instituto Lula disse ainda estranhar o fato de o senador Caiado ter divulgado a imagem da página de acompanhamento processual do site do TRF-4 com os dados sobre o habeas corpus de Lula. O próprio instituto afirma que não tinha conhecimento do HC até ver a reprodução no Twitter do senador.
Veja íntegra da nota publicada pelo Instituto Lula:
NOTA À IMPRENSA
Ex-presidente não entrou com pedido de habeas-corpus em Curitiba
São Paulo, 25 de junho de 2015,
Esclarecemos que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, não entrou com o pedido de habeas-corpus impetrado em Curitiba, no dia 24/6/2015. Lembramos que esse tipo de ação pode ser feito por qualquer cidadão. Fomos informados pela imprensa da existência do Habeas Corpus e não sabemos no momento se esse ato foi feito por algum provocador para gerar um factoide.
O ex-presidente já instruiu seus advogados para que ingressem nos autos e requeiram expressamente o não conhecimento do Habeas Corpus.
Estranhamos que a notícia tenha partido do Twitter e Facebook do senador Ronaldo Caiado.
Assessoria de Imprensa do Instituto Lula
Do G1

quinta-feira, 25 de junho de 2015

HABEAS CORPUS PREVENTIVO PEDE QUE LULA NÃO SEJA PRESO NA LAVA JATO

Um habeas corpus preventivo impetrado na Justiça Federal no Paraná, nesta quarta-feira, pede que o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, do PT, não seja preso. O pedido foi para evitar que o petista seja detido por conta das investigações da Operação Lava-Jato, da Polícia Federal, que deflagrou um esquema de corrupção dentro da Petrobras. O pedido é para evitar que o juiz federal Sergio Moro tome uma decisão de prender o ex-presidente.

O Instituto Lula nega que o ex-presidente tenha entrado com esse pedido. Segundo a entidade, qualquer cidadão pode entrar com este tipo de ação. De fato, o pedido para a “não prisão de Lula”, num movimento antecipado, aconteceu nesta quarta-feira, às 16h20. O assunto foi confirmado pela assessoria de imprensa do Tribunal Regional Federal da 4º Região, TRF-4. A assessoria de Lula trabalha com duas hipóteses: a primeira de “alguém preocupado” com o ex-presidente ou “uma provocação”.

“O Instituto Lula estranha que sua divulgação parta do senador Ronaldo Caiado (DEM-GO)”, afirmou o instituto em nota enviada ao jornal Folha de S. Paulo. O senador de Goiás Ronaldo Caiado (DEM), um dos principais nomes da oposição, divulgou em seu Twitter nesta quinta que Lula teria entrado com o pedido por receio de ser preso. “O ex-presidente não é investigado na operação Lava-jato”, conclui o instituto.

Um dos presos recentemente pela Operação Lava-Jato é Alexandrino Alencar, diretor da Odebrecht, que acompanha o ex-presidente em viagens internacionais patrocinadas pela construtora. Em 2011, por exemplo, numa viagem à Guiné Equatorial, Lula, como representante do governo da presidente Dilma Rousseff, também do PT, colocou Alencar como um dos integrantes de sua delegação oficial. Outras viagens aconteceram. Lula e as construtoras negam, no entanto, relações políticas.

Com Informaçoes do DP

terça-feira, 23 de junho de 2015

PREPARE-SE: 16 DE JULHO PROMETE SER UM GRANDE DIA PARA GARANHUNS!



O dia 16 de Julho, que trará o início da vigésima quinta edição do Festival de Inverno de Garanhuns, promete ser também uma data emblemática na história do desenvolvimento de Garanhuns...


Aguardemos pois!

PASTOR CONDENA EXCESSOS NA MANIFESTAÇÃO GAY E DIZ QUE CRISTÃOS VEM SENDO AFRONTADOS

Em visita à Garanhuns durante essa semana, o Secretário nacional de Trabalho e Infância da IPB - Igreja Presbitertiana do Brasil -, Pastor José Roberto, concedeu entrevista ao programa Falando com o Agreste, veiculado de segunda à sexta das 12 as 13 horas pela Rádio Marano FM e na oportunidade falou sobre os PME, Projetos Municipais de Educação que durante as últimas semanas vem sendo votados nas Câmaras Municipais por todo o país e que trazem importantes alterações na pedagogia e procedimentos a serem inseridos na educação pública.

Um dos aspectos mais polêmicos e que vem trazendo discussões acaloradas é a questão da Diversidade e da Lei de Gênero que trata da sexualidade, assunto que divide opiniões entre o Governo, alunos, professores e pais. O pastor presbiteriano diz como a igreja enxerga essas discussões e fala ainda sobre redução de maioridade penal.

Ouça na íntegra a entrevista abaixo.  


quinta-feira, 18 de junho de 2015

FESTIVAL DE INVERNO NÃO CORRE RISCO DE TER PERÍODO REDUZIDO, DIZ SECRETÁRIO DE ESTADO

Com a proximidade do Festival de Inverno de Garanhuns, em sua 25ª Edição, que acontecerá no próximo (e bem próximo) mês de Julho, todas as atenções e assuntos da nossa região se voltam para o mais completo evento artístico cultural da América Latina. 
E com exclusividade, sobre o assunto ouvimos no programa "Falando com o Agreste", que é exibido de Segunda à Sexta feira do meio dia às 13 horas, o Secretário de Cultura do Estado de Pernambuco, Marcelino Granja, que detalhou como anda a politica cultural no Estado e pontuou detalhes do festival.

Vale a pena ouvir, clicando no Link abaixo:



sexta-feira, 12 de junho de 2015

SEIS ASSESSORES DO PREFEITO DE ARARIPINA, INCLUSIVE SEU IRMÃO, FORAM AFASTADOS PELA JUSTIÇA

A Justiça Federal em Pernambuco determinou, nesta quinta-feira (11), o afastamento de seis funcionários suspeitos de participar de um esquema de desvio de recursos, da prefeitura de Araripina.
Os desvios estão estimados em R$ 8 milhões, que foram transferidos pelo MEC para a construção de creches e escolas entre os anos de 2011 e 2013.
Entre os afastados estão dois parentes do atual prefeito Alexandre Arraes (PSB), o seu irmão Ricardo Arraes, assessor do gabinete, e a cunhada Cybelle Arraes, secretária de educação.
Os outros são Rosa Suleyman e Sandra Mara Bihum, assessoras jurídicas da Prefeitura, a ex-secretária de finanças Ana Maria e o funcionário administrativo César Gondim.
Araripina teve um prefeito afastado em 2011, Lula Sampaio, também acusado de improbidade administrativa. O prefeito atual, que assumiu como vice e foi reeleito em 2012 não chegou a ter seu nome citado pelos órgãos de investigação e nem foi ouvido.
Ao conceder entrevista, o chefe da Controladoria-Geral da União (CGU), Victor de Souza Leão, afirmou que o afastamento dos funcionários tem o objetivo de evitar interferência na investigação que está a cargo da Polícia Federal e da CGU.
Batizada de Operação Paradise a investigação de desvios de recursos públicos em Araripina teve início no dia 7 de maio quando a PF e CGU, de forma conjunta, ouviram 14 funcionários da Prefeitura e recolheram, no prédio sede, computadores e materiais de arquivo. Após os depoimentos os funcionários foram liberados e as investigações devem continuar.

quarta-feira, 10 de junho de 2015

RELATOR DA PEC QUE TRATA DA REDUÇÃO DE MAIORIDADE PENAL, EM ENTREVISTA EXCLUSIVA

No final, de de março, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou por 42 votos a 17, a emenda Constitucional de Proposta (PEC) 171, de 1993, que defende a redução de maioridade penal de 18 para 16 anos. Com a decisão, foi criada uma comissão especial que debateu o assunto por cerca de 40 sessões antes que o tema fosse levado ao plenário. 
O nosso entrevistado no programa "Falando com o Agreste" veiculado na quarta feira, 10 de Junho (data na qual a PEC foi apresentada), é o Deputado federal que pertence ao PR do DF, Laerte Bessa.
Clique no player abaixo e ouça a entrevista na íntegra:

QUE AS MÃOS DE DEUS CONDUZAM A CIRURGIA DO JORNALISTA ROBERTO ALMEIDA

Os designios de Deus são corretos...


Sua medida é justa...


No nosso entender resumido e de inteligência raquítica, podemos até não compreender suas sábias decisões, mas elas são tomadas pelo Criador e portanto, devem ser aceitas.


Que esse mesmo Deus que o criou, possa restabelecer através da cirurgia a ser procedida nessa quarta feira (10), a saúde do Jornalista Roberto Almeida.

Amém...

terça-feira, 9 de junho de 2015

PROFESSORES ESTADUAIS ACEITAM PROPOSTA E ENCERRAM GREVE

Os professores da rede de ensino estadual aceitaram a proposta do Governo de Pernambuco e decidiram encerrar a greve da categoria deflagrada no último dia 29 de maio. A proposta do Estado engloba um reajuste salarial de 7,1%, além de ampliar o valor do tíquete-refeição de R$ 7,00 para R$ 11,20, para os docentes com 200 horas-aula. O aumento será divido em três etapas, sendo que a primeira parcela será válida já neste mês. Nas demais etapas, o reajuste será da ordem de 2% ao mês.
A categoria, que já havia promovido uma paralisação no dia 10 de abril e que foi encerrada em 4 de maio, pleiteava um reajuste linear de 13,01% para todos os quase 50 mil trabalhadores da área. Durante as rodadas de negociações, o Governo ofereceu um reajuste escalonado, válido para os meses de julho, outubro e dezembro.
Nesta segunda-feira, porém, os docentes aceitaram a proposta de antecipação das parcelas para agosto e outubro, o que acabou por levar ao fim da paralisação.

(Informações do Portal 247 PE)

domingo, 7 de junho de 2015

ADVOCACIA PÚBLICA FAZ PARALISAÇÃO NACIONAL

A Advocacia Pública Federal realiza paralisação nacional na próxima terça-feira (09) e na quarta-feira (10). A Câmara Federal vai ser palco de manifestações da categoria nos dois dias, a partir das 14h, pois um dos objetivos do grupo é acelerar a votação da PEC 443/2009 que prevê parâmetros para a remuneração dos advogados públicos e uma simetria de remunerações entre as funções essenciais da justiça. 

Para o deputado federal Tadeu Alencar (PSB/PE), O Estado brasileiro tem um débito com a Advocacia Pública, em especial com a Advocacia Geral da União que, reunindo os Procuradores da Fazenda Nacional, os Advogados da União e os Procuradores Federais, têm defendido com combatividade os interesses do País. “Exercendo controle de legalidade, recuperando créditos públicos e defendendo a União de tantos ataques, a advocacia de Estado revela a sua inclinação natural para a defesa do interesse público. Do ponto de vista da logística de funcionamento, a AGU vem padecendo de muitas insuficiências, além de reclamar um justo reconhecimento aos que laboram na defesa dos relevantes interesses do País.

Ainda segundo Tadeu Alencar, a PEC 443/2009, que tem efeitos financeiros apenas em 2017, faz justiça aos advogados públicos, incluídos os procuradores de estado e aos delegados de todo o País. “Eles querem afirmar a sua justa luta por um Brasil de paz e por uma polícia judiciária cidadã.

Na última segunda-feira (1º), o deputado esteve reunido com representantes do Sindicato Nacional dos Procuradores da Fazenda Nacional (SINPROFAZ) em Brasília. Durante o encontro, o presidente do Sindicato, Heráclito Camargo, solicitou a votação da PEC 443/2009. Na ocasião, Tadeu - que solicitou a inclusão dessa proposta na Ordem do Dia em 14 de abril - afirmou que pela legitimidade da pauta a categoria pode continuar contando com o seu apoio. Também participaram da reunião, o vice- líder do PP Fernando Monteiro e o deputado federal Cacá Leão (PP/BA).

Se aprovada a PEC 443/2009, o subsídio do grau ou nível máximo das carreiras da Advocacia-Geral da União, das Procuradorias dos Estados e do Distrito Federal vai corresponder a 90,25% do subsídio mensal, fixado para os Ministros do Supremo Tribunal Federal. Além disso, os subsídios dos demais integrantes das categorias da estrutura da advocacia pública serão fixados em lei e escalonados, e a diferença entre um e outro não poderá ser superior a 10% ou inferior a 5%, nem exceder a 90,25% do subsídio mensal fixado para os Ministros do Supremo Tribunal Federal.

A categoria também briga pela aprovação da PEC 82/2007. A proposta atribui autonomia funcional e prerrogativas aos membros da Defensoria Pública, Advocacia da União, Procuradoria da Fazenda Nacional, Procuradoria-Geral Federal, Procuradoria das autarquias e às Procuradorias dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios.

Assessoria de Comunicação
Gab. Dep. Tadeu Alencar

quinta-feira, 4 de junho de 2015

DIRETÓRIO LOCAL DO PSB BUSCA APOIO PARA DEMANDAS DE GARANHUNS


Em agenda recente na Casa Civil do Governo de Pernambuco, conduzidos pelo gerente da casa e Ex prefeito de Brejão Sandoval Cadengue,  integrantes do Diretório local do PSB em Garanhuns estiveram com o Chefe daquela pasta, Dr. Antonio Figueira. 

Na oportunidade, foram discutidos assuntos de interesse de Garanhuns e da região, entre elas a crise hídrica no Agreste Meridional e o papel dos membros do PSB na atual conjuntura. 

Após a visita, o atual Presidente do Diretório do PSB de Garanhuns, Dr. Nivaldo Azevedo, concedeu uma entrevista ao programa "Falando com o Agreste", pela Rádio Marano FM.

A entrevista , o internauta ouve na íntegra, clicando no Player abaixo:





terça-feira, 2 de junho de 2015

APÓS SER ATACADO, ETTORE LABANCA CHAMA PREFEITO DE GARANHUNS DE "ZAZÁ TRAMBIQUEIRO"

Com a proximidade de novas Eleições municipais, os ânimos normalmente ficam mais acirrados, porém isso acontece dentro dos mesmos limites territoriais de um municipio, quando lideranças começam a baixar o nível dos debates.
Mas o inusitado acontece. E aconteceu nessa terça feira (02)!

Após assistir à críticas desferidas pelo prefeito de São Lourenço da Mata, Ettore Labanca (PSB) ao Ministro do Desenvolvimento, Armando Monteiro Neto, o prefeito de Garanhuns, Izaías Régis (PTB), abriu o verbo contra Labanca, no Blog do Jornalista Magno Martins.

O resultado não demorou: Ettore Labanca, conhecido por seu temperamento explosivo, de imediato e usando o mesmo canal - O blog do Magno - desferiu uma série de golpes em Régis. 

Abaixo, a nota do Blog do magno Martins:

Em resposta ao prefeito de Garanhuns, Izaías Régis (PTB), que defendeu o ministro Armando Monteiro (Desenvolvimento) dos ataques sofridos pelo prefeito de São Lourenço da Mata, Ettore Labanca (PSB), o próprio Labanca enviou, há pouco, ao blog, uma nota com a sua réplica.

“Caro magno,
Conheci Izaías Régis como deputado conhecido como Zazá Trambiqueiro. Montou uma clínica em Garanhuns mal-assombrada que ninguém sabe quem é o dono, se é ele, o Sesi ou o Senai. Vai perder a reeleição em Garanhuns porque faz uma administração desastrosa e transformou o município num verdadeiro caos".