.

.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

EXCLUSIVO: EMPREENDEDOR DO GARANHUNS GARDEN SHOPPING FALA SOBRE INFLUÊNCIA DA DUPLICAÇÃO DA 423

Empresário Janio Almeida em recente encontro com Governador  Eduardo Campos
A audiência pública realizada na semana passada na sede da CODEAM em Garanhuns e no mesmo dia no município de Lajedo, trouxe à sociedade autoridades, alguns aspectos técnicos, bem como o acolhimento de muitas sugestões para a condução das obras de duplicação da BR 423, trecho São Caetano/Garanhuns.  Ouvido por nossa reportagem, o empresário Jânio Almeida, um dos sócios da empresa garanhuense  3JC parceira do Grupo mineiro Tenco, ambas empreendedoras do futuro Garanhuns Garden Shopping, falou acerca dos benefícios que a duplicação trará para esse que promete ser o maior centro de compras do Agreste Meridional.

De acordo com o empresário, ele e os demais sócios da 3JC, Jaime Almeida, Jailmilson Almeida e Claudemir Brasil foram atendidos pelo Diretor de Engenharia e Planejamento do DER, Sr. Francisco de Assis, que os encaminhou a empresa recifense JBR, responsável pelo projeto no trecho Garanhuns/Lajedo. Essa empresa  já havia encaminhado um ante projeto para realização de licitação de duplicação do citado trecho, documento que ainda ignorava a influência do shopping no futuro tráfego. Na oportunidade, os empresários garanhuenses entregaram a JBR um estudo feito por uma empresa gaúcha que relata os impactos positivos os quais a construção de um shopping trará para o município, sua influência no fluxo de tráfego e engarrafamento naquele setor, que de acordo com levantamentos contará com o acesso de mais de 500 veículos por hora, nos momentos de pico do centro comercial. 
Almeida detalhou ainda que o grupo 3JC também disponibilizou para a JBR um espaço no terreno do futuro Shopping para um “bota fora” do material - entulhos e solo - a ser retirado durante o processo de desapropriação de imóveis da área urbana do entorno, nas obras da duplicação e até facilitou os contatos desta com a direção da Subestação da Chesf em Angelim, para a solicitação de remoção de algumas linhas de transmissão de alta tensão que passam sobre aquela área.
Em comunicado recente enviado ao Governador Eduardo Campos, foi solicitada nova audiência para que seja gerado um protocolo da Tenco e 3JC junto ao Governo do Estado. No documento, os empresários solicitam a inclusão dos acessos do shopping nas obras da duplicação, além da capacitação profissional dos trabalhadores, já que o Garanhuns Garden Shopping prevê a criação de 2.000 empregos na construção, além de  cerca de 3.500 no funcionamento do shopping e outros 2.000 empregos indiretos.
Nesse mês de março, a empresa JBR, por sua vez, após solicitação oficial, ficará encarregada da alteração do projeto inicial previsto para aquele trecho, com a incumbência de adequar a instalação e integração dos acessos ao shopping às obras de duplicação, ambas vitais para o desenvolvimento econômico e social de Garanhuns.