sexta-feira, 4 de abril de 2014

IZAÍAS RÉGIS DESEJARIA PLANTAR UMA ROSA NA ASSEMBLÉIA?

Alguns nomes já vem sendo comentados nos  meios políticos de Garanhuns e região, com a possibilidade de serem pré candidados à vagas na Assembléia Legislativa e na Câmara Federal. Quadros do PSB como o ex prefeito de Palmeirina, Eudson Catão; Paulo Lins, gerente regional de educação; Nivaldo Azevedo, da Clínica de Bovinos;  Ivo Júnior, advogado garanhuense, filho do ex prefeito e ex deputado Ivo Amaral; o Coronel PM Marcos Campos, atual Comandante do 4º BPM em Caruaru,  além de opções da nova Frente Popular, a exemplo do Vereador do PPS e líder da legenda em Garanhuns, Sivaldo Albino, do Presidente da Casa Raimundo de Moraes, Vereador Audálio Ramos Filho, do engenheiro Paulo Camelo do PSOL, também são cogitados como bons nomes para uma vaga na Assembléia do Estado ou mesmo na Câmara Federal. Além deles, agora surge uma outra via, dessa vez que pode ser a solução para o prefeito Izaías Régis (PTB): a vice prefeita  Rosa Quidute (PT), muito elogiada pelo petebista durante o último evento de governo municipal no qual foram apresentadas obras para Garanhuns e que foi convidada pelo seu partido, o PT para concorrer a uma vaga na Assembléia Legislativa do Estado – ALEPE. Com o apoio do Deputado Federal petista Pedro Eugênio e das lideranças do Partiudo dos Trabalhadores em nível de Estado, Rosa estaria bem respaldada por suas atuações políticas que começaram há mais de uma década, quando assessorou seu marido, o ex prefeito de Garanhuns, Bartolomeu Quidute e logo depois esteve à frente de secretarias em outros governos. Com a ausência recente do prefeito Izaías em viagem ao exterior, Rosa Quidute assumiu a prefeitura durante um pequeno período, sob olhares preocupados de alguns integrantes do governo municipal, que talvez temessem atitudes radicais da Vice, fato que não ocorreu, colocando-a mais uma vez como uma auxiliar de confiança do petebista. De acordo com os petistas locais, talvez essa seja a hora certa do gestor garanhuense devolver essa confiança em forma de apoio à Rosa, uma solução caseira e confiável, já que o PT, tanto nos níveis federal e estadual declarou apoio ao senador Armando Monteiro, aliado histórico de Régis, em sua corrida para o Palácio do Campo das Princesas. Tudo de coerente nessa história. Falta somente a manifestação do Prefeito para que a foto da sua campanha municipal não seja rasgada ao meio.

JOÃO LYRA NETO, GOVERNADOR DE PERNAMBUCO

Está tudo pronto para a cerimônia de posse de João Lyra Neto como governador de Pernambuco, que acontece na tarde desta sexta-feira (4), na Assembleia Legislativa, localizada na Rua da Aurora, no Recife. A expectativa é de que o evento dure 1h30, sendo 30 minutos de discurso.
 
Empossado, João Lyra Neto passa revista à tropa em frente ao prédio e segue em carro fechado para o palácio do Campo das Princesas. A transmissão de cargo com a presença de Eduardo Campos será num palco montado nas imediações da Praça da República.
 
O socialista tem 67 anos, é casado e pai de três filhas, sendo que uma, Raquel, é deputada estadual. Ele foi eleito deputado estadual uma vez, foi prefeito de Caruaru em duas oportunidades e duas vezes vice de Eduardo Campos.
Como gestor público, João Lyra Neto foi responsável pela transferência da feira de Caruaru para o parque 18 de Maio. Na gestão Eduardo Campos, coordenou a Secretaria de Saúde por 22 meses, sendo responsável pelas UPAs e os novos hospitais.
A imprensa nacional deve acompanhar o evento, principalmente para o discurso de Eduardo Campos, virtual candidato a presidente.