sexta-feira, 13 de setembro de 2013

EMPRESÁRIO QUE GANHOU LICITAÇÕES EM GARANHUNS FOI PRESO PELA POLÍCIA FEDERAL




Do Blog do vereador Sivaldo Albino

O empresário pernambucano, Luiz Otávio  Vieira Gomes da Silva, proprietário da agência de propaganda ALIANÇA COMUNICAÇÃO E CULTURA, que recentemente ganhou uma licitação para prestar serviços de comunicação para Prefeitura de Garanhuns, além de ter sido responsável pela captação de patrocínios para o São João de Caruaru e de Campina Grande, foi preso na segunda-feira (09), durante a o Operação Esopo da Polícia Federal. No apartamento do referido empresário, foi encontrada a quantia de 99 mil reais em espécie. O publicitário teve a prisão relaxada na tarde da quinta feira (12) deferido pela juíza da 4ª Vara federal de Minas Gerais. Luiz Otávio – Tavinho, como é conhecido – após a prisão foi enviado para Centro de Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima onde ficou até a sua liberação.  A investigação está em fase de inquérito e corre em segredo de Justiça. Por isso, a PF não tem fornecido detalhes do caso. Porém, de acordo com o advogado Ademar Regueira, o empresário é  acusado de ter participado de uma esquema de fraude e superfaturamento envolvendo o Instituto Mundial de Desenvolvimento e Cidadania (IMDC), que está no foco das investigações da Polícia Federal.  

O empresário Luiz Otávio Vieira Gomes da Silva é sócio da agência de publicidade ALIANÇA COMUNICAÇÃO, que atende clientes como o SESI e é um dos responsáveis pela criação do Festival Internacional de Teatro de Objetos (FITO). Ele repassou os direitos autorais do festival, realizado em diferentes Estados do país, para o IMDC que, na condição de Organização Civil de Interesse Público (OSCIP) conseguiu, sem processo licitatório, financiamento do Sesi de Minas Gerais para promoção das edições 2009 e 2010 do evento em Uberlândia e Belo Horizonte.  O IMDC, por sua vez, contratou a ALIANÇA COMUNICAÇÃO como executora do projeto. A acusação da PF, segundo o advogado, é de que o empresário teria repassado os direitos autorais do evento para o instituto com a finalidade de burlar a licitação com o SESI, cujo contrato, segundo a PF, foi superfaturado. 

Em Garanhuns, a agência foi responsável pela campanha Eleitoral vitoriosa do atual prefeito Izaías Régis Neto (PTB) e recentemente participou de uma licitação, junto ao Governo Municipal. Um fato curioso, foi que ainda no mês de Dezembro de 2012, o blog do jornalista Roberto Almeida, de Garanhuns, anunciava a provável vitória da empresa na licitação, antevendo o que estaria no envelope lacrado da mesma, aberto somente sete meses depois.  O valor da licitação foi de mais de R$ 1.715.000,00 (um milhão e setecentos e quinze mil reais) para um período de apenas 06 meses. A outra licitação que teve a ALIANÇA como participante e vencedora foi realizada recentemente na Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns, AESGA.