sexta-feira, 11 de outubro de 2013

A RÁDIO MARANO FALARÁ MAIS FORTE COM O AGRESTE A PARTIR DO DIA 21

O programa Falando com o Agreste estreia no próximo dia 21 de outubro, sendo veiculado de segunda a sexta-feira, do meio dia a uma da tarde, através da Rádio Marano FM. 
Apostando no regionalismo, o Programa terá produção e apresentação do radialista e publicitário Marcelo Jorge, que volta as suas origens, desta feita através de um programa jornalístico. “Contaremos com correspondentes nas principais cidades do Agreste. Serão radialistas, blogueiros e profissionais de comunicação que atuam nas cidades da microrregião. A nossa intenção é formar uma grande rede para mostrarmos as potencialidades e as dificuldades vivenciadas no Agreste”, pontua Marcelo Jorge. 
Com os trabalhos técnicos de Aninha Marques, o ‘Falando com o Agreste’ abordará assuntos relativos a política, a cultura, a economia e os principais acontecimentos do Agreste Meridional. “Será uma importante ferramenta de cidadania no seu horário do almoço”, aposta Marcelo Jorge.
 O Programa também abrirá espaço para entrevistas no estúdio e contará com a colaboração de diversos profissionais, a exemplo do jornalista Fernando Rodolfo, que trará a repercussão do que acontece em Garanhuns, Região e no Estado direto de São Paulo, onde atua no SBT Brasil.
“Ainda contaremos com profissionais a exemplo dos radialistas Luciano André, Marco André, Geraldo Mouret, Priscila Krause e Marcos Antônio, dentre outros. Também teremos a parceria do jornalista Carlos Eugênio, que abordará as questões políticas no ‘Falando com o Agreste’, sem esquecermos da participação popular, que será incentivada, com o Programa indo as comunidades e locais onde o povo está. Queremos ouvir a voz das ruas”, finaliza Marcelo Jorge.

Um comentário:

  1. Caro Marcelo,
    Aproveitando este espaço, gostaria desde já de sugerir ao seu programa, que se possível os senhores pudessem abordar esses temas, cobrando maciçamente dos órgãos responsáveis:
    I. A implantação em Garanhuns de novas empresas de ônibus;

    II. A elaboração de um novo e moderno plano diretor municipal, que principalmente possa acabar com a lei ABSURDA , que proibe a construção de edifícios com mais de 3 andares, atrasando ainda mais o crescimento imobiliário no municipio, onde tem levados vários engenheiros e construtoras a desistir de investir em nossa cidade.

    III. Informações concretas sobre a parceria da Prefeitura de Garanhuns com a UFPE, para instalação de um campus aqui na cidade, que desde março não se comenta mais nada sobre essa possibilidade, e vários estudantes ainda aguardam notícias por parte do Reitor da Universidade.
    Grato pela atenção.
    E . Brandão.

    ResponderExcluir