terça-feira, 7 de janeiro de 2014

DEPUTADO MENSALEIRO PERNAMBUCANO VAI CUMPRIR PRISÃO EM CANHOTINHO

pedro-correa-jcO deputado federal Pedro Corrêa Neto, cassado pelo Congresso Nacional, foi condenado a 7 anos e 2 meses de prisão, como pena do julgamento do mensalão. Há cerca de um mês, o pernambucano se apresentou na Polícia Federal de Brasília e há 10 dias foi transferido para Pernambuco.
Pedro Corrêa Neto permanece no Centro de Triagem e Observação Criminológica, o Cotel, em Abreu e Lima. O juiz da Primeira Vara das Execuções Penais, Luiz Rocha, se pronunciou na tarde desta terça-feira (7) determinando que Pedro Corrêa seja transferido para o Centro de Ressocialização do Agreste, que fica no município de Canhotinho, no Agreste de Pernambuco.
Os familiares já defendiam a transferência para esta unidade prisional.