domingo, 24 de julho de 2011

ACABOU O FESTIVAL. FICARAM AS SAUDADES_01


Ivan Leite - à esquerda - apresentou o 21o Festival comigo.
O maior e mais completo evento artístico cultural  das Américas chega ao final em sua 21ª Edição, e já deixa saudades.                 
Em cada palco montado foram, geradas horas e mais horas de arte, cultura e demais manifestações que sem dúvida deixaram marcas nas vidas de quem delas pôde participar.
Como apresentador oficial de mais uma edição, fico lisonjeado por ter sido indicado pela Prefeitura de Garanhuns, através da sua Secretaria de Turismo e referendado pela Comunicação Social à FUNDARPE para, pela 18a vez, fazer parte como anfitrião no palco da Esplanada Guadalajara.

Nos bastidores do Festival, sentimos de cara as mudanças implementadas pelo Governo do Estado através da sua fundação de Arte e Cultura, com a atenção total dos diretores, coordenadores, e assessores, sempre solícitos aos apelos da Imprensa local e demais  profissionais que precisavam de apoio no backstage, informações, acessos à artistas entre outras atividades.
Tive o prazer de trabalhar ao lado do artista Ivan Leite, apresentador dos carnavais de Recife e Olinda, que de forma lúdica personificava suas personagens  a cada noite, utilizando figurinos diferentes e uma linguagem clara de quem conhece a cultura pernambucana em todos os seus aspectos.
Na área de segurança, reinou paz e muita organização nos acessos à esplanada e áreas adjacentes o que levou inúmeras famílias à praça principal do evento.
Caminhando no Parque dos Eucaliptos, Pólo de atividades diversas, pude ver a grandiosidade do FIG, nos pavilhões montados, palcos de dança, circo, pop, além de estruturas de órgãos de saúde, educação e segurança do Estado e do Município.
Nas próximas postagens, falarei acerca dos outros pólos e demais curiosidades que acontecem nos bastidores do FIG.

segunda-feira, 18 de julho de 2011

O FESTIVAL DE INVERNO: DOS PALCOS PARA O PÚBLICO

Foto e Montagem: Marcelo Jorge.  

“Guerreou!!”
Esse era o grito de guerra da minha infância para mostrar que a brincadeira ou a ação, seja qual fosse, havia começado....
O Festival de Inverno de Garanhuns em sua 21ª edição (maioridade absoluta) começou bem com a homenagem ao saudoso pernambucano Lula Côrtes e nesse tom abriu a quinta feira com as homenagens de Alceu, Geraldo Azevedo e das bandas – primeira e última – do Côrtes. O homenageado, além de ser um dos polêmicos baluartes da música pernambucana – polêmico, vale salientar, por sua irreverência musical – esteve no primeiro FIG no longíquo 1991 e na edição do ano passado também, o que  lhe torna muito providencial todas essas homenagens.
O PALCO DA GUADALAJARA -  Estou no palco da Guadalajara – pela 17ª vez nesses 21 anos – como apresentandor oficial do evento -, juntamente com o Ivan Leite, um dos maiores comunicadores nos eventos populares de Pernambuco, mais precisamente no carnaval do Recife e região metropolitana. É um sujeito simples, competente e extremo conhecedor da cultura popular pernambucana e nordestina em todas as suas nuances e  nos demos bem na parceria de locução. A cada noite, faço digamos a parte mais institucional da apresentação, enquanto o Ivan que utiliza figurinos diversos representando elementos e personagens da cultura popular, faz  a parte lúdica e brincante, sem no entanto esquecer das informações e dicas sérias acerca da importância do FIG para nós pernambucanos e mais especificamente para nós de Garanhuns e do Agreste.
A IMPRENSA – A postura das emissoras de rádio, Jornais e revistas e blog’s de Garanhuns é de apurada eficiência e zêlo com o  FIG. Os nossos profissionais e amigos das Rádios FM Marano, Sete Colinas e 87 , da Rádio Jornal AM, além dos profissionais da Educativa FM e Difusora de Alagoas AM, ambas de Maceió, estão dando uma ampla cobertura ao nosso maior evento para o vizinho estado alagoano,  ao mesmo tempo em que todos  alertam os coordenadores do FIG e demais autoridades para os detalhes que podem melhorar o evento. Conversam diariamente com os artistas, roadies, montadores, equipes de som, empresários do trade turístico, políticos, equipes de segurança privadas e públicas, turistas e nativos acerca dos olhares para o FIG e todos tem sentido a percepção desses segmentos para com o evento. A unanimidade é que o Festival está cada vez maior e mais completo. Ainda tem FIG até o próximo sábado dia 24, e até lá, certamente muita água vai rolar: Principalmente vinda de cimaBom Festival para todos.

quarta-feira, 6 de julho de 2011

MINHA CRÔNICA PARA ROSSINI MOURA






Rossini Moura:

Nesse momento no qual escrevo este arremedo de crônica, estás certamente no céu ou como costumavas dizer “No Éter” - o céu dos filósofos e sonhadores. 
É final de tarde, chuvosa e fria. 06 de Julho de 2011. Certamente essa data já está marcada na minha vida e na de milhares de pessoas que te conheceram e principalmente na vida dos poucos mais próximos que te acompanharam nos teus últimos passos.
Rossini Moura, não foi apenas uma voz de entonação correta e modulada, mas uma alma encorpada pelos graves que enalteciam os poemas, comunicavam as alegrias ou os pesares, um mago da Escrita que expunha suas idéias, sem nunca relevar as idéias alheias. Rossini Moura que emprestava a voz para valorizar empresas e seus produtos, com criatividade e eficácia. Rossini Moura que sabia ser  impetuoso sem ser arrogante. Rossini Moura dos combates e ironias com quem merecia ser confrontado e doce com quem precisava ser confortado. Suas infindáveis crônicas matinais, esculpindo com letras o perfil de pessoas do nosso meio ou de fatos do cotidiano davam um sabor diferente aos nossos cafés da manhã e também enlevava as nossas almas.. Rossini Moura, dos cafezinhos ao final das tardes na “Suissa”, no “Brás” ou onde mais sua espirituosidade pudesse estar, era oi observador de plantão, atento porém discreto...   


Esse espaço, Rossini Moura, foi idealizado desde sempre para dar boas notícias e continua   mesmo com a tristeza da saudade, dando a boas novas da permissão que Deus lhe deu de conhecê-lo ao vivo, fora do ar na terra, 'on line' nos céus. Hoje tua alma descansa e teu corpo, já cansado, não mais te pesa.  Quando encontrares nosso amigo Humberto de Morais , o ‘Betinho’ conta as novas de Garanhuns. Ao nosso amigo Aluísio Alves, manda lembranças dos que aqui ficaram. Tenta encontrar o Thiago Correia, que foi tão cedo. E se veres o meu pai, Manoel Paes 'do Cinema Jardim', também teu amigo, dá-lhe um abraço apertado por mim... Ah, e Fala para todos eles em forma de crônica, com essa voz de veludo, das nossas saudades e de como o mundo é mais pobre sem eles...
Até breve, amigo da voz de ouro e do coração de GENTE... 


CLIQUEM NO LINK ABAIXO E VEJAM TRECHO DE VÍDEO RECENTE COM ROSSINI MOURA  

sábado, 2 de julho de 2011

GARANHUNS TEM A MELHOR DO MUNDO NO JUDÔ




A judoca garanhuense Raquel Ingrid, de apenas 15 anos brilhou numa competição realizada no final de junho, em Santiago do Chile. A atleta da Suíça Pernambucana foi campeã pan-americana individual e por equipe, na categoria juvenil. Melhor ainda: Recebeu o troféu Melhor Atleta Juvenil Feminino das Américas.

Além de Raquel Ingrid, outros dois atletas de Garanhuns, vinculados a Liga Pernambucana de Judô, também competiram e trouxeram bons resultados na bagagem. O judoca Luiz Carlos Ubirajara, de 18 anos, foi campeão Individual na categoria Júnior mais 100kg - pesado. Já Silas Souza, de 17 anos, foi vice-campeão Individual na categoria Júnior menos 90kg - médio e Por Equipe. O Mestre Carlos Tevano, que acompanhou os atletas, foi convidado a participar da Copa Internacional Kobaiashi, sagrando-se campeão Individual e Por Equipe, na categoria Sênior menos 81kg - meio médio, e ainda ganhou o Troféu Melhor Atleta da Categoria. Luiz Carlos Ubirajara, também competiu na Copa Kobaiashi e foi premiado com medalha de prata.

De acordo com o presidente da Liga Pernambucana de Judô, Carlos Tevano, essa foi a melhor participação de atletas de Pernambuco, em campeonatos desse nível, e com certeza, o título mais expressivo alcançado pelo Judô de Garanhuns. (Na foto Raquel e Carlos Tevano).

Meu comentário: Garanhuns deve se orgulhar de tudo que tem de bom. Carlos Tevano, sua integridade pessoal e profissional nos tornam orgulhosos por fazer contar com sua amizade. Sua equipe segue os mesmo princípios.  Parabéns Carlos Eugênio e Prefeito Luiz Carlos pelo apoio municipal. Parabéns Tevano! Parabéns Raquel!